E-Sports: O bom e o rentável do mundo dos jogos online

O mundo se globalizou, os tempos mudaram e a juventude não quer mais saber de brincadeiras de “pique” ou bolas de gude. Os games, os populares jogos eletrônicos tomaram conta da cabeça de jovens e adultos em todo o globo.

O que até então era um passatempo para os jovens e um hobby para os não tão jovens começou a ocupar mais o tempo destas pessoas e a arrebanhar cada vez mais adeptos, jogos super populares como Dota 2, Counter Strike, League of Legends, Halo,  dentre outros tem ganhado cada vez mais atenção de todos os adeptos dos eletronic games.

O que antes era apenas um simples passatempo agora se tornou fonte de renda, e claro, como em tudo na vida, quem se destaca chama atenção e quem chama a atenção vira ídolo, e ganha admiradores, ou no caso, torcedores, sim, torcedores, pois os games agora tem uma categoria no mundo dos esportes para chamar de sua, o E-Sport.

Resultado de imagem para Dota 2, Counter Strike, League of Legends, Halo

Os campeonatos de E-Sports em todo o mundo tem levado multidões para as arenas onde os invocadores, atiradores, etc, disputam para serem os melhores em seus games. Em julho a final nacional de League of Legends lotou o ginásio do Ibirapuera em São Paulo com mais de 15 mil espectadores e contou com uma parceria inédita com os canais Sportv que transmitiram os jogos da segunda etapa do CBLOL. Na ocasião a equipe INTZ venceu por 3×1 e garantiu vaga na repescagem mundial.

league-of-legends3

.

De acordo com a revista Forbes, League of Legends é o game online mais jogado do mundo, movimentando milhões de dólares ao redor do globo em campeonatos regionais e intercontinentais. Números que vão desde premiações até a multa rescisória de R$1 milhão para contratar um dos jogadores de elite no Brasil.

.

Enquanto League of Legends é o jogo mais rentável e jogado no mundo, seu principal concorrente, Dota2, bateu mais uma vez o recorde de premiação que já era seu e está oferecendo aos times uma soma aproximada de 18 milhões de dólares, e não deve parar por aí já que a premiação aumenta com as vendas de Battle Pass, que possibilita ao usuário obter vários itens dentro do jogo e ainda traz o Compêndio do International, um recurso interativo com perfis de jogadores profissionais e previsões do campeonato. 25% de cada venda do Battle Pass vão diretamente para o prêmio final do The International.

.

O The International de Dota2 será de 8 a 13 de agosto no KeyArena, em Seattle e já tem os ingressos para as finais esgotados, mais informações aqui

Com todos estes números e todas as informações acima fica fácil para os jovens agora convencerem aos pais que E-Sports é bom e rentável, mas talvez ainda não consigam convencê-los que não dá para pausar jogos online.

the author

Sou Otaku, Nerd, Gamer, mestre Pokemon, Pirata chapéu de palha, Saiyajin e já fui até Ninja de Konoha.