The Walking Dead #164: Edição é antecipada e caminha para o recomeço

ALERTA DE SPOILER: Se você acompanha a série e/ou ainda não leu os quadrinhos, nem comece!

.

Os quadrinhos de The Walking Dead há um bom tempo tem sido publicados mensalmente, porém a edição #164 foi publicada essa semana (15/02); suprindo assim a ansiedade dos fãs por saberem o que aconteceu com Rick após a invasão de Alexandria pela manada incitada por Beta (dos Sussuradores). Por mais que a edição #163 tenha sido finalizada com o caos reinando em Alexandria, esta nova edição, intitulada A Fallen House (Uma Casa Caída), é muito mais que isso. A edição #164 – segunda após a saga The Whisperer War (Guerra dos Sussurradores) – trás uma sensação de recomeço para o povo de Alexandria e Hilltop; e em especial para Rick e Negan.

A própria capa de The Walking Dead #164 deixa bem claro o sentido de recomeço, note que a própria logo representa o nascer do Sol; ao longo das 24 páginas vemos uma comunidade coesa, onde as dificuldades de sobrevivência não são mais os walkers. Outro ponto chave que vem amadurecendo desde a edição #156 é: A mudança de Negan.

Este ponto chave – até o momento – comprova que a caminhada de Rick para trazer a sociedade “de volta a vida” está na direção certa. Mas não podemos esquecer de que Robert Kirkman também tem ajudado bastante na humanização de Negan, claro.

Confira a capa da edição especial Here’s Negan (Aqui está Negan), que conta o passado do vilão no início do apocalipse zumbi até onde o conhecemos.

Confira abaixo a evolução do vilão mais carismático de The Walking Dead nestas últimas edições:

E você, acompanha os quadrinhos de The Walking Dead? Conte-nos quais suas expectativas para as próximas edições e sua opinião sobre o novo Negan. Será que ele realmente abandonou o “lado negro da Força”? não se esqueça de nos acompanhar nas redes sociais:

FacebookInstagramPinterestTwitter

the author

Um carioca nerd de alma e coração. Cinéfilo, viciado em livros e que chama seu Xbox One de Wilson (entendedores entenderão).