Noites Sombrias #50 | O Grito: Saiba tudo sobre a franquia

    O Grito foi um filme que impactou muita gente, é impossível falar sobre obras de terror e não lembrar do frio na espinha que nos causou.

    Por diversos motivos O Grito conseguiu ser um dos favoritos para quem aprecia terror, portanto, não poderíamos deixar de fazer um baita artigo contando sobre a sua origem e com a linha cronológica completa dessa franquia.

    ORIGEM

    O cinema japonês utiliza bastante de recursos sobrenaturais para basear suas produções, no caso de Ju On (nome original), o tão respeitado Takashi Shimizu deu vida ao folclore japonês.

    Segundo a história nipo, existem espíritos denominados Onryō que vagam pelo plano físico em busca da sua vingança após passarem por uma morte violenta.

    Assim, a franquia traz o espírito de Kayako que passou por um casamento extremamente violento, nessas agressões sofridas pelo marido, o mesmo matou de forma brutal a esposa em frente ao seu filho, que era apenas um menino.

    Logo, Kayako e seu filho se tornam espíritos Onryō que desejam retaliar todos que passam pelo seu caminho, mas especificamente, aqueles que vivem na casa onde a família morou e onde os assassinatos foram cometidos.

    Especula-se que Takashi se inspirou no estilo de dança Butoh para construir o visual de Kayako, para quem não sabe, é uma dança considerada sombria japonesa que teve seu surgimento após a guerra, com seu ápice nos anos 70.

    KATASUMI e 4444444444 (1998)

    o grito

    Poucos sabem, mas antes de fazer muito sucesso e receber grandes quantias de investimento para a suas ideias, Takashi Shimizu começou a trabalhar em sua mais famosa franquia com pouquíssima verba.

    Isso resultou nesses curtas, apesar de em alguns momentos ficarem muito caricatos devido ao baixo orçamento, conseguimos ver o talento do diretor em nos deixar nos tremendo de medo.

    JU-ON (O GRITO) – A MALDIÇÃO PARTE 1 (2002)

    o grito

    Novamente escrito e dirigido por Takashi, aqui vemos a sua capacidade de trabalhar com um pouco mais de verba.

    Acompanhamos um professor que vai até residência de dois alunos que estão ausentes da sua escola, embalado pela preocupação com seus alunos, o professor fica ligado ao que tem de bizarro na casa.

    JU ON (O GRITO) – A MALDIÇÃO PARTE 2 (2003)

    o grito

    Nesta parte, além de detalhes sobre o macabro que foi apresentado na primeira parte, vemos aqueles caírem no mesmo destino que o professor, ao serem conectados com a casa em questão.

    O GRITO (2004) 

    o grito

    Ju On, é o nome original em japonês, já “O Grito” é o nome da produção estadunidense que felizmente conta com a direção do diretor Takashi Shimizu.

    Nessa versão, uma enfermeira norte-americana trabalha e mora no Japão, e em qual residência que ela passa a ter contanto? Essa mesma, a que tem os espíritos furiosos da mãe e seu filho.

    O GRITO 2 (2006)

    Os norte-americanos gostaram bastante do trabalho de Takashi e toda a potência dessa história, logo, percebendo também o sucesso de bilheterias, resolveram chamar o diretor para uma sequência.

    Na qual mostra a irmã da enfermeira que descobre que a mesma está internada no hospital no Japão, bastante intrigada, decide investigar o que aconteceu na casa.

    O GRITO 3 (2009)

    Dessa vez, o criador da franquia decidiu não participar, logo a responsabilidade de dirigir o filme ficou nas mãos do americano Toby Wilkins.

    Uma família amaldiçoada pelo espírito de Kayako encontra ajuda em uma jovem japonesa que diz que sabe o segredo para solucionar de vez o problema com esse espírito vingativo.

    JU-ON: WHITE GHOST/ JU-ON: BLACK GHOST (2009)

    Para homenagear e comemorar os 10 anos de criação da franquia, a cineasta Mari Asato criou esses dois spin-offs produzidos de forma totalmente independentes.

    JU-ON: OWARI NO HAJIMARI (2014)

    o grito

    Dessa vez, o diretor Masayuki Ochiai resolveu colocar a mão na massa dessa franquia, voltando a para a história de uma família amaldiçoada durante a história.

    JU-ON: A MALDIÇÃO FINAL (2015)

    Masayuki, nesta produção vemos uma visão sobre as origens e intenções dos espíritos, até mesmo uma alteração sobre a perspectiva de outra figura importante da história original.

    SADAKO VS. KAYAKO (2016)

    Com uma pegada bem trash, o diretor Kōji Shiraishi (Noroi) criou um certo duelo entre essas duas estrelas do terror.

    Nele uma família se muda para um apartamento ao lado da tão famosa casa amaldiçoada, enquanto duas jovens compram uma fita de videocassete e descobrem que é justamente a fita de Sadako.

    Logo, no desenrolar da trama, os dois espíritos vingativos se encontram nessa batalha quase cômica.

    O GRITO (2020)

    Em 2020, tivemos dois lançamentos da franquia, o primeiro é o filme que conta com a direção de Nicolas Pesce. A sua escolha foi mostrar uma mulher e um detetive que resolvem investigar um assassinato de uma família.

    O GRITO: ORIGENS (2020)

    O segundo é a série original da plataforma Netflix, que como se nome já anuncia, conta a origem dessa maldição. 

    Partindo de histórias de 2 mulheres atordoadas de formas diferentes, a primeira possui um passado tão violento e bizarro quando seu presente e segunda está sendo perturbada por sons estranhos, principalmente, enquanto dorme.

    É importante pontuar que não são todas as obras que possuem a qualidade que estamos acostumados, quando muitos possuem interesse na franquia, a sua qualidade de apresentar um terror surrealista e sem exageros, de forma bem crua, vai sumindo.

    Basicamente, as melhores obras são aquelas dirigidas e roteirizadas pelo Takashi Shimizu.

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Noites Sombrias #67 | Jason Vai Para o Inferno: A Última Sexta-Feira 13 (1993, Adam Marcus)

    Jason Vai Para o Inferno é o sexto filme da franquia de um dos ícones da cultura pop e que trouxe um misto de sentimentos na crítica.

    Top Gun: Maverick | Quem é o elenco do novo filme?

    Mais de 30 se passaram do clássico Top Gun, agora Tom Cruise está de volta em Top Gun: Maverick! Conheça o elenco.

    TBT #177 | Clube dos Cinco (1985, John Hughes)

    Clube dos Cincos é um daqueles clássicos dos anos 80 e seria uma heresia se não estivesse no TBT do Feededigno.

    10 produções com temática viking

    Confira filmes, games e séries sobre a temática viking para você aproveitar enquanto não chega ao Valhalla!