Início FILMES Crítica CRÍTICA – Ataque dos Cães (2021, Jane Campion)

CRÍTICA – Ataque dos Cães (2021, Jane Campion)

ataque dos cães

Ataque dos Cães é o mais novo longa original da Netflix, estrelado por Benedict Cumberbatch (Sherlock) e dirigido por Jane Campion.

SINOPSE DE ATAQUE DOS CÃES

Phil (Benedict Cumberbatch) é um caubói rude e que está extremamente incomodado com a decisão de seu irmão George (Jesse Plemons) trazer para morar com eles a sua nova companheira, Rose (Kirsten Dunst) e o jovem Peter (Kodi Smit-McPhee).

ANÁLISE

Ataque dos Cães traz à tona uma discussão bastante relevante sobre a masculinidade tóxica e como ela afeta o dia a dia de muitas pessoas no seio familiar. Na figura de Phil, há aqui uma oportunidade de mostrar o quão ruim um homem que precisa se provar o tempo todo e coloca barreiras em seus sentimentos e atitudes é para um ambiente, mas, principalmente, para si mesmo.

Phil não é feliz, tampouco faz os outros à sua volta felizes. Seu comportamento afasta a todos e o deixa com um ar ameaçador, mesmo que não seja tudo isso dentro de si mesmo. Benedict Cumberbatch consegue passar muito bem isso e em alguns diálogos é brilhante em sua atuação.

Entretanto, não é só ele que brilha, pois Kodi Smit-McPhee consegue também ter uma atuação muito boa com seu personagem Peter, que possui uma ampla complexidade. O jovem é tímido e sensível, mas muito forte. Por mais que caçoem dele, ele sabe o que quer e as suas descobertas são bem executadas pelo ator. A conexão mental e sexual de Phil e Peter é muito bem construída pela diretora Jane Campion, que deixa no nosso imaginário diversas situações que aconteceram. A subjetividade é uma marca forte de Ataque dos Cães que foca em nossa imaginação, buscando não nos contar em palavras tudo aquilo que está ali na nossa frente, algo extremamente positivo em um filme bastante contemplativo.

Como destaque também temos Rose, interpretada brilhantemente por Kirsten Dunst que vai muito tranquilamente do amor incondicional por seu filho à ojeriza pela sua vida, pois está apenas existindo por meio da bebida, escolhendo a embriaguez como realidade. Sua personagem é dura, amargurada, invejosa e realista.

VEREDITO

ataque dos cães

Ataque dos Cães é um filme que nos faz pensar como alguns paradigmas devem ser quebrados para que se viva uma vida plena e sem amarras. Com atuações poderosas e uma direção sensível, o longa tem tudo para aparecer nas premiações, principalmente por conta de muita inspiração. Contudo, a obra não irá agradar a todos, pois seu ritmo lento e texto denso vão afastar quem busca um entretenimento mais escapista.

Nossa nota

4,2/5,0

Confira o trailer de Ataque dos Cães:

Inscreva-se no YouTube do Feededigno

Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

Artigo anteriorCRÍTICA – Asterix & Obelix: Slap them All! (2021, Microids)
Próximo artigoREVIEW – GameSir T4 Mini (2021, GameSir)
Relações-públicas, gremista, nerd, escorpiano e palestrinha. Parece futebolista, pois só vive descendo a lenha. DC é melhor que Marvel, todavia, amamos as duas.