CRÍTICA – Paris, 13º Distrito (2022, Jacques Audiard)

    Paris, 13º Distrito é um longa francês dirigido por Jacques Audiard e que teve indicações no Festival de Cannes.

    SINOPSE DE PARIS, 13° DISTRITO

    Três jovens adultos tem vidas entrelaçadas, passando por diversos momentos de dificuldades, alegrias e relacionamentos intensos, criando uma série de histórias cruzadas no 13° Distrito de Paris.

    ANÁLISE

    Paris, 13º Distrito é o tipo de filme que busca fazer uma análise da geração atual de adultos, principalmente no que se refere aos relacionamentos.

    De fato, há uma construção de um pensamento voltado para a forma bastante fria e distante, mesmo que com sentimento, de como nossos namoros funcionam e de que pessoas são cada vez mais descartáveis em uma busca de aceitação e prazer.

    Sobre a estética do da obra, há aqui um cuidado artístico, com uma trilha sonora calma, baseada no jazz e no blues, com uma película visual em preto e branco que dão um toque artístico para Paris, 13º Distrito.

    As atuações são boas e a discussão é válida, contudo, as diversas cenas de sexo causal bem explícitas podem causar algum constrangimento em alguns momentos, uma vez que elas são bem reais e intensas.

    O texto tem uma profundidade interessante, pois apresenta de forma bastante crível um comportamento atual, mas se o enfoque fosse nas histórias peculiares daquele lugar, talvez Paris, 13º Distrito conseguisse ser ainda mais interessante.

    O desfecho é agridoce, mas muito dentro da proposta de um filme que sabe aonde quer chegar, mesmo que conte uma trama bastante fechada em um mundo de três indivíduos completamente diferentes, mas que se complementam nos detalhes.

    VEREDITO

    Paris, 13º Distrito é um longa atual, inteligente e com um toque bastante crível, todavia, sem perder a arte do cotidiano. Suas virtudes se sobressaem aos seus problemas, algo muito bom para um filme tão agradável e suave.

    Nossa nota

    4,0/5,0

    Confira o trailer de Paris, 13º Distrito:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    TBT #183 | Platoon (1986, Oliver Stone)

    Platoon, de Oliber Stone sem dúvida está na lista dos fãs de filmes de guerra. Veja nossa clássica indicação de TBT!

    CRÍTICA – Amor & Gelato (2022, Brandon Camp)

    Amor & Gelato é a nova aposta de filme de romance da Netflix. Baseado no livro homônimo de Jenna Evans, o longa é dirigido por Brandon Camp.

    Thor: Amor e Trovão | Conheça o elenco do filme

    Agora falta pouco para Thor: Amor e Trovão chegar aos cinemas! Confira neste artigo quem são os personagens e atores envolvidos na produção.

    CRÍTICA – O Apocalipse do Amor (2022, Hilal Saral)

    O Apocalipse do Amor é um filme turco dirigido pela diretora Hilal Saral. Veja o que achamos da produção de estreia da diretora turca.