CRÍTICA – Sempre em Frente (2022, Mike Mills)

    Sempre em Frente é o novo filme da produtora A24, dirigido e roteirizado por Mike Mills. No elenco estão Joaquin Phoenix, Gaby Hoffmann e Woody Norman

    SINOPSE DE SEMPRE EM FRENTE

    Johnny (Joaquin Phoenix) é um jornalista de rádio que possui um projeto jornalístico onde, atravessando os estados norte-americanos, ele segue entrevistando várias crianças sobre seus pensamentos a respeito do mundo e do futuro. Mas, a pedido de sua irmã, Viv (Gaby Hoffmann), Johnny fica encarregado de cuidar de seu jovem sobrinho Jesse (Woody Norman). Jesse traz para a vida do jornalista, uma nova perspectiva e, conforme eles viajam pelo país, logo Johnny começa a olhar seu próprio mundo de outra forma. 

    ANÁLISE

    sempre em frente

    Jornalistas e crianças são curiosos por natureza, não à toa fazem inúmeras perguntas sobre os mais variados assuntos. Talvez, a única coisa que possa lhes diferenciar seja as respostas que recebem. Mike Mills constrói uma narrativa comovente e reflexiva em seu novo filme, Sempre em Frente trata sobre relações a partir da perspectiva de um jornalista e uma criança. 

    Johnny, interpretado por um charmoso e melancólico Joaquin Phoenix, aceita tomar conta do sobrinho Jesse, que não vê a um bom tempo,  para a irmã que precisa viajar para auxiliar o marido Paul, que tem problemas psicológicos. Além do fato de Johnny ter pouca ligação com Jesse devido ao afastamento da irmã após a morte de sua mãe, o jornalista está trabalhando em uma produção de áudio que roda os Estados Unidos fazendo perguntas para crianças sobre o que elas imaginam do futuro. 

    É nesse cenário que a relação de Johnny e Jesse começa a ser desenvolvida lentamente. Como roteirista, Mills constrói personagens profundos e os coloca em debate um com o outro. Jesse, é uma criança de nove anos extremamente observadora e inteligente, sempre com perguntas pertinentes que colocam Johnny em verdadeiras reflexões. Já o tio, é um homem solitário, mas gentil e de bom humor.

    A leveza da dupla é o que torna Sempre em Frente um filme poético e encantador. Não só existe um conflito de gerações, como também muita troca de experiências e informações sobre a vida. Dessa maneira, tanto Joaquin Phoenix, como Woody Norman estão incríveis, cada um com imensa sensibilidade depositando medos, felicidades, frustrações e alegrias em seus personagens. 

    O diretor Mike Mills já é conhecido por criar dramas familiares potentes, como em Mulheres do Século 20. Contudo, em Sempre em Frente, os aspectos cinematográficos dão um toque a mais a essa obra dramática. Além de utilizar o preto e branco para o filme, a fotografia de Robbie Ryan se destaca pelos tons de cinza utilizados, o que ressalta os aspectos das cidades que Johnny e Jesse visitam. É como que cada lugar, Los Angeles, Nova York, Detroit e Nova Orleans falasse de uma forma diferente e única com a dupla. 

    A dinâmica entre Johnny e Jesse propõe momentos muito íntimos e sinceros ao filme, a conexão entre os dois começa a medida que cada um vai ganhando a confiança do outro. Mas também há momentos de confusão, como na cena em que Jesse se perde na loja de doces e causa uma discussão com Johnny. 

    Após o ocorrido, Johnny consulta a irmã sobre como deve agir e se desculpar com o sobrinho. São cenas, como estas, doces e comoventes ao mesmo tempo, que Sempre em Frente mostra sua capacidade dramática.  Afinal, relacionamentos são complicados, e às vezes é preciso errar, para depois acertar. 

    Sendo assim, Sempre em Frente é um filme singelo, sem grandes produções cinematográficas, mas um poder enorme de compreensão. O filme, até mesmo, carrega um tom de documentário à medida que vemos Johnny entrevistando as crianças e perguntando sobre quem elas são, como percebem suas cidades e o que esperar para o futuro. O próprio Jesse, que hesita em responder, acaba se rendendo ao equipamento de gravação do tio, e responde essas perguntas tão difíceis até para um adulto. 

    VEREDITO

    Infelizmente, Sempre em Frente foi esnobado nas grandes premiações do ano. No entanto, é um belíssimo filme que ao falar sobre relacionamentos familiares de uma maneira honesta traz comoção e aprendizado. O mais interessante, certamente, é a dupla Phoenix e Norman que brilham em suas performances. 

    Nossa nota

    5,0/5,0

    Confira o trailer de Sempre Em Frente:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Lançamentos Netflix: Veja o que chega em junho

    Junho já está chegando e nada melhor que ficar por dentro dos próximos lançamentos Netflix! Veja as produções da gigante do streaming.

    TBT #281 | ‘O Culpado’ é suspense que prenderá do início ao fim

    O Culpado é a nossa indicação do TBT. O longa é um suspense repleto de detalhes que te prenderá do início ao fim.

    Filmes inspirados em eventos reais que você vai querer ver para acreditar

    Existem muitas opções disponíveis, mas selecionamos uma lista de 7 filmes inspirados em histórias verdadeiras e que valem a pena.

    TBT #280 | ‘Janela Indiscreta’ é um filme de suspense à frente de seu tempo

    Janela Indiscreta é estrelado por James Stewart e Grace Kelly e é um dos maiores filmes de suspense de seu tempo, brincando sempre com nossa perspectiva do real e irreal.