Mr. Bean: Ator Rowan Atkinson espera o fim do personagem

    O ator Rowan Atkinson, que dá vida ao inconfundível Mr. Bean, está cansado de interpretar seu inconfundível e icônico personagem.

    Atkinson comentou sobre sua permanência no papel durante uma entrevista ao canal de comunicação do Radio Times UK, onde também falou também sobre a “cultura do cancelamento”, que parece também ser um fator para o cansaço do ator devido à pressão.

    Na verdade, Rowan Atkinson diz que não se diverte muito interpretando o personagem, e que está pronto para deixar essa parte de sua carreira para trás.

    Eu não gosto muito de interpretá-lo. O peso da responsabilidade não é agradável. Acho isso estressante e exaustivo e estou ansioso para o fim disso.”

    Atkinson começou no papel de Mr. Bean em 1990, tendo uma série que durou até 1995. O personagem viria a ter alguns filmes e uma série de animação está a caminho.

    Para o ator, as séries animadas são um pouco mais fáceis do que os títulos em live action:

    “Tendo feito uma série de animação para a TV, estamos agora no sopé do desenvolvimento de um filme de animação para o Mr. Bean. É mais fácil para mim interpretar o personagem vocalmente do que visualmente.”

    Rowan Atkinson também falou sobre suas opiniões a respeito dos usuários de mídia social que criam o que é conhecido como “cultura de cancelamento”, que essencialmente gera um boicote de indivíduos cujos pontos de vista são extremamente contrários aos outros.

    “O problema que temos online é que um algoritmo decide o que queremos ver, o que acaba criando uma visão simplista e binária da sociedade. Torna-se um caso de você estar ‘conosco’ ou ‘contra nós’. E se você está contra nós, você merece ser ‘cancelado’. É importante que estejamos expostos a um amplo espectro de opiniões, mas o que temos agora é o equivalente digital da multidão medieval vagando pelo ruas à procura de alguém para queimar. Por isso, me assusta quem é vítima dessa turba e fico com medo do futuro.”

    E você, é fã do Mr. Bean? Deixe seus comentários abaixo a respeito do posicionamento de Atkinson.

    Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

    Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição

    Artigos relacionados

    CRÍTICA – O Apocalipse do Amor (2022, Hilal Saral)

    O Apocalipse do Amor é um filme turco dirigido pela diretora Hilal Saral. Veja o que achamos da produção de estreia da diretora turca.

    Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo: Quem é quem no longa da A24?

    Conheça o elenco de Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo, filme original da produtora A24 que tem recebido muitos elogios da crítica.

    CRÍTICA – O Homem de Toronto (2022, Patrick Hughes)

    O Homem de Toronto é a mais nova comédia de ação da Netflix. O filme é estrelado por Kevin Hart e Woody Harrelson.

    UCM: 10 equipes que podem vir a estrelar a Fase 4

    O UCM não está tão longe de apresentar seu mais novo grande arco. Confira 10 equipes que seriam interessantes de ver nas telonas.