No Ritmo do Coração: Longa vencedor em Sundance estreia no Brasil em setembro

    No Brasil, a comédia dramática Coda ganha o título No Ritmo do Coração e será lançada com exclusividade nos cinemas pela Diamond Films em 23 de setembro.

    O filme, vencedor dos prêmios de Melhor Filme por público e júri do Festival de Sundance 2021, é escrito e dirigido por Siân Heder (Orange is The New Black e Glow) e aborda a relação da jovem Ruby Rossi com a família e os seus sonhos.

    Em No Ritmo do Coração, Ruby (Emilia Jones) é a única pessoa que não é surda em sua família e, por isso, assumiu o importante papel de intérprete dos pais e do irmão mais velho. Ao mesmo tempo em que enfrenta os desafios da adolescência e os dilemas da família, Ruby descobre seu grande talento para cantar.

    Com a mentoria do professor de música Bernardo Villalobos (Eugenio Derbez), decidido a ajudá-la a alcançar seu verdadeiro potencial e treinando-a para uma importante audição na universidade de música Berklee, em Boston, Ruby se vê dividida entre seguir o amor pela música e o medo de precisar abandonar os pais.

    O elenco de No Ritmo do Coração, – composto por Emilia Jones, Troy Kotsur, Eugenio Derbez, Daniel Durant, Ferdia Walsh-Peelo, Amy Forsyth e a vencedora do Oscar Marlee Matlin -, é parte ouvinte e parte surdo. Com distribuição da Diamond Films no Brasil e em outros países da América Latina, No Ritmo do Coração é baseado no premiado filme francês La Famille Bélier.

    O título original CODA vem da sigla da organização internacional Children of Deaf Adults e o nome também é usado no Brasil para se referir às pessoas que são ouvintes e têm pais surdos. O filme alcançou o marco de venda mais cara da história do festival de Sundance para uma exibição híbrida no exterior.

    Confira o trailer

    Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

    Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

    Artigos relacionados

    CRÍTICA – Mulher-Gato: A Caçada (2022, Shinsuke Terasawa)

    Mulher-Gato: A Caçada é a mais nova aposta da DC e conta com alguns nomes conhecidos em seu elenco de voz. Confira nossa crítica.

    Noites Sombrias #78 | Os melhores filmes de horror do primeiro semestre de 2022

    Confira no Noites Sombrias #78 os melhores filmes de horror de 2022 até agora! Selecionamos os que estão bombando no momento.

    CRÍTICA – O Predador: A Caçada (2022, Dan Trachtenberg)

    O Predador: A Caçada ou Prey é um longa dirigido por Dan Trachtenberg e conta com Amber Midthunder como protagonista.

    TBT #188 | Onze Homens e Um Segredo (2002, Steven Soderbergh)

    Onze Homens e Um Segredo é o filme escolhido do TBT de hoje e é um remake de um longa dos anos 60. A...