Noites Sombrias #15 | Tudo sobre Espiral, o reboot de Jogos Mortais

    No Noites Sombrias de hoje, falaremos sobre Espiral: O Legado de Jogos Mortais, longa que tem Chris Rock como protagonista.

    Após hiato de 2 anos, Jogos Mortais, criado em 2004, ganha reboot e volta às telonas no dia 21 de maio com Espiral: O Legado de Jogos Mortais. O elenco conta com Samuel L. Jackson, Max Minghella, Marisol Nichols, Zoie Palmer e Genelle Williams e o já citado Chris Rock.

    SINOPSE DE ESPIRAL

    Trabalhando nas sombras de um policial veterano (Samuel L. Jackson), o impetuoso detetive Ezekiel “Zeke” Banks (Chris Rock) e seu parceiro novato (Max Minghella) assumem a responsabilidade de uma investigação medonha de assassinatos que fazem parte do passado assombroso da cidade. Involuntariamente aprisionado em um mistério profundo, Zeke se vê no centro do jogo mórbido do assassino.

    OS BASTIDORES DE ESPIRAL

    Em entrevista ao podcast No Prize From God, o diretor Darren Lynn Bousman, que retorna à cadeira de direção no longa, revelou alguns detalhes sobre o personagem de Chris Rock, indicando que ele enfrentará seus demônios no novo capítulo da franquia.

    Especificamente, o personagem de Chris Rock está lidando com certos traumas, os quais acredito que eu e muitos outros irão compreender. Mais com a ideia de pai e filho, visto que Samuel L. Jackson será seu pai. Teremos muito em relação a isso.”

    Darren afirmou em outra entrevista que o reboot irá expandir a mitologia da icônica saga gore e que inclusive veremos até momentos mais cômicos que dificilmente veríamos nos filmes anteriores.

    Eu posso dizer que esse longa parece um filme da franquia em alguns momentos, mas é algo completamente diferente em outros. Ele irá expandir a mitologia de ‘Jogos Mortais’ e levará a história para uma direção completamente nova. É muito interessante.”

    Alguns veículos internacionais já assistiram ao longa e deixaram suas opiniões sobre ele. Apesar de tentativas de introduzir novas ideias para conquistar o público e ganhar relevância, há um consenso de que o resultado é mais do mesmo e não justifica a abordagem de reboot disfarçado, mas vale a experiência.

    CONFIRA ALGUMAS CURIOSIDADES SOBRE JOGOS MORTAIS

    Um dos cenários mais icônicos dos filmes, o banheiro, poderia ter sido um elevador.

    O escritor Leigh Whannell e o diretor James Wan juntaram o útil ao agradável, enquanto eles já tinham o interesse de fazer um filme que se passasse em um único cenário, o problema do orçamento ajudou muito, uma vez que foi muito mais barato gravar quase tudo em apenas um espaço.

    Jogos Mortais não foi adaptado de uma HQ, pelo contrário, fizeram uma HQ por conta do filme, e foi denominada “Saw Rebirth”.

    Embora seja uma franquia revolucionária, o primeiro filme foi gravado em apenas em 18 dias!

    Surpreendentemente, a maioria dos filmes tiveram gravações em Toronto, no Canadá.

    A cena onde o personagem mergulha a mão na privada imunda é feita em homenagem a Danny Boyle, de Trainspotting.

    Fonte: NIT

    Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

    Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

    Artigos relacionados

    TBT #284 | “Festival Sangrento” tenta emplacar horror, mas falha

    Festival Sangrento é uma curiosa crítica que acaba por abraçar o que ela parece criticar com tanto afinco. O filme falha como um horror, mas pode divertir.

    O que é o Festival de Cannes? Saiba mais sobre o evento anual de cinema e confira 4 recomendações de filmes

    Criado em 1946, o Festival de Cannes é um dos eventos de cinema mais prestigiados do mundo e acontece na cidade de Cannes, na França.

    TBT #283 | ‘Par Perfeito’ surpreende por diversão e espionagem

    Par Perfeito é uma ótima comédia. Lançado em 2010, somos lançados na história do casal Jen e Spencer, cujas vidas mudam em 24 horas.

    CRÍTICA: ‘Furiosa – Uma Saga Mad Max’ é lindo e cromado como todos os filmes da franquia

    Furiosa é o mais novo capítulo da saga Mad Max. Agora, mergulhamos no passado da icônica personagem de Estrada da Fúria.