Noites Sombrias #79 | A Escada Para o Inferno (2022, Brendan Muldowney)

    A Escada Para o Inferno (The Cellar) é o filme que traz como protagonista a atriz Elisha Cuthbert de Show de Vizinha. A direção é de Brendan Muldowney.

    SINOPSE DE A ESCADA PARA O INFERNO

    Keira Woods (Elisha Cuthbert) e sua família se mudam para uma nova casa por conta do momento vida profissional da nossa protagonista. A mudança não é bem recebida por Ellie (Abby Fitz), filha mais velha de Keira, que odeia cada minuto da situação.

    As coisas pioram quando a garota some misteriosamente no porão da casa, criando um mistério a ser resolvido pela família inteira.

    ANÁLISE

    A Escada para o Inferno

    A Escada Para o Inferno tem cara, jeito e é o tipo de filme de terror de shopping center, pois traz todos os elementos mais básicos de uma trama desse formato de obra: sustos baratos com jump scares datados, cenas com muita maquiagem, um mistério a ser resolvido com um plot-twist e jovens em perigo que tentam nos deixar aflitos por conta de que crianças, adolescentes e idosos serem sempre os alvos para buscar sustos no espectador.

    Essa premissa básica não funciona para nos prender, pois, de fato, é muito difícil nos afeiçoar a qualquer um dos personagens em tela, principalmente pelas atuações abaixo do aceitável do elenco. Cuthbert não consegue expressar emoções, fazendo uma cara de paisagem em vários momentos em que deveria estar desesperada buscando sua filha a qualquer custo. Tão fraco quanto ela é Eoin Macken, que dá vida a Brian Woods, o marido de Keira, que é ainda mais robótico e só consegue passar indiferença e confusão.

    No elenco juvenil, se salvam Dylan Fitzmaurice Brady que entrega o mínimo como Steven, o filho caçula, e a melhorzinha do time é Abby Fitz, que mesmo tendo que fazer uma jovem insuportável, consegue entregar uma boa atuação, mostrando nuances de uma adolescente que mostra na raiva e no medo seus sentimentos mais profundos por conta de traumas que vem passando.

    A direção se esforça em tentar causar sustos genuínos, mas falha miseravelmente com uma proposta básica de jump scares baratos e telegrafados quem em nada ajudam, tampouco nos fazem pular da cadeira. A maquiagem é ruim, com um aspecto bem bizarro das almas perdidas e o CGI é competente, pois eles usam muito a falta de luz dos cenários para deixar o ambiente menos atraente, o que funciona, mesmo que o uso do espaço em si seja bem abaixo do que deveria, uma vez que a casa é enorme, contudo, apenas uns dois ou três cômodos são utilizados.

    A trama é bastante simples e o roteiro tenta dar uma complexidade maior, pois há pouco com o que trabalhar aqui. Existe uma proposta diferente de inferno, muito parecida com o Sekishiki de Os Cavaleiros do Zodíaco, com almas penadas perambulando sem rumo, o que realmente é interessante. A ideia de mostrar o desaparecimento da filha dos Woods morre logo em seguida, o que causa um estranhamento muito grande. No que se refere ao sobrenatural, A Escada Para o Inferno funciona, já na parte mais realista, o filme cai em desgraça.

    VEREDITO

    A Escada Para o Inferno é clichê e pouco acrescenta na experiência de quem já está acostumado com filmes do gênero, pois não apresenta nada de novo, tampouco tem uma estrutura competente, se salvando em alguns aspectos do roteiro e as atuações do elenco jovem. Caso você não esteja disposto a ter quase duas horas de marasmo, não assista o longa.

    Nossa nota

    1,5/5,0

    Confira o trailer de A Escada Para o Inferno:

    Acompanhe as lives do Feededigno na Twitch

    Estamos na Twitch transmitindo gameplays semanais de jogos para os principais consoles e PC. Por lá, você confere conteúdos sobre lançamentos, jogos populares e games clássicos todas as semanas.

    Curte os conteúdos e lives do Feededigno? Então considere ser um sub na nossa Twitch sem pagar nada por isso. Clique aqui e saiba como.

    Artigos relacionados

    Superman: Possíveis vilões do novo filme do Homem de Aço

    Superman ganhará um novo filme. Apesar de quase todo o elenco do filme ter sido anunciado, os vilões ainda são mantidos em segredo.

    TBT #272 | ‘O Exterminador do Futuro’ é terror desesperador e ação absoluta

    'O Exterminador do Futuro' foi criado como um temor em relação ao futuro. E se as máquinas dizimassem a humanidade e colocasse nossa única...

    TBT #271 | ‘Dupla Explosiva’ já é clássico de ação com explosões e comédia exagerada

    Dupla Explosiva é clássico de ação repleto de absurdo e estrelas do cinema. Nele, acompanhamos Michael Bryce e Darius Kincaid.

    Duna: Parte Dois consegue a maior estreia desde Barbie, e já se consagra como um dos grandes sucessos de 2024

    Apesar de estarmos no terceiro mês do ano, Duna: Parte Dois conseguiu, em quatro dias desde a sua estreia, tornar-se a maior bilheteria de 2024.