CRÍTICA – Ace Combat 7: Skies Unknown (2019, Bandai Namco)

    Ace Combat 7: Skies Unknown é um jogo de ação e simulação de combate aéreo lançado pela Bandai Namco em 2019 para PC, PlayStation 4 e Xbox One. Confira nosso review a seguir.

    SINOPSE

    O jogo se passa no mundo de Strangereal no ano de 2019 durante a Segunda Guerra Continental Useana, também conhecida como Guerra do Farol. Baseia-se em um conflito armado entre a Federação de Osea e Reino de Erusea. O jogador controla um piloto de uma Unidade Penitenciária de Osea denominada Spare, um esquadrão militar formado por pilotos delituosos/malfeitores que são enviados em missões perigosas como forma de punição.

    ANÁLISE DE ACE COMBAT 7: SKIES UNKNOWN

    Nesse ano de 2022 a franquia Ace Combat completou 27 anos e segue dominando os ares a cada novo lançamento.

    Ace Combat 7: Skies Unknown apresenta uma temática semirrealista junto de uma jogabilidade arcade. Isso acaba sendo uma porta de entrada para os novos jogadores, visto que a franquia tem um público bem de nicho. Com isso, AC7 oferece grandes desafios e um nível aprendizagem moderado.

    Apesar do jogo ser uma ótima porta de entrada para iniciantes, o mesmo não se propõe em apresentar uma jogabilidade tão fácil. Isso porque no início ele apenas te ensina o essencial, e os demais comandos você terá que descobrir por conta própria.

    Ace Combat 7: Skies Unknown é frenético e apresenta 20 excelentes fases bem desenvolvidas e diversificadas. No entanto, apesar da quantidade de fases, em alguns momentos temos fases divididas em três atos. O que é bom e acaba sendo mais desafiador, mas ao mesmo tempo pode se tornar desgastante e cansativo, seja pelo extenso tempo da fase ou pela quantidade excessiva de inimigos em tela que às vezes fica difícil de se localizar mesmo que você já tenha experiência.

    Contudo, conforme você pega a jogabilidade, a gameplay segue sendo incrível e passa a física precisa e o peso de cada aeronave quando está em ação ou sendo danificado. É bastante visível o rico nível de detalhes que a equipe de produção realizou na produção de AC7.

    Outro ponto que merece destaque é a possibilidade de modificar as aeronaves com peças novas, o que melhora o desempenho na hora do combate.

    A qualidade gráfica de Ace Combat 7: Skies Unknown é um dos pontos mais fortes do jogo lançado em 2019

    Com relação à parte visual, Ace Combat 7: Skies Unknown tem gráficos maravilhosos e com grande nível de detalhes absurdos. Outro destaque vai para a trilha sonora do compositor Keiki Kobayashi que é simplesmente fenomenal. A maneira que cada composição deixa as fases emocionantes é fantástica.

    Contras

    Ace Combat 7: Skies Unknown de fato é um excelente jogo, mas nem por isso não deixa de apresentar alguns contras. O principal é a imensa quantidade de informações que têm em tela. Isso em alguns momentos me deixou confuso e eu simplesmente ignorei os diálogos de meus companheiros, pois ficava inviável não ter foco em outras aeronaves que estavam me atacando.

    Outro ponto que pode causar dor de cabeça para quem tem enxaqueca é a câmera em primeira pessoa que causa bastante tontura. Eu mesmo joguei poucas vezes nesse modo, mas conforme fui avançando as dores de cabeça foram sumindo.

    Assim como a história principal do jogo vai ser bastante confusa para quem não tem vasto conhecimento da franquia, visto que o jogo tem ligação com Ace Combat 4: Shattered Skies (2001) e Ace Combat 5: The Usung War (2004), ambos lançados para PlayStation 2. Apesar disso, o enredo principal de AC7 é compreensível, o que não torna a experiência tão confusa.

    Esse foi meu segundo contato com a franquia Ace Combat. O primeiro foi com Ace Combat X: Skies of Deception (2006) no PSP, mas não havia jogado tanto assim. O que foi a chave de virada agora foi que em AC7 eu realmente tive foco em finalizar e ter uma experiência completa.

    VEREDITO

    Ace Combat 7: Skies Unknown é um jogo frenético, empolgante e desafiador. Mesmo tendo sido lançado em 2019, o jogo segue recebendo atualização de DLCs e Skins, sendo a última skin lançada relacionada ao filme Top Gun: Maverick (2022).

    Em suma, AC7 é um excelente jogo para todos os fãs de aviação e acaba sendo uma porta de entrada para quem ainda não desbravou os céus desconhecidos de Ace Combat 7: Skies Unknown.

    Nossa nota

    5,0 / 5,0

    Assista ao trailer de Ace Combat 7: Skies Unknown

    Acompanhe as lives do Feededigno na Twitch

    Estamos na Twitch transmitindo gameplays semanais de jogos para os principais consoles e PC. Por lá, você confere conteúdos sobre lançamentos, jogos populares e games clássicos todas as semanas.

    Curte os conteúdos e lives do Feededigno? Então considere ser um sub na nossa Twitch sem pagar nada por isso. Clique aqui e saiba como.

    Artigos relacionados

    CRÍTICA: ‘Skull and Bones’ é uma boa experiência marítima 

    Skull and Bones é o mais novo lançamento da Ubisoft para o PlayStation 5, Xbox Series X | S e PC. Veja o que achamos!

    CRÍTICA: ‘Tomb Raider I-III Remastered’, coletânea é remaster respeitoso e faz jus ao legado

    Tomb Raider I-III Remastered é a coletânea remasterizada das primeiras aventuras de Lara Croft. O Remaster chegou em fevereiro aos consoles e PC.

    Desbloqueando o entretenimento com Códigos de Bônus de cassino

    Veja como identificar a melhor e mais segura plataforma de jogos para poder conseguir Códigod de Bônus sem correr o riscos?

    Esquadrão Suicida: Mate a Liga da Justiça | Quando um game deveria ser uma animação

    Esquadrão Suicida: Mate a Liga da Justiça chegou ao PlayStation 5, Xbox Series X | S e PC. Veja o que achamos do novo game da DC!