Início GAMES Crítica CRÍTICA – World War Z: Aftermath (2021, Saber Interactive)

CRÍTICA – World War Z: Aftermath (2021, Saber Interactive)

World War Z

World War Z foi um enorme sucesso de bilheteria. Estrelado por Brad Pitt, o filme ganhou um game em 2019 que adaptava não a história do personagem de Pitt, mas colocava os jogadores no lugar de sobreviventes do mundo repleto de zumbis.

A expansão do game, intitulada Aftermath chegou em mídia física no dia 21 de Setembro de 2021 e foi lançada para PlayStation 4, Xbox One e PC, funcionando em retrocompatibilidade no Playstation 5 e Xbox Series X.

SINOPSE

World War Z: Aftermath é o jogo de tiro cooperativo de zumbis definitivo, e a próxima evolução do sucesso original World War Z, que já cativou mais de 15 milhões de jogadores. Lute contra hordas de zumbis esfomeados em episódios intensos através de novos locais devastados por zumbis em todo o mundo.

ANÁLISE

World War Z

World War Z: Aftermath foi lançado em setembro e conta com o game base e a expansão lançada no Game of the Year Edition. A expansão conta com novas histórias e com 2 novos episódios, ambientados em Roma e em Kamchatka. O game traz a opção de resolução 4k para PCs, e uma gameplay muito mais imersiva por meio de uma nova perspectiva.

Com um total de 28 personagens jogáveis, cada um deles com uma história própria e 8 diferentes classes, o game torna as possibilidades extremamente dinâmicas.

Segundo muitos apontaram, o lançamento da expansão tornou o game ainda mais dinâmico e vasto, dada a seleção de classes e novos mapas para uma maior exploração e progressão não apenas da árvore de vantagens de cada uma das classes, mas não pense que essa variedade vá fazer com o que o game seja muito mais do mesmo.

Tendo tido como base o sucesso que Left 4 Dead e Left 4 Dead 2, o estúdio parece ter desenvolvido o game após ter visto a demanda que existia no mercado para um game nos mesmos moldes, com uma história própria e um mundo previamente estabelecido pelo filme de 2013.

A gameplay dinâmica do game por meio das classes com suas habilidades únicas e poderes de infiltração permitem que façamos uma progressão nas fases de modo variado.

CONHEÇA AS CLASSES

  • Infernal: A Hailstorm MGL é a arma principal dessa classe. Em World War Z: Aftermath, você deve pegá-la sempre que possível a fim de tirar um maior proveito dessa classe. Armas de fogo e explosivos também são recomendadas pois o kit Infernal permite que o jogador tome dano reduzido de explosivos.
  • Atirador: Essa classe te permite tirar vantagens da habilidade passiva de Facas Duplas, que aumenta o dano de armas de fogo em 25% por 3 segundos antes de realizar uma morte com arma meelee. Se você estiver perto de inimigos, tenha certeza de que usar suas facas para uma morte rápida antes de voltar a atirar. Você pode usar uma enorme variedade de armas em World War Z: Aftermath com essa classe, apesar de recomendarmos que você procure especificamente por MAG5, se você escolher a vantagem Heavy Metal.
  • Retalhador: Essa classe é dedicada ao uso de armas meelee, sendo assim, o usuário não usa armas de fogo. Então, evite armas como o Fuzil de Combate ou o Fuzil de Patrulha. Para golpes corpo a corpo, sua melhor opção é a Wakizashi (que é um cutelo que causa um grande dano de área e incapacitante) ou os Cutelos Duplos (que restaura automaticamente a stamina após matar cinco zumbis em sequência).
  • Exterminador: Essa classe é excelente, pois te permite acessar a vantagem Clorofila que garantem um aumento de 25% de HP, tornando as Foices Duplas as armas meelee perfeitas. As foices são mais poderosas do que os cutelos comuns, que dão ao Exterminador uma habilidade passiva que dá mais bônus quando cercado de múltiplos zumbis.
  • Médico e Reparador: Como as classes de suporte de World War Z: Aftermath, essas classes tendem à agregar muito valor à equipe e deixá-la balanceada.
  • Vanguarda: As mais novas classes de Aftermath é sobre estar perto das hordas e causar dano às ondas de zumbis.
  • Mestre dos Drones: Essa classe é a única que não possui nenhuma sinergia com outra classe ou armas específicas, pois todo seu armamento gira em torno de usar drones.

As habilidades dos personagens garantem vantagens únicas conforme a progressão, que ao completar as fases, te darão moedas para obtê-las nas árvores de vantagens.

As armas do game, vão desde as categorias 1 até a 3 de acordo com sua potência e poderes destrutivos. A quarta e última categoria engloba as armas brancas.

Se você é daqueles jogadores que preferem jogar os games co-op no modo offline, saiba que você tem muito a perder na experiência se o fizer com World War Z: Aftermath. O game conta com a opção de ser jogado em um modo multijogador e também na Campanha Cooperativa. Variando entre o modo Online Público ou Privado, e também o modo Offline, com modos de jogos específicos como Partida Rápida, Dominação de Horda, Rei do Pedaço, Mata-mata de Horda, Incursão de Pilhagem e Caça à Vacina.

VEREDITO

World War Z

Grande parte do que vemos em World War Z: Aftermath já foi visto no lançamento do game original em 2019. Mas a inclusão de novos elementos, torna a gameplay mais divertida, desafiadora e até mesmo mais dinâmica.

Por meio da personalização não apenas das classes, mas também das vantagens que podem ser equipadas em cada uma delas, cada jogador pode ter uma experiência diferente. Podendo trazer consigo não apenas uma vasta galeria de armas, mas também de vantagens. World War Z: Aftermath se sobressai em relação a seu mais novo concorrente que será lançado em outubro, Back4Blood.

Grande parte do brilhantismo de World War Z, vem do equilíbrio entre ação e história, enquanto o jogador abre seu arsenal de maneira tão imponente quanto violenta a fim de enfrentar gigantescas hordas de zumbis. O cuidado da Saber Interactive é mostrado a todo momento em meio à gameplay. Que parece ter criado o game com o carinho que apenas fãs de games co-op podiam tê-lo feito.

Nossa nota

3,5 / 5,0

Confira o trailer do game:

World War Z: Aftermath foi lançado no dia 21 de Setembro de 2021.

Acompanhe as lives do Feededigno na Twitch

Estamos na Twitch transmitindo gameplays semanais de jogos para os principais consoles e PC. Por lá, você confere conteúdos sobre lançamentos, jogos populares e games clássicos todas as semanas.

Curte os conteúdos e lives do Feededigno? Então considere ser um sub na nossa Twitch sem pagar nada por isso. Clique aqui e saiba como.

Artigo anteriorCRÍTICA – O Homem nas Trevas 2 (2021, Rodo Sayagues Mendez)
Próximo artigoInjustice 3: Confira os 5 personagens mais interessantes do vazamento [RUMOR]
27 anos, apaixonado por cinema, quadrinhos e games!