Início GAMES Cyberpunk 2077: Primeira DLC pode ser de conteúdo cortado

Cyberpunk 2077: Primeira DLC pode ser de conteúdo cortado

Cyberpunk

Apesar de um lançamento desastroso causado por bugs que quebram o jogo e dão crash no console, a CD Projekt Red anunciou que o primeiro pacote de conteúdo grátis de Cyberpunk 2077 será lançado no começo de 2021.

Apesar da previsão vaga, a estimativa de lançamento entre fevereiro a abril é bem cedo para um game que ainda precisa de muito mais melhorias além das que já foram lançadas.

Uma forma da CDPR entregar conteúdo novo é reunir o que foi cortado no lançamento de Cyberpunk 2077 e lançar como uma DLC para tornar o game ainda mais rico do que ele já é. E que funcione bem, é claro.

Conteúdo cortado de Cyberpunk 2077

Conteúdos mostrados em demos e trailers apresentaram funções que nunca apareceram no lançamento final de Cyberpunk 2077. Entre eles, a customização de carros ou a compra de apartamentos e renovação.

A customização de carros é uma função comum em games de mundo aberto. Isso permite que os jogadores explorem ainda mais a cidade.

Apesar de Night City ser esteticamente linda, a ênfase que é colocada na compra de carros cai por terra e se torna sem motivo, pois os jogadores podem obter o carro mais rápido de Cyberpunk 2077 completamente de graça.

Outras funções vistas e usadas em demos de Cyberpunk 2077 foram cortadas na versão final, lançada em 10/12/2020, apesar de estarem aparentemente em estágios finais de desenvolvimento. Isso inclui armas que eram muito esperadas, como a katana térmica; e cyber melhoramentos, como uma camuflagem ótica que permitiria que V ficasse invisível.

O jogador Medrawt encontrou um item ótico de camuflagem e foi capaz de equipá-lo no ciberdeque de V com um item de customização e descrição. Entretanto, ele não funciona de verdade. Isso significa que o mod foi cortado antes mesmo de estar finalizado.

Além disso, muitos fãs apontaram diversas portas por Night City que aparecem a notificação “Fechada”,  enquanto outras portas são essencialmente apenas texturas como parte da parede que não levam a lugar algum.

Não faz sentido ter dois tipos de portas inacessíveis em Cyberpunk 2077, o que provavelmente significa que algumas devem ser algo além do game, e se tornaram localizações não finalizadas. Um exemplo é o Centro de Saúde Comportamental de Night City.

Muitas outras funções mostradas na demo da E3 de 2018 foram cortadas do game. Elementos da criação de personagens, wall-running, remédios que melhoram o combate, e ciclos de dia e noite designados a cada um dos NPCs de Cyberpunk 2077 são alguns exemplos do que foi visto no passado.

DLC pode ser lançada no 1º semestre de 2021

Pelo fato de muitas dessas funções de Cyberpunk 2077 estarem em estágios finais de desenvolvimento, como visto nas demos, seria fácil de finalizar esses projetos agora. Isso seria muito mais lógico do que planejar coisas do zero, ou até mesmo histórias inteiramente novas na DLC.

O lançamento entre fevereiro e abril de 2021 pode ser uma forma de manter os jogadores interessados no jogo. É também uma forma de manter no radar de quem pensa em comprar Cyberpunk 2077, mas espera que ele esteja mais funcional antes de investir.

Especula-se que a katana térmica e a camuflagem de invisibilidade ótica serão lançadas via DLC. A informação ganhou força em um post recente no Reddit que citou a fala de um desenvolvedor descontente da CD Projekt Red.

A legitimidade da publicação foi contestada por muitos leitores. Entretanto, a afirmação do desenvolvedor da CDPR parece ser verídica, e indica que os planos do estúdio são de “entregar o conteúdo cortado também”, pois os fãs parecem ter sido enganados.

A forma mais justa de introduzir os conteúdos cortados é através de DLCs grátis, pois com certeza haverá raiva dos jogadores se eles precisarem pagar pelo conteúdo que foi inicialmente planejado para o lançamento oficial.

Cyberpunk 2077 está disponível para PC, PS4, Stadia e Xbox One. Futuramente contará com versões para o PS5 e Xbox Series X/S, que atualmente estão em desenvolvimento.

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorCRÍTICA | Imperdoável: Redenção – Vol. 5 (2021, Devir)
Próximo artigoMr. Bean: Ator Rowan Atkinson espera o fim do personagem
27 anos, apaixonado por cinema, quadrinhos e games!