Início SÉRIE Artigo OPINIÃO | Por que precisamos de um Capitão América negro?

OPINIÃO | Por que precisamos de um Capitão América negro?

Capitão América

Falcão e o Soldado Invernal, ou melhor, Capitão América e o Soldado Invernal terminou dia 23/04 e ao ver Sam Wilson, interpretado por Anthony Mackie, utilizando o traje com as cores outrora vestidas por Steve Rogers me fez encher os olhos de lágrimas.

Confesso que não me contive e aquilo foi simbólico: um homem negro vestindo as cores da nação mais poderosa do mundo, sendo um ícone para pessoas negras de todas as idades. Entretanto, não só para nós isso é simbólico. A Marvel ao fazer isso mostra ao mundo o quão importante e pesado é aquele escudo nas mãos de Sam, pois diferente de Rogers, sua cor da pele define e muito a opinião dos outros.

O CAPITÃO AMÉRICA QUE MERECEMOS

O fato de Sam não ter os mesmos poderes obtidos pelo soro do super soldado é algo que também é simbólico, pois é como se ele fosse um homem sem os privilégios de seus antecessores. Sua vulnerabilidade é a mesma de uma pessoa negra que tem muito menos recursos para lutar com pessoas brancas em todas as esferas. Salários menores, menos oportunidades e muito, mas muito menos chances de errar. Muitos julgamentos, dedos apontados, discriminações, mesmo alcançando por mérito nosso lugar. Jamais seremos vistos como iguais, e o discurso do novo Capitão América é cirúrgico nisso.

Contudo, por mais que seja difícil, quando as oportunidades vem, devemos agarrá-las e sermos um exemplo de que podemos ser sim, um dia, iguais. Podemos sim ter orgulho do que fizemos e como fizemos, sem ter peso na consciência por sermos justos como o Capitão América é.

Quando Sam Wilson abraçou aquele escudo de vez, abraçamos junto com ele, uma vez que agora ele não está mais sozinho. Agora temos mais um representante, assim como temos o Máquina de Combate, Monica Rambeau, Pantera Negra e futuramente Riri Williams, a Coração de Ferro.

Nossos filhos e os filhos deles podem brincar com seus bonecos novos do Capitão América sem medo. Agora ele nos representa ainda mais, e isso é incrível.

A DIVERSIDADE IMPORTA!

A diversidade é extremamente necessária, pois somos plurais. Filmes como Shang Chi, Viúva Negra, Capitã Marvel, Pantera Negra, Mulher-Maravilha, são mais do que necessários! São essenciais nas nossa construção como pessoas e isso é algo que sempre deve acontecer.

Agora e para sempre nós somos também o Capitão América e isso é muita coisa!

Falcão e o Soldado Invernal tem seis episódios e todos eles possuem crítica no nosso site e no canal do YouTube. Se inscreva clicando aqui e acompanhe também nossa página especial do serie da Disney+.

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorCRÍTICA – Falcão e o Soldado Invernal (2021, Disney+)
Próximo artigoLeague of Legends: Wild Rift | Riot aposta na versão mobile do game
Relações-públicas, gremista, nerd, escorpiano e palestrinha. Parece futebolista, pois só vive descendo a lenha. DC é melhor que Marvel, todavia, amamos as duas.