Início QUADRINHOS Crítica CRÍTICA | Ano Zero (2021, Skript e AWA)

CRÍTICA | Ano Zero (2021, Skript e AWA)

ano zero

Ano Zero é uma hq que aborda um apocalipse zumbi global e foi criada por Benjamin Percy e Ramon Rosanas. A distribuição é realizada pela Editora Skript no Brasil.

SINOPSE DE ANO ZERO

Cientistas acham um espécime congelado de um australopitecus que possui um vírus que devora gradualmente doenças, mas outras células do corpo. Eles passam as informações para um conglomerado de empresas da saúde e a epidemia se inicia em todo o mundo. Agora um grupo seleto de pessoas tenta sobreviver ao caos em diversos lugares do planeta.

ANÁLISE

Ano Zero poderia ser mais uma história comum de pandemia dos mortos-vivos. Entretanto, o que a diferencia é a riqueza de sua narrativa com personagens complexos e extremamente interessantes.

O texto dos autores é denso, assim como a qualidade dos traços é invejável, uma vez que há detalhes muito profundos de cada país e povo retratado aqui. Ao colocar um representante de cada lugar da Terra, somos apresentados à muitas culturas e histórias, que vão desde anos do início da humanidade a um presente devastador que traz discussões poderosas sobre identidade e religião.

Para se ter um exemplo disso, há uma protagonista afegã chamada Fatemah Shah que tem em sua história temas como feminismo, contra cultura e uma luta incrível por direitos humanos em um país no qual o fundamentalismo religioso destruiu sonhos e vidas. O apocalipse zumbi é apenas um pano de fundo para uma trama tão rica em qualidade de roteiro. Assim como Fatemah, outros personagens tem seus próprios objetivos como vinganças e até mesmo um lunático que vê no caos uma chance de ser mais normal do que antes.

VEREDITO

Ano Zero é densa, interessante e mostra muita qualidade em sua criação. Vemos aqui como se constrói uma história significativa em poucas páginas, abordando muito mais que vísceras expostas de uma sociedade doente.

Nossa nota

5,0/5,0

Editora: Skript

Autores: Benjamin Percy e Ramon Rosanas

Páginas: 136

Inscreva-se no YouTube do Feededigno

Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

Artigo anteriorTBT #154 | Homem-Aranha 3 (2007, Sam Raimi)
Próximo artigoGavião Arqueiro: Conheça Maya Lopez, a Eco
Relações-públicas, gremista, nerd, escorpiano e palestrinha. Parece futebolista, pois só vive descendo a lenha. DC é melhor que Marvel, todavia, amamos as duas.