CRÍTICA – De Volta aos 15 (1ª temporada, 2022, Netflix)

    De Volta aos 15 é adaptação do livro homônimo de Bruna Vieira lançado em 2013. A série brasileira criada por Janaina Tokitaka já está disponível no catálogo da Netflix e tem no elenco principal Maisa e Camila Queiroz

    SINOPSE

    Anita (Maisa/Camila Queiroz) está extremamente infeliz com o caminho que sua vida tomou. Cansada, ela encontra o primeiro blog que criou, aos 15 anos de idade. Desejando voltar para uma época em que tudo era mais fácil, a jovem adulta fecha os olhos e, ao abri-los, tem seu desejo realizado, voltando no tempo para o período que tanto queria, porém, com sua mentalidade atual.

    ANÁLISE

    Produções nostálgicas sempre fazem bastante sucesso com o público, seja em qualquer idade, Stranger Things, por exemplo, é a prova viva. Por isso, a nova série brasileira da gigante do streaming, De Volta aos 15, pode facilmente agradar a todos. Com um texto leve a série é divertida e dramática na medida certa, mas é sua estética focada nos anos 2000 que mais se destaca. 

    Anita, vivida por Camila Queiroz no presente, tem 30 anos e está insatisfeita com sua vida. Ao acessar seu blog da adolescência, a protagonista é transportada para a sua versão mais jovem de 15 anos, vivida por Maisa. Agora, ela tem a chance de mudar seu futuro, não só para ela, mas como para seus amigos e familiares.

    Com o poder de voltar para o passado e presente, Anita cria diferentes futuros que mostram o quanto sua missão pode ser difícil. Ainda que, ela mesma não tenha um rumo definido, visto que, não basta apenas mudar a vida de seus amigos, a adolescente precisa descobrir o que quer para a própria vida. 

    Nesse sentido, a série foca mais tempo na Anita jovem com Maisa tendo que interpretar como se fosse uma adulta de 30 anos. A atriz se sai bem e garante ótimos momentos em cena. Já Camila Queiroz segue o mesmo ritmo e cria uma personagem condizente em ambas as épocas. 

    É o roteiro e algumas atuações secundárias que destoam a série, seja pelo texto forçado em algumas cenas ou as atuações caricatas. Em seis episódios de meia hora, a série também custa para acertar o rumo, já que, alguns momentos são bem clichês até para uma série adolescente sobre viagem no tempo. 

    Ainda assim, a nostalgia dos anos 2000 é o que mais chama atenção. De Volta aos 15 conseguiu reviver o sentimento da época e trazer inúmeras referências, como estilo de roupas, o advento da tecnologia e os sucessos da cultura pop da época. O contato da personagem do futuro com o que estava em alta em 2007 gera cenas cheias de humor e comentários ácidos. 

    VEREDITO

    De Volta ao 15 trata sobre amizades e relações familiares, o que estamos dispostos a fazer por aqueles que amamos. Porém, mais do que isso, põe em xeque a própria personagem principal. Anita precisa aprender sobre quem ela é no passado para mudar seu futuro. Uma série simples e leve, mas com ótimas mensagens. 

    A nova série da Netflix carrega diversão com drama pontual, sendo uma trama para relaxar no final de semana. Maisa e Camila Queiroz trazem o melhor da série, mas o roteiro expositivo deixa a desejar e evidência as dificuldades narrativas da produção.

    Dado ao final aberto, uma segunda temporada pode aprender com os erros cometidos nessa primeira parte.

    Nossa nota

    3,5 / 5,0

    Assista ao trailer:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Dragon Ball: Os 10 melhores episódios para assistir no Globoplay

    Após mais de 10 anos sem a TV Globinho, Dragon Ball chegou ao Globoplay. Confira a lista com os 10 melhores episódios.

    Veja o Clube Hellfire jogando D&D de verdade

    Eddie reina como o Mestre do Clube Hellfire em Stranger Things; mas o ator Joe Quinn, nunca havia jogado RPG antes... bom, até agora!

    HBO Max: Títulos para comemorar 1 ano do serviço

    A HBO Max está em festa! No dia 29 de junho, a plataforma de streaming completa um ano de seu lançamento na América Latina!

    Peaky Blinders: Relembre a linha do tempo histórica da série

    Conheça os principais acontecimentos históricos da série Peaky Blinders, desde a 1ª temporada até a 5ª; a 6ª temporada já está disponível.