Início SÉRIE Crítica CRÍTICA – O Mistério das Mortes de Burari (2021, Leena Yadav)

CRÍTICA – O Mistério das Mortes de Burari (2021, Leena Yadav)

CRÍTICA - O Mistério das Mortes de Burari (2021, Leena Yadav)

O Mistério das Mortes de Burari é uma série documental original da Netflix produzida na Índia e criada por Leena Yadav.

A série contém três episódios que relatam o crime que chocou a Índia.

SINOPSE

O Mistério das Mortes de Burari acompanha a investigação sobre as mortes misteriosas que aconteceram no distrito de Burari, na Índia, em 2018. Onze membros da família Chundawat foram encontrados mortos, todos enforcados, com exceção da avó que foi estrangulada.

No local do crime, não foram encontradas pistas o suficiente para entender o que havia acontecido. Na época, a polícia encerrou as investigações concluindo que havia sido um suicídio em massa, mas muitos conspiradores acreditam que há mais por trás da história.

ANÁLISE

As séries documentais de crime da Netflix já são bastantes conhecidas do público que consome conteúdo na streaming, sempre que algum novo título é lançado uma boa parte do público corre para ver. Pode até ser uma curiosidade mórbida, mas o fato é que as séries documentais de crimes reais conseguem expressar para a maioria da sociedade os momentos sombrios da humanidade.

O Mistério das Mortes de Burari não foge desse conceito. A morte de 11 pessoas da mesma família que chocou a Índia em 2018 ainda permanece com perguntas em aberto. Teria sido um suicídio coletivo ou um homicídio em massa? O documentário da gigante do streaming não entrega a resposta de imediato, primeiro a produção contextualiza quem foram aquelas 11 pessoas e como era a relação entre elas e até mesmo com os vizinhos.

Nesse sentido, o documentário tem um recorte preciso com um grande arquivo visual para dar peso à história. Como é um caso muito recente, a diretora utiliza desde filmagens jornalísticas até as imagens dos vizinhos que encontraram os corpos. Esse fator visual vem atrelado a entrevistas com familiares distantes, amigos, a polícia e jornalistas que noticiaram o fato na época.

Logo, o documentário não assume uma posição, mas escuta percepções diferentes dos acontecimentos para no fim trazer à tona o que realmente aconteceu naquela noite. A família era fervorosamente religiosa e criou um ritual para trazer de volta o patriarca que havia morrido há onze anos. Obviamente, o ritual deu errado e acabou em uma tragédia.

O acontecimento impactou a comunidade indiana e colocou em xeque os limites da religião. Mas até chegar a essa conclusão, o documentário busca tratar de todos os detalhes acerca do caso e tornar público para o mundo o que aconteceu em Burari. O olhar jornalístico do documentário é essencial para trazer uma impressão ética e moral do caso.

VEREDITO

O Mistério das Mortes de Burari é um documentário pesado que denota do espectador sangue frio e até um pouco de coragem para acompanhar os acontecimentos. Com um tom jornalístico que tenta explicar as 11 mortes de pessoas da mesma família, deixando um sentimento de incredulidade e pesar ao seu final.

Nossa nota

4,0 / 5,0

Inscreva-se no YouTube do Feededigno

Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

Artigo anteriorCRÍTICA – Far Cry 6 (2021, Ubisoft)
Próximo artigoCRÍTICA – Entre Frestas (2021, Piotr Domalewski)
Jornalista em formação e apaixonada pela sétima arte. Representatividade e movimentos sociais através do cinema é fundamental. Apreciadora de livros, animes e joguinhos de ps4 nas horas vagas. The final girl.