CRÍTICA – Space Force (2ª temporada, 2022, Netflix)

    Space Force entra em seu segundo ano no catálogo da Netflix e conta com Steve Carrell e John Malkovich no elenco principal. A série foi criada por Steve Carell e Greg Daniels.

    SINOPSE DE SPACE FORCE

    Na segunda temporada, o General Naird (Steve Carell) e sua equipe tem que dar explicações ao governo dos Estados Unidos por conta dos fatos que ocorreram na lua entre a nação norte americana e a China. Agora, eles devem tentar manter o grupo Space Force ativo, passando por uma sabatina que vai determinar o rumo de tudo.

    ANÁLISE

    A premissa que boa parte das comédias começa a ser boa a partir da segunda temporada é algo que faz sentido quando enxergamos num todo. Space Force é um dos casos, pois há aqui uma melhora significativa em sua narrativa e fluidez.

    Os personagens foram aprofundados, principalmente o trio Tony (Ben Schwartz), General Ali (Tawny Newsome) e Erin (Diana Silvers), que tiveram suas tramas mais elaboradas, trazendo mais humanidade para eles.

    Tony sempre foi um alívio cômico irritante e pouco funcional, mas agora vemos que ele é um dos mais doces do grupo, pois consegue ser engraçado e, ao mesmo tempo, apresenta uma dinâmica interessante com todos os membros do grupo, melhorando os textos deles e sendo crucial como o representante do público na história para ajudar na construção dos demais personagens. Ali é a heroína que não tem reconhecimento, além de ser uma sobrevivente. Sua história deveria ser contada aos quatro ventos, mas nada do que ela faz tem diferença para as pessoas, e as consequências disso na astronauta são interessantes de acompanhar.

    Já Erin passa por um momento crucial que todos nós vivemos: o de virar adulto e fazer escolhas que vão mudar nossa vida. Entrar numa faculdade, ter o emprego dos sonhos e moldar o caráter para o bem é algo que sempre humaniza e nos faz relembrar um pouco das nossas jornadas individuais.

    Por fim, John Malkovich continua sendo o melhor personagem, uma vez que mesmo sendo extremamente sério, ele entrega momentos leves e divertidos, sendo a mente brilhante dentro do elenco.

    As piadas continuam leves e bobas, todavia, os momentos de drama e de positivismo, com um quê de Ted Lasso, ajudam muito no desenvolvimento da história. Space Force é o tipo de série que não é de matar de rir o espectador, contudo, mostra reflexões importantes para a nossa vida.

    VEREDITO

    space force

    Space Force virou a chave, visto que agora busca trabalhar os atores da trama. Mesmo que ainda não seja uma série memorável, ela é divertida e nos dá uma mensagem de esperança que aquece nosso coração. O terceiro ano pode ser mais intenso, vamos aguardar…

    Nossa nota

    3,8/5,0

    Confira o trailer da segunda temporada de Space Force:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Dragon Ball: Os 10 melhores episódios para assistir no Globoplay

    Após mais de 10 anos sem a TV Globinho, Dragon Ball chegou ao Globoplay. Confira a lista com os 10 melhores episódios.

    Veja o Clube Hellfire jogando D&D de verdade

    Eddie reina como o Mestre do Clube Hellfire em Stranger Things; mas o ator Joe Quinn, nunca havia jogado RPG antes... bom, até agora!

    HBO Max: Títulos para comemorar 1 ano do serviço

    A HBO Max está em festa! No dia 29 de junho, a plataforma de streaming completa um ano de seu lançamento na América Latina!

    Peaky Blinders: Relembre a linha do tempo histórica da série

    Conheça os principais acontecimentos históricos da série Peaky Blinders, desde a 1ª temporada até a 5ª; a 6ª temporada já está disponível.