CRÍTICA – The Umbrella Academy (3ª temporada, 2022, Netflix)

    The Umbrella Academy chega em sua terceira temporada, chegando no dia 22/06 no catálogo da Netflix. A série conta com Elliot Page no elenco (Juno).

    SINOPSE DE THE UMBRELLA ACADEMY

    Após salvar o mundo do apocalipse, o nosso grupo de heróis viaja no tempo e acaba voltando ao presente. Contudo, as coisas estão diferentes, com o Sir Reginald Hargreeves vivo e pior, com um novo grupo chamado The Sparrow Academy.

    ANÁLISE

    The Umbrella Acdemy

    The Umbrella Academy é um título bastante peculiar em uma nova linha de adaptações de heróis. A série da Netflix, juntamente com The Boys, trouxe uma nova forma de fazer conteúdo no gênero, trazendo muita qualidade.

    Entretanto, o terceiro ano é o mais inconstante, uma vez que demora muito para entrar nos trilhos, ficando realmente boa em seu terço final, próximo ali do seu sétimo episódio.

    A trama que tenta trazer um ar de rivalidade entre os dois times montados pelo Senhor Hargreeves se torna cansativo já no terceiro episódio, visto que os problemas juvenis, o roteiro expositivo e os embates sonolentos entre eles é algo que nos faz até perder a paciência. Os poderes dos 14 personagens são muito interessantes, mas são mal utilizados pela direção. Fora um que outro momento criativos, falta objetividade em muitos outros, fazendo com que se pense que a série poderia ter uns quatro episódios a menos. A história não tem mais fôlego e The Umbrella Academy precisa se reinventar se quiser contar com mais uma nova temporada.

    Artigo relacionado – Sparrow Academy: Ranking dos membros mais poderosos do grupo

    O ponto mais alto da série é o show de atuação e de texto de Emmy Raver-Lampman, a Alisson, que tem o melhor arco. Sua indignação é legítima e o trabalho da atriz é excelente, ouso dizer que se ela for indicada a alguma premiação, não seria nenhum absurdo. O drama de Alisson é legítimo e é o melhor de ser acompanhando, com o espectador torcendo e entendendo cada passo dela.

    Outro destaque é o design de produção que reproduz de forma bastante fidedigna o caos que temos nas histórias de Gerard Way e do brasuca Gabriel Bá, contando com muitas referências e uma trilha sonora impecável, além de uma química incrível do elenco.

    VEREDITO

    Sparrow

    Em tom de despedida, The Umbrella Academy fecha vários arcos importantes de forma inteligente e satisfatória, mesmo que sua terceira temporada seja bastante irregular. Está nas mãos da Netflix agora uma improvável renovação.

    Nossa nota

    3,6/5,0

    Confira o trailer:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Sandman: Conheça Destino, Delírio e Destruição

    A segunda temporada de Sandman apresentará ao grande público os três Perpétuos ausentes da trama até agora, Destino, Delírio e Destruição.

    CRÍTICA – ‘Rainha das Lágrimas’ é emoção do começo ao fim

    Rainha das Lágrimas (Queen of Tears) é o novo k-drama que chegou ao serviço de streaming Netflix. Veja o que achamos!

    Eric: Conheça a nova série estrelada por Benedict Cumberbatch

    A Netflix lançou, o trailer oficial e imagens inéditas de Eric, nova série de Abi Morgan. A produção, estrelada por Benedict Cumberbatch.

    CRÍTICA: ‘GTO’ é um anime marcante e muito divertido

    GTO é uma das mais recentes adições à Netflix. A adição da Netflix é uma das mais surpreendentes aqui. GTO é um anime ligeiramente curioso.