Início SÉRIE Artigo Doctor Who: Confira os 15 melhores episódios da série!

Doctor Who: Confira os 15 melhores episódios da série!

208
0
Doctor Who: Confira os 15 melhores episódios da série!

Hoje, 26 de Março de 2020, o retorno de Doctor Who às telas de TV completa 15 anos. A série que se tornaria um fenômeno mundial não muito tempo depois, retornava como uma tentativa de captar novos fãs, e trazer os que curtiam os 8 Doctors clássicos para a frente das telinhas, e se afastar da razão pela qual a série havia sido criada nos anos 60. A série sempre abordou com tranquilidade assuntos como diversidade, pluralidade, e aceitação.

História da Produção

Com o intuito de lançar um programa educativo episódico, em que tramas se desenrolariam e se resolveriam dentro de um mesmo programa, Doctor Who despertou em crianças do Reino Unido a curiosidade pela ciência, e também se popularizou por estabelecer quase todas as regras que conhecemos hoje sobre viagem no tempo na cultura pop.

Sydney Newman, o criador da série, descartou diversos enredos para seu piloto, inclusive um que colocavam os Daleks – hoje, os principais inimigos do Doctor –, como os mocinhos de toda a trama.

A série viria a se chamar Doctor Who, e a fim de garantir uma maior empatia e captar os públicos mais jovens, por se tratar de um programa educativo e de fácil entendimento, Newman decidiu que um homem de mais idade, passaria a sensação de alguém que merece crédito. William Hartnell em 1963 se tornou o Primeiro Doutor de uma linha de “regenerações” que se estendem há quase 57 anos.

Em 2005, Doctor Who retornou as telas com o episódio Rose, um dos episódios mais risíveis já feitos, trazendo em sua essência, o que era e sempre foi Doctor Who, despertando nos espectadores medos em coisas que nos são incômodas, mas não perdemos muito tempo pensando sobre.

Hoje, dia 26 de Março de 2020, Doctor Who completa 15 anos de seu relançamento pela BBC. Traremos aqui, uma lista com os 15 melhores episódios da série na opinião de nossos editores.

15. Vincent and the Doctor (S5xE10)

Doctor Who

Doctor Who tem o costume de nos apresentar personagens históricos conhecidos, assim como personagens aclamados em quase todas as mídias.

O Décimo Primeiro Doutor em “Vincent and the Doctor” leva Amy ao Musée d’Orsay em Paris, onde eles admiram o trabalho do pintor pós-impressionista Vincent van Gogh.

O Doutor descobre o que parece ser uma figura alienígena na janela de uma das pinturas, A Igreja de Auvers, e decide que eles precisam voltar no tempo para perguntar a Vincent quando ele pintou aquele quadro.

Em 1890, em Auvers-sur-Oise, eles encontram Vincent, um homem solitário em um café. Uma jovem garota havia sido assassinada fora do café. Quando os três partem para descobrir o que aconteceu naquele lugar, eles ficam petrificados ao descobrir que os habitantes daquela vila desconfiam que Vincent o tenha feito.

Qualquer outro detalhe sobre o episódio, deve ser levado em conta como spoiler. O episódio é um dos meus favoritos, por contar a história de um dos pintores mais brilhantes de todos os tempos.

14. 42 (S3xE7)

Doctor Who

O Décimo Doutor (David Tennant) e Martha Jones (Freema Agyeman) recebem um sinal de socorro da nave SS Pentallian, uma nave pilotada por humanos que está em colisão com o Sol do sistema Torajii.

O Doutor decide partir para ajudar a tripulação da nave em sua TARDIS, mas após chegar, eles são separados da TARDIS pela enorme temperatura dentro da nave. Os motores da nave começam a falhar e eles tem apenas 42 minutos antes da SS Pentallian atingir o Sol.

Eles precisam chegar até a ponte de controles, mas acabam separados da mesma por 30 portas seladas, e cada uma delas tem uma senha encriptada.

A tensão do episódio, assim como todas as interações do Doutor com aqueles que o rodeia, o tornam mais humano do que muitos dos personagens presentes nesse episódio.

13. Demons of the Punjab (S11xE6)

Doctor Who

Enquanto celebra o aniversário de sua avó Umbreen (Amita Suman), Yasmin (Mandip Gill) recebe um relógio quebrado dela. Curiosa com sua origem, Yasmin convence a hesitante 13ª Doutora a levar ela, Graham e Ryan até Punjab em Agosto de 1947 onde o relógio foi quebrado. 

Após sua chegada, Yasmin descobre que o antigo do relógio era um homem hindu chamado Prem, que a jovem Umbreen tinha a intenção de casar apesar da família de Yasmin ter raízes islâmicas.

A Doutora nota que o grupo havia chegado no dia 17 de Agosto, um dia antes da Partição da Índia. Ela avisa sua amiga para agilizar a cerimônia de casamento para garantir que a sua família não fosse pega no meio da Partição. Além de uma crescente guerra civil, tudo fica ainda mais difícil quando o grupo vê dois aliens, que a Doutora havia visto em suas breves dores de cabeça, sobre o corpo de um Sadhu Bhakti.

Este episódio de Doctor Who nos deixa o tempo todo na beira do sofá, tem a mesma facilidade para nos fazer rir quanto chorar, e merece ser visto.

12. The Time of the Doctor (Especial de Natal da 7º temporada – 2013)

Doctor Who

O 800º episódio se inicia com vários alienígenas orbitando o planeta Trenzalore, o planeta que vem transmitindo uma mensagem continuamente através de todo o tempo e espaço.

A Igreja do Mainframe Papal, constrói um campo de força ao redor de Trenzalore. O 11º Doutor e Clara tem a oportunidade de explorar o planeta e encontrar a fonte da mensagem, pela líder da igreja, Tasha Lem.

Eles descobrem que a mensagem está vindo de um assentamento humano chamado Christmas. A mensagem vem de uma rachadura na realidade que está localizada na torre do relógio e está sendo enviada pelo povo do Doutor: os Senhores do Tempo.

O Doutor deduz que os Senhores do Tempo estão tentando escapar de um universo de bolso que estão presos e querem que o Doutor revele o seu nome, como um sinal de que é seguro sair ali.

Um empasse então se desenrola: os outros aliens não podem arriscar a chance do Doutor deixar os Senhores do Tempo escaparem, enquanto o Doutor não pode arriscar abandonar Trenzalore enquanto a maioria das forças que orbitam o planeta farão de tudo, inclusive tentar colocar fogo no planeta para impedir o retorno dos Senhores do Tempo.

Esse é o último episódio de Matt Smith como o 11º Doutor.

11. The Girl Who Waited (S6xE10)

Doctor Who

O 11º Doutor leva Amy e Rory (Arthur Darvill) para um feriado em Appalapachia, não ciente de que o planeta está sofrendo de uma peste fatal, que afeta todos aqueles que possuem dois corações, como o Doutor e pode matá-los em até um dia.

A população criou um tipo de estrutura que permite aos infectados pela praga sobreviverem ao serem expostos às diversas linhas temporais de forma acelerada, permitindo-os viver suas vidas enquanto continuam se comunicando com aqueles que amam através de uma enorme lente na sala de espera.

Na sua chegada, Amy é separada do Doutor e de Rory, e fica presa na linha do tempo acelerada. Enquanto o Doutor e Rory descobrem a localização de Amy, eles são abordados por um robô dessa estrutura.

O robô explica que a praga não os reconhece como alienígenas, e revela que qualquer tentativa de administrar o medicamente, fará falta para eles. O Doutor então usa a lente para avisar Amy disso, e a diz para esperar por ele, prometendo que voltaria para resgatá-la.

O Doutor se trava à linha temporal de Amy.

O episódio traça um paralelo com o primeiro episódio em que Amy Pond aparece em Doctor Who, o 1º episódio da 5ª temporada – The Eleventh Hour.



10. Listen (S8xE4)

Doctor Who

O 12º Doutor (Peter Capaldi) está meditando na TARDIS, e enquanto ela sobrevoa a Terra, ele diz em voz alta “Listen.” Aí então ele cria uma hipótese de que as pessoas normalmente falam sozinhas, pois de alguma forma sabem que realmente nunca estão sozinhas.

Clara Oswald (Jenna Coleman) sai para um encontro com Danny (Samuel Anderson) e acaba por discutir com ele. Ela então vai embora para que aquela discussão escalasse e se tornasse algo ainda pior.

Em seu apartamento, ela encontra o 12º Doutor, que quer a ajuda dela para explorar a ideia de uma entidade com a habilidade perfeita de se esconder, e pode ou não estar ligado aos medos da infância de todo mundo, de que uma mão poderia puxá-lo para de debaixo da cama. 

9. The Day of the Doctor (Especial de 50 anos da série)

Doctor Who

O episódio conta com o retorno de David Tennant como o 10º Doutor e a aparição de John Hurt, até então, como uma regeneração desconhecida do Doutor: o War Doctor.

Sua longa aventura acabou por apresentar uma nova chave de fenda-sônica, e uma sala de controle única da TARDIS, que lembra muito o interior da TARDIS do Primeiro Doutor.

O episódio nos apresenta novamente os Zygons, vistos pela última vez em 1975. The Day of the Doctor nos dá uma chance de ver alguns elementos perdidos ou desconhecidos da série, tal como a Última Grande Guerra do Tempo que mudou dramaticamente o que muitos expectadores foram levados a acreditar.

8. Rosa (S11xE3)

Quando a 13ª Doutora tenta retornar para a Sheffield dos dias atuais, a TARDIS levou ela e seus companheiros para a Montgomery, Alabama de 1955.

Antes de tentar partir, a Doutora encontra traços de energia artron na área de outro dispositivo de viagem temporal. Ao decidir investigar, o grupo descobriu que acabara de chegar um dia antes do história dia em que Rosa Parks se recusou a ceder seu lugar quando o motorista James F. Blake mandou no dia 1º de Dezembro, o que diretamente iniciou os momentos dos direitos civis.

Ao rastrear a energia, o grupo localizou uma mala com equipamentos vindos do futuro, mas foram incapazes de descobrir mais quando foram forçados a fugir quando o dono do aparato os acertou com um aparelho de deslocamento temporal.

A Doutora então passa a suspeitar que aquele homem tentava alterar a história de Rosa Parks.

7. The Name of the Doctor (S7xE13)

A série sempre brincou com as diversas vidas de Clara Oswald teve. The Name of the Doctor vai além, e mostra que a personagem esteve por aí há bastante tempo, muito antes do Primeiro Doutor fugir de Gallifrey com aquela TARDIS quebrada.

Em 1893, Madame Vastra (Neve McIntosh) e Jenny (Catrin Stewart), recebem uma informação sobre o Doctor em troca de um favor. Eles usam soporífero para conseguir manter ativa uma chamada através do tempo e espaço entre elas, Strax, River Song (Alex Kingston) e Clara, em um sonho.

Vastra repetiu as palavras de sua fonte:

O Doutor tem um segredo, um segredo que ele levará para sua tumba, e ele foi descoberto.”

Durante essa conferência, humanoides sem olhos, sequestram Vastra e Strax e matam Jenny. O Doutor então é subornado para ir até Trenzalore. 

6. A Good Man Goes to War (S6xE7)

Em uma base inimiga, Amy acalma sua filha recém-nascida, Melody Pond, enquanto guardas e a Madame Kovarian as vigiam.

Após Amy ter dado luz a sua filha, Melody está prestes a ser sequestrada e criada de uma forma completamente diferente da que Amy planejava.

Amy conta a Melody sobre seu pai, que apesar de parecer jovem, ele já havia vivido por centenas de anos e ele as estava indo buscar, então seus captores precisavam ficar atentos, pois nem mesmo um exército seria capaz de pará-los.

Apesar de ser uma das poucas vezes que vimos Melody, nós já vimos quem ela se tornará algumas vezes ao longo das temporadas.



5. Dalek (S1xE6)

A TARDIS é atraída para fora de seu curso por um sinal e se materializa em um antigo bunker subterrâneo em Utah no ano de 2012.

O 9º Doutor (Christopher Eccleston) e Rose Tyler (Billie Piper) decidem sair para investigar. Eles encontram no bunker uma espécie bizarra de museu, cheio de artefatos alienígenas, incluindo um medidor do Acidente de Roswell, um braço empalhado de Raxacoricofallapatoriano, e até mesmo uma cabeça de um Cyberman.

O Doutor revela a Rose que aquele é um de seus “velhos amigos”, antes de se corrigir dizendo “inimigo, um inimigo muito antigo.” Ao entrar no cofre de um excêntrico bilionário, apresenta a eles uma das suas mais raras aquisições, o último “Metaltron” vivo.

Mais tarde, descobrimos que o Metaltron se revelará uma ameaça bem maior do que o Doctor imaginou, e uma tão implacável quanto Rose jamais poderia ter imaginado. 

4. Turn Left (S4xE11)

Esse episódio da quarta temporada quase não conta com a participação de David Tennant (de uma forma confusa, isso é comum na maioria dos episódios dessa lista), ao invés disso, Turn Left volta suas atenções para sua companheira de viagens Donna Noble (Catherine Tate), a personagem que até então era vista na série apenas como comediante, nesse episódio ganha camadas dramáticas.

Turn Left conta a história da Donna de uma realidade alternativa onde ela nunca conheceu o Doutor. Como resultado, o Doutor morre, vítima de suas próprias tendências autodestrutivas, deixando a Terra indefesa diante de várias ameaças alienígenas que aconteceram nos dois últimos anos.

Tudo muda quando a Terra é destruída quase que completamente, e Londres começa a funcionar sob uma lei marcial – tudo porquê várias pessoas viam “algo em suas costas”.

Turn Left é um dos melhores episódios de realidade alternativa de séries de TV já feitos, ambientando um futuro distópico caótico ao redor de uma família normal que parece estar acostumada com esse tipo de perigo.

E apesar da ausência do Doutor, sua presença se mantém maior do que nunca – nos apresentando questões importantes do que poderia ter acontecido se o Doutor nunca estivesse por perto para salvar o dia.

3. Heaven Sent (S9xE11)

O penúltimo episódio da 9ª temporada, Heaven Sent é um episódio incomum de Doctor Who em que Capaldi é a única pessoa que aparece nele (além de uma ou outra aparição de Jenna Coleman de costas).

Mas o Doutor também entrega uma das suas melhores atuações. Heaven Sent é perfeito para mostrar o quão longe Peter Capaldi pode ir, o 12º Doutor é abduzido para um estranho castelo, após a morte de Clara Oswald.

Nesse castelo, o Doutor se vê perseguido por uma criatura que pode matá-lo com apenas um toque, até que ele confesse “a verdade”. Preso nessa prisão labirinto, o Doutor foge do castelo onde ele encontra estranhas pistas que indicam que ele pode ter passado mais tempo ali do que pensava.

2. The Angels Take Manhattan (S7xE5)

Doctor Who

Em 2012, o 11º Doutor, Amy e Rory fazem um piquenique no Central Park.

O Doutor lê um livro sobre um detetive dos anos 30, chamado Melody Malone. Rory é enviado para 1938 por uma estátua de querubim, e encontra River Song, que escreveu Melody Malone.

O Doutor e Amy vêem que Rory foi colocado na história de Melody e tenta levar a TARDIS até 1938, mas ela luta para alcançar aquele período de tempo.

O colecionador de Weeping Angels, captura River e Rory. Ele tranca Rory no porão com vários Weeping Angels, enquanto ele faz com que uma das estátuas segure River pelo pulso enquanto ele a interroga.

River é capaz de usar seu manipulador de vórtex para fazer com que o Doutor consiga pousar a TARDIS naquele período de tempo. Amy, sabendo que River escreveu o livro para ajudá-los, usa-o para procurar por Rory. River que seu punho para se soltar da estátua.

Esse é o último episódio que conta com a participação de Amy e Rory Pond. Então aproveite todos os episódios que os precederem. E “Come along Ponds“.

1. Blink (S3xE10)

Doctor Who

Em 2007, Sally Sparrow (Carey Mulligan), intrigada com uma mensagem escrita debaixo de um papel de parede descascado sobre um Weeping Angel, explora uma casa abandonada com sua amiga.

Sua amiga, Kathy de alguma forma é enviada de volta no tempo para 1920 por uma estátua de um “Anjo Chorão”. Nesse momento, o neto de Kathy entrega uma mensagem na casa em 1987 sobre o quão longa a vida de Kathy foi.

Antes de deixar o local, Sally pega uma chave que está pendurando da mão da estátua. Sally visita Larry no trabalho e conta a ele que Kathy o ama.

Larry conta a ela que ele está documentando um arquivo que está presente em 17 DVDs diferentes, que contém fragmentos de uma conversa em que um homem tem com o expectador.



Todas as 12 temporadas de Doctor Who estão disponíveis no Globoplay

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Comentários