Início FILMES Crítica #52filmsbywomen 17 – Como Nossos Pais (2016, Laís Bodanzky)

#52filmsbywomen 17 – Como Nossos Pais (2016, Laís Bodanzky)

71
0
como nossos pais

Como Nossos Pais é um longa brasileiro da cineasta Laís Bodanzky. Com Maria Ribeiro, Clarisse Abujamra, Gilda Nomacce, Paulo Vilhena, e Cazé no elenco; o filme conta a história de Rosa (Ribeiro) que recebe uma revelação impactante durante uma briga com sua mãe, e decide se desprender das obrigações que possui como mãe, esposa e filha.

Como Nossos Pais foi o grande vencedor do Festival de Gramado, um dos maiores festivais de cinema do Brasil, e recebeu muitos outros prêmios e indicações em festivais do mundo. Bodanzky, uma cineasta já estabelecida no cinema nacional com o aclamado Bicho de Sete Cabeças de 2001, apresenta neste novo longa, um trabalho sensível e corajoso que tem como fio condutor as relações familiares, mas investiga em especial as mulheres contemporâneas e seus desafios. Por conta disso, a história de Rosa consegue ao mesmo tempo ser intimista, mas oferecer muitas dimensões com as quais todas e todos nós podemos nos identificar.

Repleto de referências e metáforas – o sapato vermelho da Dorothy, um livro de fotografias de princesas decadentes – o filme faz muitos paralelos com discussões e pautas de movimentos femininos, como a carga de trabalho doméstico, os relacionamentos, culpa e solidão.

A atuação impactante de Maria Ribeiro é capaz de transitar entre todas essas camadas com muita leveza, carregando bem a trama. Rosa é uma personagem imperfeita, que flerta com as transgressões da vida ao mesmo tempo em que procura perfeição nas suas tarefas, sua casa e seu casamento. Essa dicotomia reflete, para Laís, a condição da mulher contemporânea, a super-mulher. Com um recorte específico de raça e classe, a representação é fiel.

Como Nossos Pais merece todos os louros que recebeu, entregando uma história bem executada e em contato direto com muitos movimentos e debates atuais. Para mim, o melhor trabalho da carreira de Bodanzky. Um filme que merece ser visto, debatido e que deve influenciar novas obras. Resta aguardar os próximos trabalhos da cineasta!

Confira abaixo o trailer de Como Nossos Pais:

Já começou a campanha #52FilmsByWomen? Tem ideia de algum filme nos indicar? Deixe-nos seus comentários e lembre-se de compartilhar esse post com seus amigos em suas redes sociais! Até domingo que vem com uma nova seleção 😉

Comentários