Início FILMES Crítica CRÍTICA – Crime Sem Saída (2019, Brian Kirk)

CRÍTICA – Crime Sem Saída (2019, Brian Kirk)

244
0

Crime Sem Saída de Brian Kirk conta com diversas estrelas em seu elenco: Chadwick Boseman (Pantera Negra), Taylor Kitsch (John Carter: Entre Dois Mundos), Sienna Miller (Sniper Americano) e J.K. Simmons (Whiplash: Em Busca da Perfeição), o que ocasiona boas atuações e uma boa história, apesar de nem sempre ser a fórmula para o sucesso. Aqui, temos momentos ambíguos. No primeiro ato, o filme é mais um thriller de ação meio canastrão, com um enredo raso e sem muita pretensão de ser grande, com vários clichês envolvidos na trama: um policial durão e letal, considerado pavio curto (Chadwick Boseman), Andre Davis, o protagonista. Temos a parceira, também durona, com um fundo de dramaticidade por ser uma mãe solteira que se expõem ao perigo (Sienna Miller), que se chama Frankie Burns. Para fechar o núcleo duro da história, temos Ray (Taylor Kitsch) e Michael (Stephan James), dois bandidos que massacram oito policiais em um roubo de cocaína da gangue rival.

O longa possui diversas qualidades e defeitos, ficando no meio do caminho. Temos várias referências de filmes controversos e de sucesso, como Nova York Sitiada, Os Reis da Rua e 16 Quadras, pois a missão de Andre Davis se torna ingrata no decorrer do segundo e terceiro atos do filme, depois de um ponto de virada que ocorre para dar andamento ao filme, algo que faz o filme ser bom e ruim ao mesmo tempo, uma vez que ele é mais do mesmo, porém tem aspectos de uma identidade própria ao nos mostrar alguns pontos de vista de personagens secundários que dão um desenvolvimento interessante para a trama.

Sobre as atuações, Boseman entrega um personagem interessante, mesmo que o roteiro não o ajude muito. O ator possui um talento para a ação e para o drama, conseguindo nos passar tensão e frieza nos momentos certos, mesmo que no início ele pareça caricato. Outros destaques positivos são o sempre excelente J.K. Simmons, Taylor Kitsch e a surpresa Stephan James, o terceiro o melhor personagem disparado do elenco, com diversas nuances numa atuação convincente e muito acima dos demais.

Crime Sem Saída é um bom divertimento. Com um tom noir, digno dos filmes da máfia e ação desenfreada com uma boa trama política e de uma rede de corrupção, entrega um filme que não passará incólume no ano.

Nossa nota

O longa chega aos cinemas nesta quinta-feira (04), lembre-se de após assisti-lo, voltar aqui para deixar sua avaliação e comentário!

Confira o trailer de Crime Sem Saída:

Nota do público
Obrigado pelo seu voto



Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.