Início FILMES Crítica CRÍTICA – First Cow: A Primeira Vaca da América (2019, Kelly Reichardt)

CRÍTICA – First Cow: A Primeira Vaca da América (2019, Kelly Reichardt)

First Cow

First Cow: A Primeira Vaca da América é um longa-metragem escrito e dirigido pela diretora americana Kelly Reichardt e que chegou aos cinemas no dia 10 de Junho.

SINOPSE

Em 1820, um cozinheiro solitário e habilidoso viaja para o território do Oregon, onde conhece um imigrante chinês que também busca criar sua fortuna. Logo, eles se unem em um perigoso esquema para roubar leite de uma premiada vaca local – a primeira e única em todo o território.

ANÁLISE

Em First Cow temos uma longa-metragem com ritmo lento e vagaroso, com um design de produção minimalista que vai agradar a todos os cinéfilos – mas que certamente não agradará ao público impaciente que não estiver habituado com uma história e uma narrativa mais lentas.

No entanto, o ritmo lento dessa narrativa se adequa perfeitamente ao período que se passa a história. Levando isso em conta, acompanhamos Otis (John Magaro) e King-Lu (Orion Lee) durante o século XIX. Tentando realizar o sonho americano de serem vendedores de biscoito ordenhando uma vaca local, mas de forma ilícita.

Com essa premissa, o longa se desenvolve de forma simples e inquietante, pois apesar do ritmo lento, o espectador ficará bastante apreensivo com a forma ilegal que ambos os personagens se arriscam para ordenha.

As atuações de John Magaro e Orion Lee estão excelentes, pois ambos os atores apresentam uma sintonia cativante e convincente. Com relação a direção de Kelly Reichardt, a mesma sabe realmente extrair uma excelente história diante de uma premissa tão simples.

Além da trama excepcional, o destaque vai para a ambientação naturalista que é maravilhosa em tela. Com a paleta de cores com tons verdes e marrons, os personagens têm o visual de um filme western, o que torna tudo ainda mais fascinante.

VEREDITO

First Cow – A Primeira Vaca da América é um deleite aos cinéfilos que amam uma história simples, minimalista e bem dirigida. Todavia, o longa pode acabar sendo um tédio para o espectador que espera uma trama sem enrolação, pois a diretora foca em contar uma história lenta de uma amizade que acaba tendo um desfecho inesperado.

First Cow – A Primeira Vaca da América foi lançado nos cinemas no dia 10 de Junho de 2021.

Confira o trailer do filme:

Nossa nota

4,0 / 5,0

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorCRÍTICA – DC Super Hero Girls: Teen Power (2021, Nintendo)
Próximo artigoCRÍTICA – Elite Histórias Breves (2021, Netflix)
Eu sou apenas um rapaz latino-americano que curte quadrinhos, games, livros e cinema.