Início FILMES Harry Potter: Alan Rickman se sentia frustrado por interpretar Snape

Harry Potter: Alan Rickman se sentia frustrado por interpretar Snape

Alan Rickman foi um ator que teve um número invejável de papéis icônicos em sua filmografia. Hans Gruber, de Duro de Matar (1988), pode ter sido o mais icônico papel do ator para os fãs mais velhos, mas para os garotos dos anos 90, seu papel mais icônico, certamente é ninguém menos que Severus Snape na série de filmes Harry Potter. Seja nos livros ou nos filmes, Snape era um personagem que alguns fãs amavam odiar e outros amavam pensar sobre ele. ‘Quais eram seus aliados?’ ou ‘Como ele realmente se sentia sobre o jovem Harry Potter?’ possivelmente eram algumas das principais perguntas que rondavam a cabeça dos fãs.

Os fãs especularam sobre isso durante anos até o lançamento de Harry Potter e as Relíquias da Morte, mas as respostas reais a essas perguntas também foram carinhosamente retratadas no filme final da longa série de filmes da Warner Bros. Considerando o quão bem recebido foi o trabalho de Rickman, é interessante notar que não parece que a experiência do ator britânico, falecido em 2016, foi totalmente satisfatória – ou, no mínimo, houve momentos em que esse foi o caso.

De acordo com o site Deadline, uma nova coleção de cartas relacionada ao filme acaba de ser leiloada, e nelas, uma carta do produtor de séries de filmes David Heyman foi endereçada a Rickman, e que dizia:

Obrigado por fazer de HP2 um sucesso. Eu sei, às vezes, você se sente frustrado, mas, por favor, saiba que você é parte integrante dos filmes. E você é brilhante.

Embora não tenhamos o contexto completo para esta carta, parece ser muito conciliador, onde Alan Rickman provavelmente expressou preocupações de que seu personagem estava sendo subdesenvolvido. Dada a natureza desses primeiros filmes, suponho que isso não seja uma grande surpresa. O que é um pouco de surpresa é que as preocupações de Rickman aparentemente retornaram enquanto trabalhava em Harry Potter e o Enigma do Príncipe, onde Rickman escreveu uma nota intitulada “Inside Snape’s Head” (“Por Dentro da Cabeça de Snape” em tradução literal); onde dizia:

É como se [o diretor] David Yates tivesse decidido que isso não é importante no esquema das coisas, ou seja, o apelo do público adolescente.

Particularmente, senti que Harry Potter e o Enigma do Príncipe teve uma grande falha com a falta de ênfase no Príncipe Mestiço titular. Enquanto no livro, o personagem de Snape foi um grande papel, ele certamente foi relegado ao plano de fundo do filme, tanto que a revelação de ele ser o Príncipe Mestiço praticamente não teve peso.

snape

O que você acha desses pensamentos de Alan Rickman? Você concorda? Deixe seus comentários abaixo e lembre-se de compartilhar essa notícia com seus amigos em suas redes sociais!