Início FILMES Artigo Marvel mudará história de Feiticeira Escarlate para Doutor Estranho 2

Marvel mudará história de Feiticeira Escarlate para Doutor Estranho 2

534
0
Marvel mudará história de Feiticeira Escarlate para Doutor Estranho 2

A Marvel Studios está dando retcon (em inglês: retroactive continuity, continuidade retroativa) – que é a alteração de fatos previamente estabelecidos na continuidade de uma obra ficcional – nos poderes da Feiticeira Escarlate dando largada na produção de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

Introduzida em 2015, em Vingadores: Era de Ultron, a Wanda Maximoff se estabeleceu como uma das super-heroínas mais poderosas do Universo Cinematográfico Marvel. Em Vingadores: Guerra Infinita, ela foi capaz de segurar Thanos enquanto destruía uma Joia do Infinito; já em Vingadores: Ultimato, ela chegou perto de derrotar o Titã Louco, sozinha, um feito que nem mesmo Thor foi capaz de atingir.

Por mais poderosa que a Feiticeira Escarlate pode ser, suas habilidades são surpreendentes e relativamente indefinidas. Isso pode ser intencional por parte da Marvel Studios, pois haviam algumas evidências de que o estúdio estava planejando dar retcon na história da personagem. Em uma entrevista ao ComicBook em 2016, o Presidente da Marvel Studios, Kevin Feige comparou os poderes de Wanda aos do Doutor Estranho:

“A Feiticeira Escarlate nunca treinou os poderes dela. Ela nunca teve nenhum treinamento adequado; ela está percebendo isso. Indiscutivelmente, você pode dizer a razão dos poderes dela serem mais caóticos e muito mais livres na forma como mostramos com aqueles efeitos de luz. Em Doutor Estranho, algo que você pode ver hoje, até mesmo a capa da Entertainment Weekly, é mais engessado. Se trata de foco. Se trata de retirar energias de outras dimensões e organizá-las, essa é a razão deles poderem fazer mais do que ela pode, pelo menos, de forma muito mais precisa.”



E parece que está claro que lá em 2016, Feige via conexões entre as habilidades de Wanda Maximoff e aqueles treinados nas Artes Místicas. Isso talvez explique a razão da Feiticeira Escarlate estar presente em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, pois ela foi trazida para o mesmo patamar do Doutor Estranho.

FEITICEIRA ESCARLATE FOI APRESENTADA COMO UM “MILAGRE” EM VINGADORES: ERA DE ULTRON

A Feiticeira Escarlate de Elizabeth Olsen foi apresentada como um “milagre” em Vingadores: Era de Ultron. Junto de seu irmão, Pietro, também conhecido como Mercúrio, que eram os únicos que haviam sobrevivido aos experimentos realizados pela Hydra com a Joia da Mente.

Os poderes dos irmãos Maximoff foram explicados em um rápida conversa com Maria Hill quando ela passou o briefing aos Vingadores:

Ele tem metabolismo acelerando e homeostase térmica melhorada. Ela mexe com as ondas cerebrais, telecinese e manipulação da mente. Ele é rápido e ela é estranha.

Essa história de origem, e seus poderes são mostrados de forma diferente nos quadrinhos. Lá, Wanda Maximoff é descrita várias vezes como uma mutante, feiticeira ou até mesmo ambos. Ela está fortemente associada à Magia do Caos, que afeta a probabilidade e a estrutura da realidade.

É importante entender que a Marvel estava inicialmente exitante em relação à introduzir magia ao UCM. Seu universo cinematográfico compartilhado é construído em cima de uma rocha de pseudo-ciência, e é um resultado de um estudo feito com o público que achou difícil encontrar lugar para personagens como Homem de Ferro e Capitão América entre esses personagens super poderosos. Isso afetou até mesmo o primeiro filme do Thor, onde o Deus do Trovão conta à Jane Foster que ele veio de um lugar onde ciência e magia são “uma coisa só.” Isso é a clássica forma de Arthur C. Clarke, que qualquer tecnologia suficientemente avançada, seria indistinguível de magia.

Essa circunspecção, então, afetou como a Marvel Studios inicialmente tratou a Feiticeira Escarlate. Ela basicamente se tornou análoga à Jean Grey, e Vingadores: Era de Ultron deu tempo de tela suficiente para mostrar seus poderes telepáticos e telecinéticos.



Wanda foi capaz de causar nos vingadores pesadelos vívidos, e foi responsável por colocar Tony Stark no caminho para criar Ultron. Ao fim do filme, quando ela e Pietro trocam de lados, a Feiticeira usa sua telecinese para causar um efeito devastador contra o exército androide de Ultron.

O filme claramente estabeleceu uma ligação entre a intensidade das emoções de Wanda e a força de seus poderes. Quando seu irmão morreu, ela então liberou uma onda de raiva e luto que foi acompanhado de uma explosão de força telecinética.

COMO A FEITICEIRA ESCARLATE MUDOU A FASE 3

Os filmes da Fase 3 continuaram desenvolvendo a Feiticeira Escarlate e potencialmente a preparou para o retcon de Kevin Feige. O foco vem sendo em sua maior parte na telecinese de Wanda, e ela foi mostrada como uma das Vingadoras mais poderosas. O próprio Thanos precisou sacrificar parte de sua tropa a fim de escapar de seus poderes telecinéticos.

Com o passar do tempo, o Universo Cinematográfico Marvel vem sendo cuidadoso ao mostrar que os poderes de Wanda Maximoff não são infinitos. Na verdade, as limitações da personagem foram a chave de Capitão América: Guerra Civil, onde ela falhou ao conter a explosão do vilão Ossos Cruzados por muito tempo, causando uma tragédia. Mas os limites dos poderes da Feiticeira Escarlate parecem ter mais a ver com seu próprio controle e estado emocional do que qualquer outra coisa.

Quanto mais ela treina, melhor ela fica ao controlar seus poderes, o que explica como Wanda conseguiu parar Thanos e destruir uma Joia do Infinito ao mesmo tempo em Vingadores: Guerra Infinita. E seu poder nunca foi mais forte do que quando teve uma explosão emocional; ela então enfrentou Thanos novamente em Vingadores: Ultimato, com o luto pela morte de Visão, que para ela aconteceu há poucos minutos atrás.



Enquanto isso, o UCM evitou esclarecer a relação entre as habilidades da Feiticeira Escarlate e a Joia da Mente. O Dicionário Visual da Marvel Studios contém um comunicado escrito cuidadosamente:

“Se isso a alterou ou meramente desbloqueou algo latente dentro de Wanda, a Joia do Infinito do Cetro de Loki concedeu poderes incríveis da mente.”

Parece que a Feiticeira Escarlate sempre teve potencial para esse tremendo poder, e que a Joia da Mente simplesmente o fez despertar dentro dela. Os próprios filmes estabeleceram as habilidades de Wanda Maximoff tendo uma “assinatura similar” a Joia do Infinito, mas nunca explicou o que isso realmente significa. O potencial claramente está lá para que os poderes de Wanda sofram um retcon de alguma forma.

SERÁ EM DOUTOR ESTRANHO 2 O RETCON PROMETIDO POR FEIGE?

A Marvel Studios pode ter sentido medo ao fazer da Feiticeira Escarlate uma feiticeira de fato em 2015, mas o UCM moderno é bem mais relaxado no que se refere ao sobrenatural. O filme do Doutor Estranho foi um blockbuster, com uma arrecadação mundial de US $ 677.7 milhões, provando que a audiência estava pronta para que a magia entrasse no Universo Cinematográfico Marvel. O público ficou animado quando o Stephen Strange e o Tony Stark se uniram em Vingadores: Guerra Infinita, com ciência e magia coexistindo tranquilamente. Isso explicaria facilmente a razão dela ter sido confirmada em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

É claro que se os poderes da Feiticeira Escarlate forem de fato de natureza mágica, isso claramente abriria as portas para muito mais que só telepatia e telecinese. Além disso, até mesmo sem treino, ela tem se mostrado por vezes mais forte do que Mestres das Artes Místicas.

Mesmo com todos seus poderes, o Doutor Estranho não foi capaz de machucar Thanos de fato como Wanda foi, e não há indicação de que ele possa destruir apenas com uma mão, uma Joia do Infinito.

É possível que o Doutor Estranho tenha sentido o potencial de Wanda Maximoff quando lutou ao seu lado na batalha do Complexo dos Vingadores; mas também existe a possibilidade de Wanda demonstrar habilidades sobrenaturais na série do Disney+ WandaVision, que aparentemente estará ligada à Doutor Estranho 2.



De qualquer forma, o palco está armado para Doutor Estranho 2 mostrar Stephen Strange trabalhado com uma personagem com habilidades que podem facilmente exceder as suas.

Se Doutor Estranho no Multiverso da Loucura for de fato o retcon que Kevin Feige prometeu, então os leitores dos quadrinhos devem saber que Strange deve tomar muito cuidado. Isso poderia levar a Feiticeira Escarlate do UCM para muito próximo da sua contraparte dos quadrinhos, e a Wanda que conhecemos pode se tornar muito instável conforme seus poderes aumentam.

Doutor Estranho uma vez temeu tanto os poderes de Wanda que a colocou em um sono encantado; mesmo não tendo durado. Pior ainda, temos tido pistas da instabilidade da Wanda do UCM que constantemente afirma que fica mais poderosa conforme suas emoções ficam fora de controle. Não é inconcebível que a “loucura” do título de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura seja de fato da Feiticeira Escarlate.

E você, está animado para conhecer mais da poderosa Wanda Maximoff? Então confira a publicação abaixo:

Feiticeira Escarlate: Conheça mais de Wanda Maximoff

Comentários