TBT #257 | O Incrível Hulk (2008, Louis Leterrier)

    O filme O Incrível Hulk foi o segundo lançamento da Fase 1 do que viria a ser o Universo Cinematográfico Marvel (UCM). O longa é estrelado por Edward Norton, Liv Tyler, William Hurt e Tim Roth.

    E com a atual fase do UCM caminhando na corda bamba e oscilando entre sucessos e fracassos, nada melhor que relembrar um dos melhores filmes da primeira fase do universo criado pela Marvel Studios.

    SINOPSE

    Vivendo escondido e longe de Betty Ross (Liv Tyler), a mulher que ama, o cientista Bruce Banner (Edward Norton) busca um meio de retirar a radiação gama que está em seu sangue. Ao mesmo tempo ele precisa fugir da perseguição do general Ross (William Hurt), seu grande inimigo, e da máquina militar que tenta capturá-lo, na intenção de explorar o poder que faz com que Banner se transforme no Hulk.

    ANÁLISE

    O Incrível Hulk é uma reinicialização do personagem no cinema, ignorando os eventos do esquecível filme anterior Hulk (2003), dirigido por Ang Lee. O filme faz parte do UCM, mas é importante notar que Edward Norton não reprisou seu papel como Bruce Banner nos filmes subsequentes da franquia. Mark Ruffalo assumiu o papel a partir de Os Vingadores (2012).

    O filme explora a dualidade do personagem principal e os dilemas morais associados ao Hulk. Enquanto lida com sua própria transformação e a ameaça do exército, Banner também enfrenta um adversário formidável em Emil Blonsky (Tim Roth), um soldado que deseja adquirir os poderes do Hulk para se tornar uma arma ainda mais letal.

    Embora O Incrível Hulk tenha sido geralmente bem recebido pela crítica e pelos fãs, não foi tão bem-sucedido comercialmente em comparação com outros filmes do UCM. No entanto, a performance de Edward Norton e as sequências de ação foram elogiadas, e o filme contribuiu para estabelecer o Hulk como parte integrante do Universo Cinematográfico da Marvel.

    Liv Tyler também é um ponto positivo na produção, a atriz nos entrega uma ótima Betty Ross, infelizmente atriz e a personagem não viria a ser mostrada no UCM nas produções vindouras. Os fãs seguem a espera de no futuro ver a personagem como Hárpia ou Mulher-Hulk Vermelha.

    Betty Ross: De namorada do Hulk à Harpia Vermelha

    VEREDITO

    Apesar de ainda termos Hulk e Abominável no UCM, inclusive presente na recente série Mulher-Hulk, do serviço de streaming Disney+ a primeira versão destes personagens, tanto visualmente quanto em brutalidade, fazem falta ao UCM atual.

    Como pedida de TBT, vale a pena assistir novamente O Incrível Hulk e relembrar do caos reinando quando Hulk e Abominável se enfrentam.

    Abominável: Conheça a versão monstruosa de Emil Blonsky

    Nossa nota

    5,0 / 5,0

    Assista ao trailer:

    O Incrível Hulk está disponível no catálogo do Disney+.

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    CRÍTICA: ‘Segredos de um Escândalo’ instiga, mas falha ao entregar narrativa incômoda

    Segredos de um Escândalo é o mais novo suspense estrelado por Julianne Moore e Natalie Portman. O longa adapta uma história real.

    TBT #264 | ‘Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal’ diverte, mas falha em entregar legado

    Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal é um dos muitos longas legados lançados nos anos 2000. O longa acompanha o amado Indy.

    CRÍTICA – ‘Bob Marley: One Love’ a voz do amor em tempos de guerra

    Bob Marley: One Love lança os espectadores por história emocionante, com músicas sobre amor, perseverança e biografia respeitosa.

    10 filmes indicados ao Oscar que você pode assistir na Netflix

    A Netflix recebeu 18 indicações ao Oscar; veja a lista completa dos filmes da gigante do streaming que concorrem na maior premiação do cinema.