Início GAMES Crítica CRÍTICA – Mortal Kombat 11 (2019, NetherRealm Studios)

CRÍTICA – Mortal Kombat 11 (2019, NetherRealm Studios)

1495
0
Mortal Kombat 11 pode não ser lançado em alguns países por causa da violência

O torneio mais sangrento dos games está de volta em Mortal Kombat 11, e após uma longa espera de pouco mais de quatro anos, com games que a NetherRealm Studios fez questão de lançar para preencher o vazio que a franquia MK deixou.

Com Injustice 2, o cenário competitivo dos games de luta têm se mantido aquecido, e com Mortal Kombat 11, novos e antigos personagens da franquia, o cenário competitivo ainda terá uma longa vida pela frente.

O game que promete brilhar no cenário já acirrado entre os games da franquia Dragon Ball, Smash Bros, Street Fighter V e Tekken 7, se mostra uma revitalização no gráfico e em suas mecânicas, se mostra eficaz no que se refere à jogabilidade e nostalgia. Acertando no que se refere à fazer uma bela história da forma certa, mudando até mesmo os rumos da franquia.

Após o “reboot” na franquia Mortal Kombat, somos apresentados à ameaças novas e à um antigo herói, que ao cair, parece ter tomado o lugar do inimigo, assumindo o papel de um dos antagonistas.

HISTÓRIA

A NetherRealm têm acertado cada vez mais ao longo dos anos no que se refere a criar uma bela história – com alguns retcons precisos – com proporções épicas, que transcendem até mesmo linhas temporais.

Ao apresentar uma nova antagonista que têm o intuito de estabelecer em todos os Reinos o seu domínio, a Deusa do Tempo Kronika, apresenta um perigo na franquia nunca visto antes, nos 27 anos desde a sua criação. Irritada com as ações de Raiden após Mortal Kombat 9, Kronika pretende desfazer todas as ações do Protetor do Reino Terrestre e fazer sua visão se tornar real.

Passado e presente colidem quando as ações de Kronika se tornam mais claras, e versões do passado de vários personagens, como Liu Kang, e Shao Kahn voltam para a linha temporal principal, causando alguns encontros felizes e inesperados.

MODO KRYPTA

O retorno do modo Krypta, presente no MK X, se dá de modo interessante. Com Shang Tsung nos apresentando os mais diversos ambientes de sua Ilha – vista no filme Mortal Kombat de 1995 –, com mudanças claras. Com uma câmera em terceira pessoa que nos permite mais liberdade e maior imersão. Nos permitindo a coleta de itens cosméticos e outros para fins de aprimoramentos de personagens.

KUSTOMIZAÇÃO

Mortal Kombat 11, leva a Kustomização de personagens a um novo nível. As customizações que podem ir muito além de cosméticos, permite que você crie lutadores quase que inteiramente novos, ou únicos. Com itens que vão desde armas, trajes, máscaras e afins, até mesmo finalizações e melhoria dos itens supracitados.

Vale lembrar que atualmente, Mortal Kombat conta com 23 personagens. Cada um desses personagens têm 54 skins para ser liberadas. Se o jogador tiver interesse de comprar cada um dos itens colecionáveis do game, será necessário desembolsar em média US $ 6.400.

TORRES DO TEMPO

As Torres estão de volta à franquia, nos permitindo um gameplay balanceado e lutas satisfatórias. As Torres do Tempo nos apresentam os mais diversos desafios, mudando de acordo com os dias, adicionando mais e mais camadas à experiência singleplayer, dando aos jogadores a possibilidade de obter itens importantes para o progresso na Krypta por meio de Fatalities ou Brutalities e conforme a progressão.

KONKLUSÃO

Por mexer com questões como o tempo, Mortal Kombat 11 se torna o game mais ousado da franquia, levando os jogadores e a história à um novo patamar. Encontros inesperados, interações hilárias e por vezes confusas, nos dão a noção de uma maior profundidade ao abordar antigas rixas e conflitos.

Com apenas 3 novos personagens, Mortal Kombat 11 inova, ao trazer de volta aos jogadores personagens adorados da franquia. Com lutadores balanceados, o Kombate se torna ainda mais fluído. Nos mostrando que a NetherRealm é capaz de acertar e inovar com o passar dos anos, fazendo ainda mais bonito.

Nossa nota

Confira o trailer de Mortal Kombat 11:

Mortal Kombat 11 foi lançado hoje, dia 25 de abril e está disponível para PlayStation 4, Xbox One, PC e Nintendo Switch. Você já jogou o game? Dá a sua nota para o game aqui e comenta abaixo o que você achou!

Nota do publico
Obrigado pelo seu voto

Comentários