Início GAMES Artigo Trilhas sonoras de jogos: 5 artistas que fãs da Nintendo precisam conhecer

Trilhas sonoras de jogos: 5 artistas que fãs da Nintendo precisam conhecer

Você que é fan boy ou fan girl da Nintendo e curte trilhas sonoras originais de jogos não pode deixar de conhecer esses artistas no Spotify

Uma das coisas que eu mais gosto em jogos de videogame é curtir as trilhas sonoras e ver como elas melhoram a experiência nos games. Se você compartilha o mesmo gosto, acredito que vá gostar desta lista com 5 artistas que fazem versões incríveis das trilhas sonoras de jogos da Nintendo.

Existem diversas franquias com trilhas sonoras incríveis, mas particularmente acredito que a Big N é a empresa que possui os games com músicas mais marcantes.

Aqui você encontra versões revisitadas de trilhas sonoras de jogos como Mario, Pokémon, The Legend of Zelda e Sonic. Também destaco diversas músicas de clássicos da Rare (antiga Rareware), como Banjo-Kazooie, Diddy Kong Racing e Donkey Kong 64.

Abra seu Spotify, aumente o volume e divirta-se!

Qumu

Qumu Music é um prato cheio para os fãs da Nintendo!

Esse artista revisita as músicas com uma pegada eletrônica, mas preserva o estilo original, fazendo com que a nostalgia seja forte em muitos casos.

Separei para você o álbum Year 4 em que há músicas de jogos como Super Mario World, The Legend of Zelda: Breath of the Wild, Kirby Super Star e Animal Crossing.

Confira também as versões das trilhas sonoras de Banjo-Kazooie e Diddy Kong Racing e perceba toda a identidade das músicas da Rare no estilo interessante do Qumu!

Celestial Aeon Project

Além de suas ótimas versões das trilhas sonoras de jogos, o Celestial Aeon Project ainda faz curadoria das músicas revisitadas por outros artistas. Esse é sem dúvida um artista muito completo, que também revisita anime, filmes e games de outras franquias.

Ouça a seguir um álbum com 21 faixas em tributo a The Legend of Zelda.

Confira também estas incríveis playlists com versões autorais e curadoria de outros músicos: Nintendo Chill & Orchestrated, Chiptune / VGM covers e Pokémon & Chill.

Claire Waluch

Curte piano? A Claire Waluch tem tudo para ser a sua favorita desta lista! Ela é uma pianista muito talentosa!

Ouça a seguir o primeiro álbum disponibilizado pela Claire no Spotify, com trilhas sonoras de diversos jogos.

Destaco também este álbum inteiro dedicado a diversos jogos da franquia The Legend of Zelda. Clique aqui para acessar.

PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Especial The Legend of Zelda: 35 anos de histórias fascinantes

FalKKonE

Esta dica é especial para fãs de Metal, principalmente Metal Sinfônico. Talento, repertório, acervo, Metal, sinfonia… FalKKonE tem tudo o que você quiser!

Se você é fã de Pokémon e de Metal Sinfônico, certamente irá curtir o álbum Intense Symphonic Metal Covers: Metal ‘Em All que está logo abaixo:

Nem só de Pokémon vive o FalKKonE. Não deixe de conferir os álbuns dele no Spotify. Atualmente há 24 volumes com covers de diversos games, além de alguns exclusivos para determinadas franquias.

Hoopsandhiphop

Nome difícil né? O que tem de dificuldade para ler o nome não tem para ouvir este baita artista. Hoopsandhiphop cria batidas incríveis para remixar trilhas de diversos jogos de Pokémon.

Entre as batidas está, obviamente, o estilo Hip Hop. Mas não é só de batidas eletrônicas que vive esse cara. Em alguns casos, a pegada da música original é mantida, como na trilha de Goldenrod City (Gold / Silver / Crystal) em que há um violão bem de boa, ótimo para relaxar.

Uma das trilhas mais clássicas dos jogos de Pokémon é a que toca em Lavender Town. Acredite: a versão do Hoopsandhiphop precisa ser ouvida!

Tem algum(a) artista para indicar? Deixe nos comentários, pois certamente irei ouvir!

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorMortal Kombat: Confira o caminho até o filme de 2021
Próximo artigoCidade Invisível: Conheça as lendas do folclore brasileiro na série
Jornalista pós-graduado em Jornalismo Digital, fã de Mr. Robot, Pokémon e com uma menção honrosa a 24 Horas, o seriado que me fez entrar no mundo de séries e filmes.