Início SÉRIE Artigo Westworld: Resumão da segunda temporada

Westworld: Resumão da segunda temporada

60
0
Westworld: Resumão da segunda temporada

Westworld retorna hoje (15/03/2020) para o seu terceiro ano, e nós não poderíamos estar mais animados! Após uma segunda temporada cheia de mortes, novos parques e plot twists, temos muitas perguntas ainda sem resposta e esperamos que todas sejam respondidas nos próximos capítulos.

Se você não lembra muito bem do que rolou na segunda temporada, não se preocupe. Nós listamos os principais acontecimentos para que você não fique de fora dessa festa robótica! Te ajudar a lembrar é o máximo que podemos fazer, pois entender tudo o que aconteceu ainda é muito difícil – mesmo com dois anos de hiatos do programa de TV.

Então, prepare a pipoca e aproveite o nosso resumão com spoilers.

O final da 1ª temporada: a morte de Ford

Westworld: resumão da segunda temporada

Bem, a segunda temporada inicia no momento em que Dolores (Evan Rachel Wood) assassina seu criador, Robert Ford (Anthony Hopkins). A partir desse ponto, nós acompanhamos os acontecimentos em várias linhas cronológicas e por vários pontos de vista. O que Westworld mais ama é impedir que a gente entenda alguma coisa. 

Com o assassinato acontecendo no meio de uma festa dentro do parque, o caos se torna geral. Com um novo update no sistema dos anfitriões, agora não há mais regras e todos que estiverem em território dos parques podem ser feridos. Como os robôs são extremamente parecidos com os humanos, imagine o problemão para identificar quem é robô e quem não é.

Todos os personagens principais estão envolvidos no episódio, fazendo com que cada um corra para um lado diferente. Utilizando um espaço de tempo entre a festa e as próximas cenas, os roteiristas nos fazem questionar a cada momento qual memória é real e qual não é.

Dolores possui uma narrativa própria, buscando um objetivo maior do que apenas o labirinto. Após se tornar a grande líder dos anfitriões, nesta temporada ela passa ser ainda mais implacável, derrubando tudo – e todos – que estão em seu caminho.

Bernard (Jeffrey Wright) não está nada bem. Após os acontecimentos da festa, ele passa a ter lapsos de memória, criando flashbacks involuntários e misturando a linha cronológica desde o assassinato de Ford até (claro) o desfecho da série.

Enquanto isso, Maeve (Thandie Newton) toca sua própria narrativa, separada dos demais, acompanhando Hector (Rodrigo Santoro), Lee (Simon Quarterman) e Felix (Leonardo Nam). Após quase fugir do parque no final da primeira temporada e desistir, optando por encontrar sua filha, Maeve embarca em uma jornada em busca da criança. 

A androide descobre também que ela tem a capacidade de controlar outros hosts através da “rede de malha” que une a todos dentro do parque. Isso torna a missão um pouco mais fácil.

Enquanto os androides tocam o terror, os humanos lutam – literalmente – pra sobreviver. Charlotte Hale (Tessa Thompson), sobreviveu ao massacre na festa em que Dolores matou Ford, correndo para um bunker onde pudesse obter as informações criptografadas que ela estava contrabandeando para fora do Parque.

Westworld: resumão da segunda temporada

As informações foram incorporadas na programação do pai de Dolores, o anfitrião Peter Abernathy (Louis Herthum). A Delos, empresa responsável pelos parques de Westworld, só encaminhará uma equipe de ajuda se Charlotte conseguir entregar essas informações a eles.

Essa trama é uma continuação de uma história ainda da primeira temporada, quando Charlotte e Theresa Cullen (Sidse Babett Knudsen) tentavam roubar várias partes da propriedade intelectual da empresa para que Ford não pudesse apagá-las quando fosse escanteado.

Existem mais de um parque no seriado

Westworld: resumão da segunda temporada

Algo que já imaginávamos – conforme a temporada de Westworld foi andando – é que seríamos apresentados a novos parques. Era impossível algo que dá tão certo ser criado com apenas uma temática. O projeto de Ford se tornou tão rentável para James Delos (Peter Mullan) e seus sócios que vários outros foram construídos.

Os novos parques apresentados na segunda temporada de Westworld são o Shogun World (parque com temática samurai/japonesa) e o Raj World (temática indiana). Nós aprendemos bem mais sobre o Shogun World porque Maeve e sua trupe ultrapassam a divisória do Westworld e caem na narrativa japonesa.

Por lá eles descobrem que as suas histórias são recicladas, sendo utilizadas em outros personagens. Há hosts equivalentes à Maeve e ao Hector, por exemplo, só que japoneses. Esse momento é um dos mais tristes da trama, pois nos mostra como esses seres são descartáveis aos olhos dos humanos (e subestimados, né?).

O Raj World, por outro lado, é apresentado pela narrativa da filha de William (Ed Harris), Emily (Adison LaPenna). Ela está em uma espécie de missão no parque quando toda a programação dos hosts entra em colapso e acaba sendo perseguida por um tigre. 

Westworld: resumão da segunda temporada
Clique na imagem para ampliar

Existem lugares-chave nessa narrativa de Westworld

Westworld: resumão da segunda temporada

Nessa temporada, existem palavras-chave que representam lugares onde cada personagem está se direcionando.

O Berço (The Cradle) é onde dados dos hosts são armazenados. É como se fosse um ambiente digital que replicasse o ambiente físico. É a partir dos dados existentes no Berço que são criadas as pérolas, unidades que contêm todos os dados e narrativas. Elas são acopladas ao cérebro dos anfitriões. O Berço armazena cópias completas da programação e memórias de cada host, bem como da programação dos ambientes do parque.

A Forja (The Forge) é o local onde estão armazenados todos os dados das pessoas que já passaram pelos parques – e que foram coletados através de seus chapéus. É nessa grande biblioteca, por assim dizer, que as informações são codificadas e armazenadas.

O local foi construído pela Delos como um meio de entender melhor seus clientes. O objetivo secreto do projeto é reunir informações suficientes sobre um grupo selecionado de convidados para poder copiar sua consciência nos anfitriões, tornando-os imortais.

No entanto, sem o conhecimento de James Delos, Bernard reprogramou o local para Dolores adquirir mais conhecimentos sobre os seres humanos, e Ford havia usado seus servidores para carregar o Além do Vale.

O Além do Vale é basicamente um outro espaço onde as personalidades dos hosts podem viver livremente, sem estarem presas às narrativas dos parques. É o “céu” para esses anfitriões. Esse mundo virtual foi criado por Ford e acessado através da Porta (uma rachadura no meio do parque que só os anfitriões conseguem enxergar).

William e sua narrativa particular

Westworld: resumão da segunda temporada
Bem, como eu falei lá em cima, a intenção dos roteiristas e diretores da série é nos enlouquecer. Sendo assim, nada mais justo do que criar uma narrativa que nós ainda não entendemos por completo (mesmo depois de duas temporadas).

Para William, por exemplo, a nova configuração do parque se tornou um jogo muito mais interessante. Ele acredita que Ford tem um objetivo por trás de toda essa rebelião dos androides.

Enquanto acompanhamos sua jornada dentro de Westworld, somos abastecidos com um background de informações sobre James Delos e Logan (Ben Barnes), mostrando qual o real objetivo dos projetos da Delos.

Como já mencionamos, enquanto os visitantes exploravam o parque e faziam coisas terríveis, os chapéus utilizados por eles continham uma espécie de scanner que registrava tudo o que estavam fazendo. Esses registros poderiam ser usados para chantagear pessoas e descobrir como coletar a consciência humana transformando-a em dados, copiando mentes reais e transferindo para corpos fabricados – se tornando imortais.

James Delos morreu de uma doença degenerativa durante os primeiros dias do parque. Essa foi a primeira tentativa de William de fazer essa replicação em um corpo fabricado. Eles recriaram a mente de Delos usando os dados que haviam coletado de seu sistema de monitoramento cerebral e o inseriram em um corpo idêntico ao real.

Embora essas mentes criadas através de dados pudessem viver confortavelmente dentro do Berço, elas basicamente enlouqueciam depois de alguns dias em um corpo hospedeiro. William tentou trazer Delos de volta à vida dessa maneira várias vezes, realizando testes diariamente – testes muito similares aos aplicados no filme Blade Runner – mas não obteve sucesso. Por isso, abandonou a personalidade na Forja durante anos.

Todo o arco de William está ancorado em vários flashbacks. Muitos deles remontam o dia em que sua esposa se suicidou. A cada novo flashback, a cena é mostrada com cores e detalhes diferentes. Um dos acontecimentos mais marcantes da temporada é quando William assassina sua própria filha achando que ela é uma host. Esse William, após assassinar Emily, abre seu braço para saber se ele é um host ou não. A dúvida permanece.

Ao término da série, em cena pós-crédito que se passa em um futuro muito distante, descobrimos que a ideia dos anfitriões híbridos (corpo robô e mente baseada na consciência humana) deu certo, pois um William do futuro está sendo testado por uma host com o rosto da Emily.

Bernard e sua dualidade

Westworld: resumão da segunda temporada

Em resumo: Bernard é um host. Ele foi criado à imagem e semelhança do antigo sócio de Ford: Arnold, que foi morto por Dolores antes da abertura do parque. Bernard tem sido recriado por Ford ao longo dos anos e é utilizado para fazer – inúmeras vezes – o trabalho sujo.

Perto do final da temporada de Westworld, descobrimos que muitos dos danos à mente de Bernard foram feitos por ele mesmo para impedir que os funcionários da Delos pudessem olhar seus dados, descobrindo tudo o que aconteceu durante o fim da primeira temporada e início da segunda (além, óbvio, de tudo que o próprio Bernard fez a mando de Ford). Então, todos os episódios estão sendo apresentados em uma linha cronológica inversa.

Após a morte de Ford, Bernard foge com Charlotte, chegando a um bunker onde ele descobre todo o rolê das pérolas e do roubo de dados dos visitantes. Ele percebe que os dados que a Theresa queria roubar estão dentro do corpo do Peter Abernathy. Então, ele e Charlotte saem em busca desse host.

Eles conseguem encontrar Peter, mas são capturados pelos confederados. Charlotte consegue dar no pé, mas Bernard e Abernathy não têm a mesma sorte. É nesse momento que Bernard e Dolores se reencontram e ela descobre o que os humanos fizeram com seu pai.

A pedido de Dolores, Bernard acessa os dados dentro do cérebro de Abernathy, percebendo todo o plano absurdo que está rolando por trás da existência do parque.

Charlotte consegue rastrear a localização do Abernathy e chega com uma equipe de segurança da Delos para coletar o anfitrião. Bernard acaba reencontrando Elsie (Shannon Woodward), que a gente achava que ele tinha assassinado na temporada anterior. Ela descobre naquele momento que Bernard é um anfitrião e o ajuda.

Depois de toda essa situação, Bernard resolve acessar o Berço, e lá ele encontra uma cópia da personalidade de Ford. Lá dentro ele entende todo o plano da Delos e o conceito do Além do Vale.

Antes de Dolores e sua trupe explodirem os servidores, Ford hackeia uma parte do cérebro de Bernard, tomando conta de suas atitudes e escolhas. Eventualmente, Bernard consegue se livrar do “espírito de porco” Ford, pegando um carrinho e indo rumo ao Além do Vale.

Bernard e Dolores chegam juntos até a Forja. Lá, entendem tudo sobre os dados dos visitantes e que o Além do Vale é um espaço virtual criado como um paraíso. Após isso, eles discutem a respeito do futuro da humanidade e das atrocidades cometidas pelas pessoas, não chegando a um consenso.

Bernard mata Dolores e troca sua pérola pela de Abernathy. Futuramente arrependido – ao ver Charlotte matar Elsie -, Bernard cria um corpo igual ao de Charlotte e coloca dentro dela a pérola de Dolores. É nesse momento que ele estraga seu próprio cérebro e se larga na praia (momento inicial da segunda temporada).

Os caminhos de Maeve e Akecheta em Westworld

Westworld: resumão da segunda temporada

Nessa temporada de Westworld nós acompanhamos bastante a história de Akecheta (Zahn McClarnon), um anfitrião indígena que existe desde a criação do parque e que possui consciência de que é um robô. Ele é o índio que Maeve enxerga em suas memórias com sua filha (antes de ambas serem assassinadas), e essas memórias estabelecem uma conexão entre ambos.

Quando Maeve consegue chegar até sua filha, ela descobre que a criança possui outra mãe e que aquela narrativa – em que ambas são capturadas pelos índios (que na verdade era o William. Que confusão!) – ainda existe. É nesse momento que Maeve e Akecheta se encontram pela primeira vez em anos.

Quando Akecheta leva a criança com ele, Maeve entra em contato com o indígena por meio da rede e ele promete proteger sua filha e a levar até o Além do Vale.

Akecheta conseguiu consciência devido ao seu amor por sua primeira esposa. Quando ele é transferido de narrativa – e a reencontra – ele toma consciência de que existe algo além do parque. Akecheta é também o personagem que encontra Logan perdido no meio do deserto após William o largar amarrado em cima de um cavalo.

Ford percebe o conhecimento de Akecheta e diz que ele deve esperar a chegada de uma mulher que tratará a morte (Dolores). Informa também que o indígena saberá quando é a hora de encontrar o Além do Vale.

Ao fim da série, Akecheta leva a filha de Maeve para o paraíso dos robôs e reencontra sua antiga esposa por lá.

Maeve não tem tanta sorte. Ela e todo o seu grupo são assassinados na frente da porta do Além do Vale pela equipe de segurança da Delos. Todos irão retornar na próxima temporada em um parque com temática Nazista (de acordo com o trailer da terceira temporada).

Dolores e o mundo real

Westworld: resumão da segunda temporada

Depois de morrer e reviver pelas mãos de Bernard, nós acompanhamos Dolores disfarçada de Charlotte durante vários episódios (sem saber que é a Dolores). Ela quer encontrar Peter Abernathy a todo custo.

Após Bernard ser encontrado com lapsos de memória na praia, ela acessa as configurações dele e descobre que os dados de Abernathy estão em seu corpo na Forja. Nesse momento, Dolores mata todo mundo – inclusive Bernard e coloca a consciência de seu mozão Teddy (James Marsden) no Além do Vale.

Depois de acabar com tudo, Dolores resolve fugir do parque e leva consigo 5 pérolas. Sabemos que uma delas é a de Abernathy e a outra é a de Bernard – pois ela reconstrói o corpo de Bernard já no mundo real. As outras ainda são uma incógnita.

Bônus: lista de personagens que morreram em Westworld

No final da segunda temporada, esses personagens acabaram encontrando com a senhora morte: Maeve, Hector e Lee (apesar de sabermos que Thandie Newton, Rodrigo Santoro e Simon Quarterman estão voltando para a terceira temporada), Angela, Costa, Strand, Clementine, Emily, Teddy, Elsie, Armistice e Ford.

O anfitriões que não foram enviados para o Além do Vale podem ser recuperados enquanto suas unidades de controle estiverem intactas, pois as cópias de seus dados foram perdidas quando o Berço foi destruído. Aqueles que já estão no Além do Vale não podem mais ser recuperados, se tornando unidades vazias.

Quer mais informações? Assista ao vídeo divulgado pela HBO com o recap da segunda temporada de Westworld:

Confira também o trailer final da terceira temporada de Westworld:

Curte o nosso trabalho? Nos ajude a mantê-lo.

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Comentários