Astros de Harry Potter que já morreram e talvez você não sabia

    Este ano estreou na Netflix a 6ª – e última – temporada de Peaky Blinders com a ausência de uma das personagens mais marcantes da série: Tia Polly, interpretada por Helen McCrory. Ok, você deve estar se perguntando: “Mas o título diz Harry Potter, não Peaky Blinders“. Correto; por isso explicarei.

    Eu tinha ouvido falar muito bem da série sobre a família Shelby; porém ao assistir ao primeiro episódio anos atrás a série não me prendeu e a deixei na minha lista para uma oportunidade futura. E assim, este ano, pouco antes do lançamento da última temporada, retomei e fui fisgado. Maratonei todas as temporadas uma atrás da outra direto e reto!

    E ao pesquisar mais sobre a atriz britânica para o conteúdo Conheça o elenco da 6ª temporada de Peaky Blinders, descobri que Helen não estava mais entre nós e que em sua filmografia, constava a franquia Harry Potter… e uma coisa levou a outra, chegando a este conteúdo.

    Por isso, essa lista é uma homenagem a personagens que marcaram nossas lembranças e já não estão mais entre nós.

    Richard Harris (Prof. Alvo Dumbledore)

    O ator, diretor teatral, cantor, compositor e escritor irlandês Richard Harris, ficou popular entre o público adolescente por interpretar o Professor Alvo Dumbledore em Harry Potter e a Pedra Filosofal (2001) e em sua continuação, Harry Potter e a Câmara Secreta (2002).

    Antes disso, Harris teve atuações marcantes em filmes como Os Imperdoáveis (1992) e Gladiador (2000).

    Após o falecimento do ator e por Alvo Dumbledore ser um personagem importante na franquia criada por J. K. Rowling, foi preciso que outro ator assumisse o legado de Harris e seu carismático Dumbledore. Então, a varinha do diretor da Escola de Magia Hogwarts foi passada para o ator Michael Gambon.

    Mais tarde o personagem viria a ser novamente interpretado por outro ator, desta vez por Jude Law como um jovem Alvo Dumbledore em Animais Fantásticos e Onde Habitam: Os Crimes de Grindelwald (2018).

    Richard Harris faleceu em 25 de outubro de 2002, aos 72 anos, após internação para tratamento de um câncer linfático.

    Richard Griffiths (Valter Dursley)

    O ator inglês de cinema, televisão e teatro Richard Griffiths ganhou muitos elogios e recebeu muitos prêmios, incluindo um Tony Award, um Laurence Olivier Award, o Drama Desk Award e o Outer Critics Circle Award; porém Griffiths ficou mais conhecido por seu papel como Valter Dursley nos filmes da franquia Harry Potter (2001-2011).

    No início de sua carreira, ele teve papéis coadjuvantes em filmes aclamados pela crítica como Carruagens de Fogo (1981) e Gandhi (1982). Em sua carreira posterior, ele apareceu em A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça (1999), O Guia do Mochileiro das Galáxias (2005) e Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas (2011).

    Richard Griffiths faleceu em 28 de março de 2013, aos 65 anos, depois de ter complicações após uma cirurgia cardíaca.

    Dave Legeno (Fenrir Grayback)

    Lutador profissional, Dave Legeno foi treinado em vários estilos de combate, incluindo boxe, luta livre, judô, Jiu-Jitsu brasileiro e Muay Thai. Seu primeiro grande papel no cinema foi em Snatch: Porcos e Diamantes (2000). Ele teve papéis em Batman Begins (2005) e ouros filmes, mas seu papel mais importante foi o lobisomem Fenrir Greyback em Harry Potter e o Enigma do Príncipe (2009), Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 (2010) e Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 (2011).

    Legeno também era dublador e teve seus movimentos capturados o videogame The Getaway: Black Monday como protagonista, Eddie O’Connor.

    Dave Legeno faleceu em 06 de julho de 2014, aos 50 anos, por problemas de saúde relacionados ao calor. O corpo de Legeno foi encontrado por caminhantes em Death Valley National Park, Califónia; e poderia estar morto por três a quatro dias antes de seu corpo ter sido descoberto. Devido à área remota, um helicóptero foi chamado para recuperar seus restos mortais.

    Alan Rickman (Prof. Snape)

    Possivelmente o maior plot twist da franquia Harry Potter seja com o personagem mais incompreendido de todos: Severus Snape interpretado magistralmente pelo saudoso Alan Rickman.

    Rickman foi um ator e diretor inglês, conhecido por sua voz profunda e lânguida, ele estudou na Royal Academy of Dramatic Art em Londres e tornou-se membro da Royal Shakespeare Company, atuando em produções teatrais modernas e clássicas.

    O primeiro papel no cinema de Alan Rickman veio quando ele foi escalado como o líder terrorista alemão Hans Gruber em Duro de Matar (1988) e Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (2007), atuando em diversas produções entre as citadas, que lhe renderam muitas indicações e premiações, mas sem dúvidas o personagem mais marcante da carreira de Rickman é o seu complexo professor de Poções na Escola de Magia Hogwarts: o Prof. Snape.

    Alan Rickman faleceu em 14 de janeiro de 2016, aos 69 anos, após uma longa batalha contra um câncer de pâncreas. Em agosto de 2015, Rickman teve um pequeno derrame, que levou ao diagnóstico de câncer de pâncreas, porém o ator revelou que tinha câncer terminal apenas para seus confidentes mais próximos, mantendo sua doença longe do público o máximo possível.

    John Hurt (Sr. Olivaras)

    Ator inglês cuja carreira durou mais de cinco décadas, Sir John Vincent Hurt ganhou destaque por seu papel como Richard Rich no filme O Homem Que Não Vendeu Sua Alma (1966) e ao longo de sua carreira ganhou indicações BAFTA Awards, Globo de Ouro e ao Oscar.

    Em sua longa filmografia também conta filmes como Alien: O Oitavo Passageiro (1979), que apresenta a cena em que uma criatura alienígena explode seu peito; nomeada por várias publicações como um dos momentos mais memoráveis ​​da história do cinema.

    Hurt ganhou seu terceiro BAFTA, juntamente com sua segunda indicação ao Oscar e ao Globo de Ouro, como Joseph Merrick na cinebiografia O Homem Elefante (1980). Ao longo da carreira o ator foi indicado sete vezes ao BAFTA e outras premiações internacionais. John Hurt foi considerado um dos melhores atores da Grã-Bretanha e com uma voz distinta, atuou também como dublador em diversas produções, incluindo a animação O Senhor dos Anéis (1978).

    Em 2015, foi nomeado cavaleiro por seus serviços ao drama.

    John Hurt faleceu em 25 de janeiro de 2017, aos 77 anos, devido a um câncer de pâncreas.

    Helen McCrory (Narcissa Malfoy)

    A atriz inglesa Helen McCrory somou 28 anos de carreira e venceu o BAFTA por sua atuação no filme Streetlife (1995). Começou a atuar nos teatros de Londres e, desde o início da carreira, foi premiada por seus papéis nos palcos.

    No cinema, atuou em mais de 30 filmes, incluindo: A Rainha (2006), A Invenção de Hugo Cabret (2011), 007 – Operação Skyfall (2012) e também muitas séries de TV, incluindo Peaky Blinders.

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | A importância de Helen McCrory em Peaky Blinders

    Na franquia de Harry Potter, McCrory viveu a bruxa puro-sangue Narcissa Malfoy, mãe de Draco Malfoy, nos filmes Harry Potter e o Enigma do Príncipe (2009), Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 (2010) e Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 (2011).

    Helen McCrory faleceu em 16 de março de 2021, aos 52 anos, devido a um câncer de mama.


    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Desastre Total: Woodstock 99 | Tudo sobre o documentário da Netflix

    Woodstock de 1969 é sinônimo de Paz e Amor, mas a edição de 99 conseguiu destruir a reputação do maior festival da música.

    CRÍTICA – Gêmeo Maligno (2022, Taneli Mustonen)

    Gêmeo Maligno é um filme de terror que está disponível nos cinemas brasileiros e conta com Teresa Palmer no elenco.

    TBT #189 | Beleza Americana (1999, Sam Mendes)

    Dirigido por Sam Mendes, Beleza Americana é um filme norte-americano de drama, que arrebatou os corações do público. Confira nosso TBT!

    Predador: Como funciona a hierarquia dos yautjas?

    Os yautjas da franquia Predador vivem numa sociedade que valoriza a honra e as habilidades de combate; conheça a hierarquia deles.