CRÍTICA – LEGO Bricktales (2022, Thunderful Games)

    Lançado pontualmente no Dia das Crianças (12/10/2022), LEGO Bricktales é um game produzido pelo ClockStone Studio e distribuído pela Thunderful Games. Interessante é compartilhar que os jogos da LEGO não são, necessariamente, produzidos e distribuídos pelas mesmas empresas.

    E talvez por isto este deve ser um dos jogos mais LEGO de todos os que carregam o nome da marca. A parceria ClockStone e Thunderful possivelmente tenha sido fundamental para reproduzir a experiência, trazendo na bagagem o que aprenderam com Bridge Constructor (2013), um jogo de construção de pontes com uma física muito bem executada.

    Além destes games, a Thunderful também é responsável por títulos como Lost in Random (2021), Hell Pie (2022), Pumpkin Jack (2020) e o tão aguardado Planet of Lana, originalmente esperado para o final deste ano, mas que deve chegar somente em 2023.

    LEGO Bricktales está disponível hoje mesmo para Steam, GOG, Epic Games Store, Xbox One e Series X|S, Playstation 4|5 e Nintendo Switch.

    SINOPSE

    Embarque em uma aventura épica em um mundo de belos biomas de diorama LEGO, criados peça por peça, enquanto busca inspiração para ajudar seu avô a restaurar seu parque de diversões decadente com seu pequeno amigo robô.

    Sua jornada vai levar você para a selva mais profunda, desertos ensolarados, uma esquina movimentada da cidade, um imponente castelo medieval e ilhas tropicais do Caribe. Ajude os pequenos personagens desses mundos resolvendo quebra-cabeças e desbloqueie novas habilidades ao longo da história para explorar ainda mais esse universo e descobrir os incontáveis segredos e mistérios que eles contêm.

    ANÁLISE DE LEGO BRICKTALES

    No início do texto, comentei que este talvez seja o mais LEGO de todos os jogos deste nome. Não digo que os anteriores não tragam o conceito da marca, afinal de contas várias são as animações LEGO que se assemelham muito aos games já lançados.

    O que para mim, em LEGO Bricktales, é diferente, é o sentido purista e palpável que ele dá ao jogo. Recentemente, LEGO Worlds (2015) e LEGO Builder’s Journey (2019) chegaram perto de trazer a experiência de brincar com as peças, mas Bricktales consegue captar ainda mais a essência. Ainda não consegui explicar, né? Segue comigo que eu dou detalhes.

    Conheça LEGO Bricktales, talvez o jogo mais LEGO de todos os que carregam o nome da marca e deixe a sua criança interior se divertir.

    História

    As animações e jogos da marca têm como característica básica o humor bem no pique Sessão da Tarde e frequentes quebras da quarta-parede. Em LEGO Bricktales temos também essa verve dando cor à história. A mesma consiste do personagem principal ajudando o avô, um cientista, a reconstruir um parque de diversões.

    A fim de deixar ainda mais leve e divertido, o jogo usa propositalmente de subterfúgios fantasiosos e absurdos para justificar alguns pontos da trama, o que se torna jocoso justamente por estar escancarado. As interações de Rusty, o robô multidimensional que nos auxilia nesta empreitada, são sempre carregadas de uma peculiaridade marcante e divertida.

    Gráficos

    Os dioramas (representações tridimensionais habitats ou espaços cênicos) em que somos lançados são montados com uma riqueza de detalhes e cores que convida à exploração, ainda que os espaços não sejam tão vastos.

    O jogo, como um todo, é muito bem colorido e traz animações que tornam cada ponto do mapa muito vivo. A história está envelopada em cenários e personagens muito bem desenhados e carismáticos, instigando a conhecer cada canto dos mapas.

    Mecânicas

    Surpreendentemente, as mecânicas são bastante simples e facilitam a interação com o jogo. LEGO Bricktales oferece tanto o modo de exploração quanto o modo de criação. Ambos têm seu brilho, é claro, mas o ápice da experiência é justamente o enfoque no modo de criação e construção.

    Como disse, o principal diferencial aqui é o frequente convite para que brinquemos com as peças de LEGO. O jogo enreda, na progressão da história, puzzles com construções para que possamos atingir novos lugares ou resolver problemas de NPCs. E o que poderia, costumeiramente, ser um ponto chato, é justamente a parte mais relaxante (pelo menos pra mim).

    Montar, desmontar, encaixar, inventar. LEGO Bricktales te permite fazer a construção que quiser. O jogo, para a progressão da história, exige que um tipo de construção seja feita com algumas exigências, mas as possibilidades ainda são várias. E após o cumprimento da tarefa, podemos retomar ao modo sandbox de construção. E aqui, meu bem… o céu é o limite.

    VEREDITO

    Para quem acha que LEGO Bricktales é um jogo para crianças… bem, está certo. Mas é um jogo para crianças de todas as idades. Em suma, este é um jogo para deixar viva a criança interior de cada um de nós. As possibilidades de criação e a exploração leve com um level design bem feito nos permite gastar horas e horas experimentando novas formas de montar pontes, rampas, estantes, construções… o que for.

    Conheça LEGO Bricktales, talvez o jogo mais LEGO de todos os que carregam o nome da marca e deixe a sua criança interior se divertir.

    A história principal leva em torno de 13 horas para ser completada. Para completar todas as missões secundárias com colecionáveis, baús e passagens escondidas, é exigido pelo menos 15 horas. Agora, o tempo que podemos gastar montando, remontando e construindo do jeito que quisermos, é infinito.

    LEGO Bricktales tem um alto potencial de rejogabilidade e, na minha opinião, um dos melhores sistemas de construção já feitos em jogos do estilo. Digo isso não por sua precisão física e arquitetônica, mas por trazer com bastante fidelidade a experiência de criar com LEGOs livremente.

    LEIA TAMBÉM: 22 jogos indie e AAA para ficar de olho ainda em 2022

    Nossa nota

    4,0 / 5,0

    Confira o trailer de LEGO Bricktales:

    Acompanhe as lives do Feededigno na Twitch

    Estamos na Twitch transmitindo gameplays semanais de jogos para os principais consoles e PC. Por lá, você confere conteúdos sobre lançamentos, jogos populares e games clássicos todas as semanas.

    Curte os conteúdos e lives do Feededigno? Então considere ser um sub na nossa Twitch sem pagar nada por isso. Clique aqui e saiba como.

    Artigos relacionados

    5 novos jogos de Nintendo Switch para toda a família explorar

    O Nintendo Switch dá as boas-vindas à primavera com seleção incrível de jogos casuais no portátil da Big N. Confira a lista!

    EU CURTO JOGO VÉIO #7 | ‘Congo’s Caper’ é platformer do SNES cheio de personalidade

    Congo's Caper é um game divertido e cheio de desafios. O game foi lançado em 1993 para o Super Nintendo e ganhou uma versão ocidental.

    CRÍTICA: ‘Raccoo Venture’ é platformer brasileiro divertido, que empolga

    Raccoo Venture é game indie Brasileiro que encanta por sua jogabilidade direto ao ponto e sua dificuldade enorme, acima de tudo.

    Star Wars: Outlaws | Revelado trailer narrativo, confira detalhes

    Star Wars: Outlaws ganhou seu primeiro trailer narrativo. O trailer revelou em qual momento da história o game será ambientado e mais!