CRÍTICA | Estranhos no Paraíso: Admirável Mundo Novo – Vol. 4 (2020, Devir)

    Estranhos no Paraíso é uma história em quadrinhos sobre relacionamento, amor e amizade. Suas três personagens principais vivenciam angústias, alegrias e desencontros num pano de fundo digno das melhores histórias policiais ou de suspense.

    Com essa mistura diferente de tudo o que você já viu, o criador, Terry Moore, escreve e desenha uma história com personagens surpreendentemente reais.

    Neste volume, o FBI está vigiando Katchoo enquanto alguém quer assassiná-la como parte de um plano doentio de vingança. Se ela conseguir passar por mais essa crise, talvez tenha de enfrentar o maior desafio de sua vida: o casamento de Francine!

    São histórias repletas de sentimento que se entrelaçam numa trama sobre amor e amizade apresentando duas das mais incomuns heroínas dos quadrinhos!

    ANÁLISE

    É impressionante como Terry Moore nos apresenta uma evolução a cada novo número de Estranhos no Paraíso. Tanto em narrativa como na arte em si. Seus personagens são carismáticos, de personalidade única e irresistíveis. É impossível não se evolver e torcer por Katchoo, Francine e David, até mesmo os personagens coadjuvantes têm muita relevância.

    Em mais de uma ocasião Moore disse que, a princípio, sua trama destacava Francine e tinha Katchoo como coadjuvante. Não demorou muito, porém, para que ele percebesse que sua personagem anárquica era, na verdade, a linha condutora da história. É notável perceber essa mudança e também a rapidamente superada dificuldade de elencar essa alteração de perspectiva, algo sentido mais fortemente quando temos informações soltas, mas não suficientes.

    Aliás, o roteiro e a arte de Terry Moore novamente adotam a simplicidade como sua maior característica e permanece utilizando detalhes para espaços fortemente humanizados ou para delineação dramática de personalidades.

    VEREDITO DE ESTRANHOS NO PARAÍSO

    Admirável Mundo Novo – Vol. 4 permanece com qualidade nas mãos de Terry Moore. Por sua história, que ainda tem muito a revelar sobre o destino dos personagens na próxima, e principalmente pela sua narrativa que instiga o leitor a acompanhar a diferente saga desse trio inesquecível.

    Nossa nota

    Editora: Devir

    Autor: Terry Moore

    Páginas: 400

    E você, já leu a HQ? Deixe sua opinião e nota!

    Nota do público
    Obrigado pelo seu voto

    Leia também as críticas das edições anteriores de Estranhos no Paraíso:

    CRÍTICA | Um Sonho de Você – Vol. 1;

    CRÍTICA | Ama-me Com Ternura – Vol. 2 e

    CRÍTICA | Santuário – Vol. 3.



    Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

    Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

    Artigos relacionados

    Família Shazam! Conheça a família de heróis da DC

    A Família Shazam! é formada por membros da família adotiva de Billy Batson que compartilham dos poderes e aparência de Shazam!

    Raio Negro: Quem é Blackagar Boltagon, o Rei dos Inumanos?

    O rei dos Inumanos, Raio Negro possui uma voz quase sônica e com o menor sussurro ele pode destruir cidades inteiras.

    Dr. Estranho: 6 HQs para ler antes do Multiverso da Loucura

    Para você identificar algumas referências de Dr. Estranho no Multiverso da Loucura, fizemos um guia com as melhores HQs do Mago Supremo!

    Balder: O filho de Odin e Deus da Luz

    O nobre guerreiro asgardiano, Deus da Luz e filho biológico de Odin e Frigga, Balder Odinson é um dos mais bravos guerreiros de Asgard.