Início QUADRINHOS Crítica CRÍTICA | Estranhos no Paraíso: Ama-me Com Ternura – Vol. 2 (2019,...

CRÍTICA | Estranhos no Paraíso: Ama-me Com Ternura – Vol. 2 (2019, Devir)

38
0
CRÍTICA | Estranhos no Paraíso: Ama-me Com Ternura- Vol. 2 (2019, Devir)

Nos anos 90, diversos quadrinhos independentes ganharam destaque pelas suas histórias sobre personagens íntegros, e que ganharam o coração dos leitores pela sua simplicidade. E é por isso, que este arco de Estranhos no Paraíso, do quadrinista Terry Moore, é um dos favoritos de muitos quando o assunto é genuinidade.

O realismo de Estranhos no Paraíso desde o seu primeiro volume nos apresenta personagens vivendo as mais diversas situações cotidianas, colocando para fora as suas emoções e sendo apresentados em linhas de roteiro, neste volume 2, Terry Moore segue brilhantemente com o seu arco.

Este é o segundo volume de uma coleção de seis obras que foram relançadas no Brasil pela Editora Devir.

A saga de Katchoo, Francine e David continua e o relacionamento entre eles fica cada vez mais complicado. Os temas sobrepostos são arrependimento, lealdade e traição. Dez anos depois dos eventos mostrados no volume anterior, o trio se separa, Francine torna-se uma dona de casa entediada e infeliz num péssimo casamento, Katchoo é uma artista que mora longe, e David não dá as caras.

Flashbacks revelam o que pode ter acontecido para desgastar lentamente essa amizade e a incapacidade de Francine para decidir o que quer da vida e de Katchoo. O passado misterioso de David o aproxima ainda mais ao de Katchoo, que, por sua vez, ainda terá de acertar contas com a máfia.

LEIA TAMBÉM: CRÍTICA | Estranhos no Paraíso: Um Sonho de Você – Vol. 1 (2019, Devir)

ANÁLISE

A narrativa de Terry Moore, tanto gráfica quanto textual é muito dinâmica, sem deixar de ser poética. Splash pages e quadrinhos repletos de melancolia e reflexão coexistem com cenas bem violentas e de ação, sustentando magistralmente o interesse do leitor até a última página.

Sempre versátil, ele não tem dificuldade para provocar risos sinceros em seus leitores. Com traço expressivo, figuras enigmáticas ou familiares tomam forma e envolvem o público numa atmosfera contagiante. Moore é um autor de qualidades evidentes, que transita por gêneros e universos imaginários com destreza. Acompanhá-lo é um deleite.

Este volume também traz 5 páginas ilustradas pelo quadrinista Jim Lee no melhor estilo Image de super-heróis.

PRÊMIOS

Estranhos no Paraíso é uma série multipremiada. Recebeu o Eisner Awards, o Oscar dos Quadrinhos, em 1996 como a melhor história serializada por Um Sonho de Você e também recebeu o National Cartoonists Society Reuben Award por Melhor Quadrinho em 1997.

VEREDITO

Em qualquer das fases, Terry Moore mantém elementos recorrentes. Os bons e rápidos diálogos, às vezes, abrem espaço para a poesia e a prosa, e apesar das mudanças, a premissa não decepciona. Todos os elementos aqui permanecem funcionando tanto nos personagens, quanto em sua narrativa. É sempre possível apreciar mais uma vez maior obra de Moore.

Nossa nota

Editora: Devir

Autor: Terry Moore

Páginas: 354

E você, já leu a HQ? Deixe sua opinião e nota!

Nota do público
Obrigado pelo seu voto

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.