Início QUADRINHOS Artigo Kang, o Conquistador: Conheça as 10 variantes mais poderosas

Kang, o Conquistador: Conheça as 10 variantes mais poderosas

Kang

O Universo Marvel é repleto de vilões icônicos, pelo menos nos quadrinhos. E Kang, o Conquistador é um dos vilões mais poderosos desse universo em constante expansão, seja por sua habilidade de saltar no tempo, ou por seu número quase infinito de encarnações.

Seja no passado, presente ou futuro. Algumas dessas encarnações sofreram tantas mudanças ao longo do tempo, dadas as suas inúmeras adaptações, tornando-o diferente de qualquer outro vilão que exista ou venha a existir.

A primeira aparição do personagem se deu quando a Marvel Comics ainda era conhecida como Timely Comics e sua linhagem foi apresentada de diversas formas. Kang fez uso de disfarces que pareciam diferentes versões do Visão e do Homem de Ferro, tendo estrelado em equipes como os Vingadores e até mesmo no Quarteto Fantástico.

O personagem costuma ser um dos inimigos mais recorrentes da Marvel nos quadrinhos. E essa deve ter sido a razão do personagem ser colocado como uma das maiores, se não a maior ameaça do Universo Cinematográfico Marvel no futuro, sendo apresentado em Loki.

Confira abaixo as 10 variantes mais poderosas de Kang, o Conquistador

10. Rapaz de Ferro

O Rapaz de Ferro é tanto um personagem poderoso, como um personagem importante para o Universo Marvel. Pois sem ele, os Jovens Vingadores nunca teriam existido. Ele é uma das variantes mais jovens Kang, já conhecidas.

A aparição do personagem na linha temporal conhecida como Universo 616 acontece quando Kang tira o jovem Nate Richards da linha temporal e o mostra o conflito que se desenrolará por causa dele. Ele viajava no tempo para impedir que se transformasse no que ele conhecia como Kang, até a era dos heróis e forma os Jovens Vingadores.

Após matar a sua versão do futuro, Nate percebe o dano irreparável que ele causou a linha temporal. E após um longo conflito consigo mesmo, ele aceita que a única forma de consertar o erro é assumindo seu posto como o ditador que conhecemos.

9. Conselho de Kangs

No início de suas aparições, Kang costumava ser apenas um ser, e sua existência se limitava a apenas um ponto no espaço-tempo. E tudo isso se deu apenas antes das Guerras Secretas. Entretanto, o arco serviu para estabelecer as múltiplas identidades e pavimentar a reputação do déspota temporal como o senhor do tempo.

Ao optar por lutar do lado dos vilões durante as Guerras Secretas, Kang acabaria por eliminar todas as versões de si próprio. Essas diferentes e divergentes versões do personagem eventualmente se uniriam para criar o que passou a ser conhecido como “Conselho dos Kangs”. O grupo passou a existir apenas para derrotar e destruir os Vingadores das mais diversas formas por todo tempo e espaço por toda a eternidade.

8. Kang, o Conglomerador

No arco Aranha-Geddon, a sequência do arco do Aranhaverso, conhecemos uma variante de Kang conhecida como Kang, o Conglomerador. Um homem de negócio do ano 2099 que quer levar o Aranha-Punk para o futuro para controlar o personagem a fim de obter lucro, dada sua popularidade na época.

Os poderes do Conglomerador não se limitavam apenas a manipulação temporal, mas também era um ser dotado de enorme inteligência – mas foi destruído pela força bruta do Hulk do Universo 138. E ao meu ver, é uma das versões mais poderosa do personagem, pois ele viajava no tempo coletando heróis para que tomasse controle de suas vidas e pudesse lucrar a partir disso.

7. Rama-Tut

Kang

Apesar de muitos acreditarem que Nathaniel Richards era um descendente direto de Reed Richards, Nate descobriu na realidade que poderia ser também um descendente direto do Monarca da Latvéria conhecido como Doutor Destino. Após estudar por um longo período o trabalho de Destino, Richards foi capaz de criar uma máquina do tempo no formato de uma esfinge e viajou para o Egito antigo. Lá, o personagem assumiu a identidade do faraó Rama-Tut.

Na época, os caminhos de Rama-Tut e de um jovem En Sabah Nur se cruzaram. Ao conquistar todo o Egito antigo, Rama-Tut decidiu ir atrás de En Sabah Nur e torná-lo seu herdeiro, sabendo o que futuro reservava para o Primeiro Mutante que viria a ser conhecido como Apocalipse.

Após governar o Egito por um longo período sem oposição, o Quarteto Fantástico viajou no tempo para levar de volta Rama-Tut para sua linha temporal; e mais tarde os Vingadores fizeram o mesmo, apenas para viajar ao futuro e encontrar o planeta que ele conquistou dividido por uma guerra de imensa proporção.

6. Immortus

Immortus é uma versão futura e muito mais velha de Kang. Essa versão se cansou de travar guerras pelas linhas temporais e quando foi contatado por seres celestiais do fim dos tempos, ele se tornou seu emissário. Ao reparar linhas temporais ao invés de destruí-las, ele ganharia imortalidade.

Immortus passou também a garantir que suas versões passadas seguissem seu curso no destino, a fim de garantir que no fim de tudo, ele se tornaria Immortus e não apenas qualquer outra contraparte sua que teria conquistado o tempo.

As habilidades de Immortus e sua inteligência são muito maiores que as de Kang. Os Guardiões do Tempo ensinaram-no muito mais sobre o tempo e sobre poder cósmico, dando a essa versão futura de Kang poder e habilidade muito maiores que sua grande maioria de variantes.

5. Kang Primordial

Kang

O Kang Primordial teve sua estreia em 1964 nas páginas dos quadrinhos Avengers #8. Desde então, ele estrelou no panteão de maiores inimigos das equipes da Marvel, apesar de nem sempre posar como uma grande ameaça aos Vingadores, como Thanos sempre foi. A forma mais fácil de entender Kang, é entender sua conexão com seu passado – ou o presente do Universo Marvel.

Nathaniel Richards é um estudioso do Século 31, descendente de Reed Richards e se torna o primeiro a descobrir a tecnologia de viagem no tempo criada por Doutor Destino. A primeira viagem que o personagem faz é para o Egito, onde o Quarteto Fantástico já o havia encontrado. Mas essa viagem seria apenas a primeira de Kang por todas as linhas do tempo.

Essa versão de Kang não apenas mostra o personagem no seu pico de intelecto, mas também mostra como sua tecnologia é superior. O personagem também utiliza uma armadura de combate do Século 31 que aumenta imensamente sua forma e sua estamina.

4. Senhor Gryphon

Uma das personalidades separadas de Kang ficou presa no Século 21. Sua primeira ação, foi abrir um portal para permitir que a armada Chitauri entrasse na Terra, mas seus planos foram impedidos pelos Vingadores – isso parece muito a trama de um filme de 2012.

Gryphon, sem o conhecimento dos Vingadores, controlava secretamente o Visão e o usava para manipular a equipe. Usando o sintozóide por vezes para semear a discórdia, Gryphon contratou diversos vilões antes de atacar com toda sua força a equipe. Essa versão de Kang usou uma versão do vilão Equinox retirada de uma das linhas temporais.

Suas habilidades se comparam a de sua versão primordial.

3. Kamala Kang

Kang

Kamala Kang é uma versão híbrida de Kang e da Ms. Marvel. A personagem surgiu quando um traje espacial com problemas, fez com que seu gene inumano fosse ativado. Entretanto, ao invés de ser capaz de esticar seu corpo com a Ms. Marvel do universo 616, essa Kamala é capaz de se manipular através do tempo e espaço.

Kamala Kang ficou presa em uma anomalia temporal, na qual ela acidentalmente mudou o passado, alterando assim seu futuro. Assim, ela acidentalmente matou uma versão de seu próprio pai.

A personagem foi fruto do arco Guerras Infinitas, onde Gamora manipulou a realidade e fundiu diversos personagens.

Não apenas ela ganhou o intelecto de Kang, mas também manteve suas habilidades de polimorfia.

2. Centurião Escarlate

Kang

Após sua derrota pelo Quarteto Fantástico, Kang se tornou aliado do Doutor Destino. Ele por fim criou uma armadura parecida com a de Destino e assumiu a alcunha de Centurião Escarlate. Esse personagem contou com diversas encarnações ao longo do espaço-tempo.

Uma dessas versões por fim conquistaria uma realidade alternativa habitada pelo Esquadrão Supremo. Esse nome também foi adotado por Marcus Kang, o filho do Kang original. O personagem auxiliou seu pai em conflitos contra os Vingadores em diversas ocasiões.

1. Destino, o Aniquilador Conquistador

Quando uma outra variante chamada de Kid Immortus sucumbiu à loucura e suas tendências malignas, ele se fundiu à diversos vilões da Marvel com o auxílio de uma jovem Ravonna. Alguns deles representam as maiores ameaças tanto aos Vingadores, quanto ao Quarteto Fantástico. Se fundindo ao Doutor Destino e ao Aniquilador, ele se tornou Destino o Aniquilador Conquistador.

O poder dessa variante é tão imenso, que ele possuía tanto os poderes de Kang, quanto do Doutor Destino, e do Aniquilador.

Apesar de representarem uma enorme ameaça, diversas versões de diferentes linhas do tempo do Quarteto Fantástico se uniram a fim de derrotá-lo, dissolver a amálgama de vilões e devolvê-los às suas respectivas linhas temporais.

Mas conta pra gente. Onde você espera encontrar Kang, o Conquistador novamente no Universo Cinematográfico Marvel? E qual variante dele você mais gostou?

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anterior6 animes de esportes para se preparar para as Olimpíadas em Tóquio
Próximo artigoOs Ausentes: Conheça a nova série brasileira da HBO Max
27 anos, apaixonado por cinema, quadrinhos e games!