Início SÉRIE Crítica CRÍTICA – For Life (1ª temporada, 2020, ABC)

CRÍTICA – For Life (1ª temporada, 2020, ABC)

CRÍTICA - For Life (1ª temporada, 2020, ABC)

A série de drama jurídico, For Life, criada por Hank Steinberg que estreou na ABC em 11 de fevereiro de 2020. A série é baseada na história real de Isaac Wright Jr., que foi preso por um crime que não cometeu. Enquanto estava preso, ele se tornou advogado e ajudou a reverter as condenações errôneas de vinte de seus companheiros de prisão, antes de finalmente provar sua própria inocência.

Em junho de 2020, a série foi renovada para uma segunda temporada, que estreou em novembro. Em maio de 2021, a série foi cancelada após duas temporadas, mas agora em agosto, chegou ao catálogo da Netflix.

A primeira temporada é estrelada por Nicholas Pinnock, Indira Varma (Game of Thrones), Joy Bryant, Tyla Harris, Brandon J. Dirden, Dorian Missick (Luke Cage) e pelo rapper Curtis “50 Cent” Jackson.

SINOPSE

A jornada inspiradora de Aaron Wallace (Nicholas Pinnock), um ex-presidiário que se tornou advogado. Enquanto procura expor as falhas nos sistemas penal e legal americanos, ele se esforça para recuperar sua vida anterior a prisão.

ANÁLISE

Com 13 episódios de 43min a série inspirada na vida de Wright apresenta a história de Aaron, acusado injustamente de tráfico de drogas e condenado à prisão perpétua. Mas, contando com a ajuda da família, da diretora da prisão Safiya Masry (Indira Varma) e do defensor público Henry Roswell (Timothy Busfield) o detento lutará pela sua liberdade e absolvição.

Isaac Wright Jr. e Curtis “50 Cent” Jackson.

Curiosidade: Como advogado formado, Isaac Wright Jr. foi contatado pelo proprietário de um clube de luta ilegal no Bronx, que procurava legitimar o negócio. O dono era amigo de 50 Cent e queria que ele cantasse lá durante os intervalos das lutas, mas o rapper recusou até que o clube fosse licenciado; e foi o que Wright conseguiu.

Esse encontro casual que levou 50 Cent a se interessar pela história de Isaac Wright Jr. e, imediatamente, comprar os direitos da série For Life, atuando diretamente como produtor.

VEREDITO

Muito provavelmente os fãs de Como Defender Um Assassino (How to Get Away With Murder) irão se interessar por se tratar de um drama jurídico, mas para quem busca uma série curta, com episódios cheios de dramaticidade, boas atuações e ritmo bem cadenciado, fique tranquilo pois estará muito bem servido.

Apesar de contar com poucos nomes conhecidos, For Life tem excelentes atuações, um roteiro bem amarradinho, trilha sonora que caminha perfeitamente com os momentos dramáticos – que não são poucos – e ótimos personagens.

Seja no tribunal, na prisão ou no lar dos parentes de Wallace a conexão com esses personagens é quase instantânea, tornando uma tarefa difícil definir qual é o ponto alto da série.

Nossa nota

5,0 / 5,0

Assista ao trailer original:

For Life está disponível também na Paramount+, o que causou surpresa já que acabou de chegar no catálogo da Netflix. Vamos torcer para que a série conquiste os assinantes da gigante do streaming, possibilitando assim – talvez – uma terceira temporada.

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorCRÍTICA – The Witcher: Lenda do Lobo (2021, Kwang-Il Han)
Próximo artigoTBT #138 | O Homem Duplicado (2013, Denis Villeneuve)
Um carioca apaixonado por livros, cinema, games e que ama falar de nerdice.