CRÍTICA – Pacificador (1ª temporada, 2022, HBO Max)

    Pacificador é uma série original da HBO Max e traz a parceria John Cena (Pacificador) e James Gunn (O Esquadrão Suicida) novamente trabalhando juntos.

    SINOPSE DE PACIFICADOR

    Chirs Smith (John Cena) é o Pacificador, um bandido recrutado por Amanda Waller para sabotar a Força Tarefa X na missão Estrela do Mar.

    Após os fatos ocorridos em O Esquadrão Suicida, Chris agora ganha uma nova missão: deter uma raça alienígena que toma os corpos dos humanos.

    ANÁLISE

    A nova série da DC Comics causou estranhamento em seu anúncio, uma vez que o protagonista escolhido não era o melhor personagem de O Esquadrão Suicida, tampouco era conhecido pelo grande público.

    Todavia, já na abertura do primeiro episódio, James Gunn chutou portas, mostrando que sua mente insana possui um brilhantismo único.

    A construção de personagens complexos, misturada com uma galhofice sem tamanho, mas com metáforas e um subtexto magnífico fizeram de Pacificador a melhor série de super-heróis da atualidade. Cada episódio tinha elementos únicos, baseados em um amplo conhecimento de Gunn sobre o universo da DC, além de saber muito sobre música, cultura pop e outras coisas mais.

    De fato, entrando nas camadas mais fundas de Pacificador, temos mensagens bastante claras: a primeira e mais visível é a de que relacionamentos familiares deixam feridas profundas em nossa alma. Chris e Adebayo (Danielle Brooks) são reflexos das péssimas personalidades de seus pais.

    Além disso, o nerdola, o nerd que não entende o que é ser nerd de verdade, é o principal alvo do sarcasmo do seriado. A todo o momento, os craas que acham que tudo é mimimi hoje em dia são massacrados pelo ótimo texto de Pacificador, que mostra que o americano médio é um idiota que pode ter uma redenção, mas que ele tem que estar aberto a mudanças, assim como nosso protagonista desmiolado e que possui um bom coração.

    Por fim, mas não menos importante, temos que falar das atuações espetaculares de todo o elenco. Freddie Stroma (Adrian Chase/Vigilante), Danielle Brooks (Adebayo), Chukwudi Iwuji (Murn), Robert Patrick (Auggie/Dragão Branco) e, principalmente, John Cena (Chris/Pacificador), que deu um show de carisma e qualidade em suas cenas. Eles entregaram tudo que a série pediu, com momentos de reflexão, comédia e nas cenas de ação também.

    VEREDITO

    Pacificador me surpreendeu da forma mais positiva possível. A série foi uma aposta certeira da DC e HBO Max, mostrando que é possível fazer qualquer projeto com boas mentes por trás disso. James Gunn deu uma aula de como devemos saborear cada minuto de um produto tão bem construído, se redimindo de seu passado nada honroso.

    Gunn e Chris tem muitas coisas em comum, e isso foi um trunfo de Pacificador. QUE VENHA A SEGUNDA TEMPORADA!

    Nossa nota

    5,0/5,0

    Confira o trailer de Pacificador:

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    Avatar: O Último Mestre do Ar | 17 curiosidades sobre a série sensação do momento na Netflix

    Após alguns dias após sua estreia, Avatar: O Último Mestre do Ar está na lista das Top 10 produções mais assistidas da Netflix em 92 países.

    Outer Banks: Tudo para saber sobre a 4ª temporada

    Os Pogues estão retornando para mais ação e aventura com uma quarta temporada de Outer Banks em 2024. Saiba tudo sobre o novo ano da série!

    Sr. e Sra. Smith: tudo que se sabe sobre a série que estreou em fevereiro no Prime Video

    Sr. e Sra. Smith é baseada no filme de mesmo nome, estrelado por Angelina Jolie e Brad Pitt. Saiba tudo sobre a nova produção!

    CRÍTICA: ‘Flores no Deserto’ é sobre superação e muitos outros temas 

    Flores no Deserto é um K-drama produzido pela AStory e está disponível no catálogo do serviço de streaming da Netflix. Veja o que achamos!