Início SÉRIE Crítica CRÍTICA – The Boys (2ª temporada, 2020, Amazon Prime Video)

CRÍTICA – The Boys (2ª temporada, 2020, Amazon Prime Video)

155
0

The Boys entra no seu segundo ano no serviço de streaming da Amazon Prime Video no dia 04 de Setembro com seus episódios inéditos.

SINOPSE

The Boys Depois do embate entre Capitão Pátria (Anthony Starr) e Billy Carniceiro (Karl Urban), Os Rapazes tem a missão de tentar derrubar de uma vez por todas a Vought, pois suas cabeças estão a premio enquanto uma nova e poderosa heroína substitui Profundo (Chace Crawford) nos Sete.

ANÁLISE

O segundo ano de The Boys apresenta ainda mais elementos e referências das HQs criadas por Garth Ennis.

A aposta em diversos easter eggs e personagens que são emulados de forma muito fiel para as telas é algo que com certeza vai agradar os fãs mais fiéis, por exemplo.

Tecnicamente, o programa continua impecável, utilizando efeitos especiais em momentos certos e nos trajes inventivos de seus personagens.

As atuações continuam muito boas, uma vez que os atores e atrizes do elenco estão cada vez mais à vontade em seus papéis. O destaque continua sendo Anthony Starr com seu Capitão Pátria cada vez mais ameaçador e sádico.

Karl Urban (Billy Carniceiro), Laz Alonso (Leite Materno), Tomen Kapor (Francês) e, principalmente, Aya Cash com sua incrível Stormfront são os destaques da temporada, pois possuem um carisma incrível e um texto que os ajuda em suas atuações.

Stormfront é poderosa muito além de suas habilidade sobre-humanas, pois além de soltar raios das mãos, consegue ter como arma ter o público em sua mão, ameaçando até mesmo o Capitão Pátria com sua influência por conta de seu discurso de ódio.

Aya Cash dá um show e com certeza vai deixar muitas pessoas com raiva de sua antagonista.

PONTOS NEGATIVOS DE THE BOYS NO ANO DOIS

The Boys

A segunda temporada continua muito boa, todavia, sua irregularidade atrapalha bastante o desenvolvimento de algumas subtramas e desfavorece certos personagens que apresentavam um desenvolvimento interessante no primeiro ano.

Além disso, se o grafismo da violência era um dos pontos fortes por ser um recurso que chocava o espectador na primeira temporada, na segunda é usado em demasia, perdendo seu principal propósito.

Claro que os fãs de The Boys gostam desse gore que é uma das características mais marcantes dos quadrinhos, por exemplo. Contudo, nem nas HQs é utilizado o tempo todo, nos dando uma recompensa quando é usado. A utilização em demasia acaba cansando em alguns momentos, pois tira a surpresa do espectador.

VEREDITO

the boys

The Boys continua muito boa e apresenta cada vez mais motivos para ser uma das melhores adaptações de quadrinhos de todos os tempos, pois é uma carta de amor aos fãs.

Entretanto, a irregularidade da trama da segunda temporada atrapalha bons personagens, servindo mais como uma transição para uma terceira temporada eletrizante.

Nossa nota

4,0/5,0

Confira o trailer de The Boys:

A segunda temporada chega ao Amazon Prime Video no dia 04 de Setembro. Lembre-se de após assistir, pois queremos que você volte aqui para deixar seus comentários e sua avaliação.

Nota do público
Obrigado pelo seu voto

Assista também a crítica da primeira temporada:

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.