Início SÉRIE Notícia Daybreak é cancelada pela Netflix em sua primeira temporada

Daybreak é cancelada pela Netflix em sua primeira temporada

228
0
Daybreak é cancelada pela Netflix em sua primeira temporada

A Netflix cancelou mais uma série. De acordo com a Variety, a gigante do streaming cancelou Daybreak após uma temporada. O co-criador da série, Aron Eli Coleite, deu a notícia aos fãs na noite de segunda-feira em um post no Twitter, observando que eles descobriram que a comédia pós-apocalíptica não voltaria para uma próxima temporada e agradeceu aos fãs por todo o seu apoio durante o curto período da série.

“Daybreakers,
Nós descobrimos na semana passada que Daybreak não retornará para uma segunda temporada. Lamentamos que não pudemos compartilhar isso com vocês antes, mas estamos gratos por termos tido estas últimas sessões de live tweet com vocês. Obrigado por terem assistido a o que nós disponibilizamos, por terem curtido de sua própria, estranha, incrível e monstruosa maneira, e por serem uma parte tão importante desta série e da experiência de fazê-la. Aqui em Daybreak nós não dizemos ‘eu te amo’. Nós dizemos ‘você é um m*rda’. Nós dizemos ‘vamos ser monstros’. Então sejam m*rdas, sejam monstros, façam um inferno. Mais importantemente, continuem sendo vocês. Ninguém está de coração mais partido do que nós por não podermos continuar essa jornada com vocês. Mas somos gratos por termos chegado tão longe. Obrigado por virem com a gente, por suas vozes, seu entusiasmo, seus memes, suas piadas de pum, e sua loucura. Nos vemos por aí.”

Daybreak foi adaptado do romance cômico sombrio de Brian Ralph, com o mesmo nome, e seguiu um grupo de estudantes do ensino médio enquanto tentavam sobreviver em Glendale, na Califórnia, pós-apocalíptico. A série ofereceu uma visão “divertida” do fim do mundo pelos olhos de Josh Wheeler (Colin Ford), que viu o evento como a melhor coisa que já aconteceu com ele. Seu grupo então passa a ser formado por Wesley (Austin Crute), valentão de ensino médio que torna-se um samurai pacifista, e Angelica (Alyvia Alyn Lind), uma garota de 12 anos piromaníaca. 

Em entrevista recente, Aron Eli Coleite contou sobre a motivação por trás da visão única de Daybreak:

“A maior inspiração foi realmente, quando eu me encontrei com Brad Peyton, que havia escrito uma versão do roteiro. E essa versão do roteiro era mais próxima de Zumbilândia apenas em termos de um foco real no apocalipse zumbi. E o que eu vi que era realmente único, onde temos um personagem no centro, que é Josh, que olhou para o apocalipse como a melhor coisa que já aconteceu com ele e foi realmente positivo sobre tudo o que estava acontecendo e o que eu digitei para esse personagem, foi algo que eu sentia que realmente não tinha visto antes. Aquele alguém que olhou para o fim do mundo e disse: ‘Isso é incrível. Finalmente posso ter todas as coisas que eu quero. Eu posso fazer o que eu quiser. Eu posso me reinventar’.

Porque quando eu estava no ensino médio, eu certamente me senti da mesma forma, sendo o melhor e o pior momento da sua vida, e tudo o que você quer fazer é ter a capacidade de se redefinir. E assim foi possível jogar fora dessa fantasia, a fantasia de realmente se o mundo terminasse e você pudesse fazer qualquer coisa, o que você faria? E quando começamos a falar sobre isso a partir dessa perspectiva e meio que construindo-o mais em um tipo de mundo louco – construindo com zumbis e Ghoulies, a série realmente começou a se apresentar.”

Todos os dez episódios de Daybreak estão disponíveis na Netflix.