Início SÉRIE Artigo PRIMEIRAS IMPRESSÕES – The Witcher (2ª temporada, 2021, Netflix)

PRIMEIRAS IMPRESSÕES – The Witcher (2ª temporada, 2021, Netflix)

2ª Temporada

Em uma incrível noite, o primeiro episódio da 2ª temporada de The Witcher foi exibido ao público de todo o mundo em um evento fechado da Netflix. Nós, do Feededigno fomos convidados e trazemos aqui tudo sobre o primeiro episódio da segunda temporada, mas sem spoilers. Intitulado A Grain of Truth, o primeiro episódio tem início exatamente após do fim da primeira temporada, enquanto vemos a relação de Geralt e Ciri se desenvolver.

A 2ª temporada de The Witcher estreia no dia 17 de Dezembro de 2021 na Netflix.

SINOPSE

Enquanto os reis do Continente, elfos, humanos e demônios lutam pela supremacia fora das muralhas, ele precisa proteger a garota de algo muito mais perigoso: o misterioso poder dentro dela.

ANÁLISE

2ª Temporada

O título do primeiro episódio da segunda temporada, é o mesmo do terceiro conto de O Último Desejo, o primeiro livro da franquia que conta a história do bruxo Geralt, escrito por Andrzej Sapkowski. Ao nos apresentar os primeiros dias da vindoura relação entre Geralt e Cirilla, o Lobo Branco reitera os acontecimentos da animação The Witcher: Lenda do Lobo, da Netflix, enquanto expande ainda mais o mundo que passamos a conhecer na primeira temporada da série.

Alguns dos melhores momentos do primeiro episódio se dão não apenas pela história e por tudo criado por Lauren S. Hissrich em sua adaptação para a Netflix, mas por sua forma de fazer Henry Cavill, Anya Chalotra e Freya Allan brilharem em cena. Outro elemento que melhorou consideravelmente em relação à primeira temporada, foi o ritmo do primeiro episódio, que muito diferente de se arrastar, ele nos lança com brilhantes movimentos de câmera em meio à castelos desertos, ou até mesmo conflitos com criaturas inimagináveis para meros mortais.

O aspecto mais brilhante das histórias de Andrzej Sapkowski é sua habilidade de lançar seus personagens humanos/mutantes/bruxos e várias outras raças em meio à enormes conflitos fantásticos. E o que pode ser visto na série, é a brilhante adaptação do que é visto nos contos que serviram como material-fonte para a série da Netflix.

Enquanto mergulhamos na história, vemos que mesmo no início da segunda temporada, o Geralt de Rívia de Henry Cavill parece estar muito mais a vontade em sua própria pele do que na primeira temporada da série – ao se aprofundar e mostrar o abismo que separa o monstro que caça monstros das outras criaturas que ameaçam o Continente.

VEREDITO

2ª Temporada

Diferentemente da primeira temporada que desenvolveu ligeiramente as criaturas mostradas na série – pelo menos as sencientes -, o que pudemos testemunhar da segunda temporada nos faz sentir muito mais imersos nos problemas e nos conflitos internos dos personagens que habitam o Continente. O trabalho de direção do primeiro episódio, assim como a adaptação do conto que nos apresenta Nivellen é tão brutal quanto a história original.

Cenas de ação de tirar o fôlego dão a sensação de perigo iminente e a impressão de uma maior ameaça permeia todo o primeiro episódio, que coloca em xeque os personagens de todos os núcleos da trama.

Nossa nota

5,0 / 5,0

Confira o trailer da série:

Inscreva-se no YouTube do Feededigno

Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

Artigo anteriorCRÍTICA – Titãs (3ª temporada, 2021, Netflix)
Próximo artigoThe Witcher: Entrevista com Henry Cavill
27 anos, apaixonado por cinema, quadrinhos e games!