Início FILMES Crítica CRÍTICA – Estou Pensando em Acabar com Tudo (2020, Charlie Kaufman)

CRÍTICA – Estou Pensando em Acabar com Tudo (2020, Charlie Kaufman)

548
0
CRÍTICA – Estou Pensando em Acabar com Tudo (2020, Charlie Kaufman)

No dia 4 de Setembro estreará na Netflix o longa Estou Pensando em Acabar com Tudo, nova produção do diretor e roteirista Charlie Kaufman. O filme é baseado no livro homônimo escrito por Iain Reid e traz em seu elenco os atores Jessie Buckley, Toni Collette, Jesse Plemons e David Thewlis.

SINOPSE

Uma jovem mulher (Jessie Buckley) embarca em uma viagem para conhecer os pais de seu namorado Jake (Jesse Plemons). Ao longo dessa jornada, ela passa a questionar seus desejos e motivações, tendo o pensamento constante de acabar com tudo entre os dois.

ANÁLISE

Estou Pensando em Acabar com Tudo é um filme desafiador em todos os sentidos, pois o desenrolar da trama e dos acontecimentos mais trazem dúvidas do que resoluções.

Com uma condução lenta e, por vezes, um tanto cansativa, o longa não é uma produção simples de ser consumida, portanto mantenha isso em mente antes mesmo de dar o play.

O livro homônimo escrito por Iain Reid e lançado em 2017 é conhecido por sua narrativa exaustiva e tensão constante, mantendo o thriller psicológico vivo a cada novo capítulo. Adaptá-lo para a tela seria um desafio para qualquer cineasta e talvez por isso não exista um nome melhor para essa adaptação do que Charlie Kaufman.

CRÍTICA – Estou Pensando em Acabar com Tudo (2020, Charlie Kaufman)

Conhecido por longas extremamente aclamados pela crítica (Anomalisa, Quero ser John Malkovich), Kaufman provavelmente fará a felicidade de muitos fãs da obra original – mesmo tendo a liberdade criativa de adaptar a trama sob sua ótica particular.

Estou Pensando em Acabar com Tudo possui uma estranheza peculiar que faz o espectador querer entender o seu desfecho, mesmo que o desenrolar seja um pouco complicado.

A grande estranheza causada pela produção está ligada à forma como ela é montada. Com longas cenas – que aparentam, por vezes, quase não terem cortes – o espectador é mantido por muito tempo em um mesmo cenário, contemplando longos diálogos expositivos que, à primeira vista, podem não fazer muito sentido.

A atuação de Jessie Buckley e Toni Collette são os grandes destaques do longa. Toni é sempre uma aparição, brilhando e roubando a cena em todos os projetos que se propõe a fazer. Jessie pode não ser tão conhecida do grande público, porém já mostrou toda a sua versatilidade em projetos como Fargo, Chernobyl e Taboo.

CRÍTICA – Estou Pensando em Acabar com Tudo (2020, Charlie Kaufman)

A cinematografia de Łukasz Żal, responsável por longas como Guerra Fria e Ida, é outro fator importantíssimo para a boa execução de Estou Pensando em Acabar com Tudo, dando o tom intimista e perturbador de diversas cenas.

Os diálogos excêntricos de Kaufman obrigam os atores a se entregarem completamente às cenas, o que escancara a diferença de atuação entre Jessie e Jesse Plemon. Mesmo assim, a boa condução das cenas feita pelo diretor mantém o espectador entretido (mesmo nos momentos mais peculiares).

VEREDITO

Estou Pensando em Acabar com Tudo é um filme estranho, mas interessante. Uma experiência diferente da maioria dos filmes que você irá assistir em 2020.

A leitura do livro – ou uma pesquisa após assistir ao longa – fará toda a diferença para o total entendimento da trama, que possui um desfecho inusitado e extremamente peculiar.

Em suma, Estou Pensando em Acabar com Tudo é o tipo de filme que traz muitas questões para o espectador refletir, mas termina com muitas perguntas a serem respondidas pela trama.

Nossa nota

4,0 / 5,0

Assista ao trailer:

Não esqueça de deixar a sua avaliação sobre o longa!

Nota do público
Obrigado pelo seu voto

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.