CRÍTICA – Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge (2022, DotEmu, Gamera Games)

    Após muitos anos longe dos games a DotEmu e Gamera Games volta a juntar Leonardo, Michelangelo, Donatello e Raphael em Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge, um fantástico jogo beat ‘em up que recorda o lendário estilo de 1987 das Tartarugas Ninjas e que presta homenagem a jogos clássicos como o do arcade.

    Lançado no dia 16 de junho, Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge está disponível para Nintendo Switch, PlayStation 4, PlayStation 5 e PC; e no Game Pass para Xbox One e Xbox Series X | S.

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Xbox Game Pass: 9 jogos adicionados recentemente

    SINOPSE

    Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge se inspira no clássico game das tartarugas ninja da década de 80, transportando os jogadores de volta ao apogeu dos fliperamas clássicos com atraentes gráficos de pixel art coloridos e misturando-os com mecânicas de jogo atualizadas.

    ANÁLISE

    Estamos em uma geração onde o poder gráfico dos consoles e PCs fazem com que alguns jogos parecem cenas reais de live action, por outro lado, essa mesma tecnologia é capaz de recriar e melhorar títulos que marcaram toda uma geração décadas atrás.

    Se você visitou fliperamas no final dos anos 80 ou início dos anos 90, certamente se lembra da Era de Ouro dos jogos beat-em-up. Títulos como Captain Commando, Final Fight, Street of Rage e outros seguiram uma fórmula bastante simples: faça seus personagens atravessarem um cenário cheio de bandidos, com alguns desafios ambientais para evitar que os níveis fiquem muito repetitivos e uma grande batalha contra o vilão no final. Mas o verdadeiro atrativo era sem dúvidas o multiplayer; afinal, antes mesmo de existir a internet esses jogos permitiam que quatro ou até seis amigos (ou estranhos) jogassem simultaneamente, compartilhando uma experiência quase caótica, mas emocionante.

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | CRÍTICA – Streets of Rage 4 (2020, DotEmu, Lizardcube, Guard Crush)

    Após o sucesso ao ressuscitar a franquia Street of Rage com a continuação da franquia 26 anos depois do último título a DotEmu apostou em uma franquia que mesmo adormecida, conta com uma grande legião de fãs. As Tartarugas Ninjas de tempos em tempos ressurgem, seja em filmes, desenhos animados, quadrinhos e agora nos games.

    PUBLICAÇÕES RELACIONADAS:

    CRÍTICA – Tartarugas Ninja: Coleção Clássica – Vol. 1 (2020, Pipoca e Nanquim)

    CCXP Worlds: Painel 30 anos de Tartarugas Ninja!

    Em Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge temos um novo modo de história pela cidade de Nova Iorque, com dois modos de jogo diferentes: multiplayer online e local (até seis jogadores online); e sete personagens jogáveis, incluindo as quatro tartarugas, Mestre Splinter, April O’Neil e Casey Jones.

    Com um visual pixel-art retrô, o game introduz novas habilidades e combos únicos para cada personagem que tornam cada gameplay totalmente única, mas também resgatando cenas icônicas dos jogos anteriores (como jogar os inimigos na tela).

    Com idioma em português, o game conta também com muitos estágios e praticamente todos os grandes vilões da franquia incluindo os icônicos Bebop, Rocksteady; e claro, Krang e o Destruidor.

    VEREDITO

    Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge é mais um grande acerto da DotEmu, que em parceria com a Gamera Games nos entrega um jogo leve, colorido e que atinge com sucesso seu objetivo: diversão em grupo e nostalgia equilibrada.

    Com muito mais movimentos do que nos jogos anteriores, incluindo uma variedade combos, ataques aéreos, arremessos e esquivas, tudo isso resulta em um jogo muito mais divertido de jogar do que eu esperava. A nostalgia está presente em todo o caminho de TMNT: Shredder’s Revenge, mas funciona como uma carta de amor para os jogos do passado sem parecer piegas, enquanto ainda se renova.

    Meu único descontentamento foi em relação ao sistema de pontos, que não nos permite escolher quais habilidades comprar. A forma automática com que elas são desbloqueadas dá a sensação de pouco, ou melhor, nenhum controle sobre a evolução do personagem; algo que poderia ser mais um dos muitos acertos do título.

    Nossa nota

    4,0 / 5,0

    Assista ao trailer de lançamento:

    Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder’s Revenge está disponível para Nintendo Switch, PlayStation 4, PlayStation 5 e PC; e no Game Pass para Xbox One e Xbox Series X | S.

    Acompanhe as lives do Feededigno na Twitch

    Estamos na Twitch transmitindo gameplays semanais de jogos para os principais consoles e PC. Por lá, você confere conteúdos sobre lançamentos, jogos populares e games clássicos todas as semanas.

    Curte os conteúdos e lives do Feededigno? Então considere ser um sub na nossa Twitch sem pagar nada por isso. Clique aqui e saiba como.

    Artigos relacionados

    22 jogos indie e AAA para ficar de olho ainda em 2022

    Selecionamos 22 jogos indie e AAA (Triple A) para PC e principais consoles que prometem boas experiências ainda em 2022. Confira!

    CRÍTICA – Xenoblade Chronicles 3 (2022, Nintendo)

    Lançado em 29 de julho de 2022, Xenoblade Chronicles 3 é o novo jogo da franquia desenvolvida pela Nintendo com a MONOLITHSOFT. Leia o review.

    Assassin’s Creed: 15 anos de franquia da Ubisoft

    Relembre de Assassin's Creed de 2007, que trouxe elementos inovadores para jogos de mundo aberto que se tornaram padrão atualmente.

    Pokémon GO: Veja a programação da Hora do Holofote em agosto

    Entre 18h e 19h nas terças, a Hora do Holofote (Spotlight Hour) coloca um Pokémon em destaque. Veja como será em agosto de 2022