Início FILMES Artigo Rua do Medo: Confira 5 filmes que inspiraram a obra

Rua do Medo: Confira 5 filmes que inspiraram a obra

rua do medo

Rua do Medo foi um projeto ousado que é uma adaptação dos livros homônimos criados por R. L. Stine e que fez bastante sucesso na Netflix com três filmes alucinantes: Rua do Medo – 1994: Parte 1, Rua do Medo 1978: Parte 2Rua do Medo – 1666: Parte 3.

Embora tenha sido uma adaptação de livros, a trilogia contou com muitas referências a filmes famosos do gênero de terro. Confira algumas delas nesta lista:

PÂNICO

serial killers

Começando pela franquia Pânico, pois Leigh Janiak, diretora dos três longas de Rua do Medo, tem uma participação direta na franquia do famoso serial killer Ghostface, pois foi a responsável pela série Scream, uma antologia dos longa de 1996.

O primeiro assassinato de Rua do Medo é uma clara referência à Pânico, uma vez que a personagem de Maya Hawke é assassinada de forma muito semelhante a Drew Barrymore na obra dos anos 90.

Em uma entrevista, Janiak afirmou que Pânico é seu filme de terror favorito e por isso ela colocou a homenagem na primeira cena.

HALLOWEEN

A série de filmes Halloween também está presente em Rua do Medo 1994, uma vez que o assassino mascarado fica do lado de fora das casas encarando suas vítimas.

Michael Myers tinha esse hábito sombrio, arrepiando até os cabelos do dedão do pé dos espectadores e das pessoas nas quais ele iria assassinar. SINISTRO!

CARRIE; A ESTRANHA

Já em Rua do Medo – 1978, temos duas referências claras à Carrie: A Estranha, obra de grande sucesso do autor Stephen King, uma das lendas do gênero de terror.

A primeira é quando Ziggy (Sadie Sink) e Nick (Ted Sutherland) conversam sobre nerdices e acabam falando do livro de King. Já a segunda é uma alusão à brincadeira de jogar um balde cheio de baratas em Sheila (Chiara Aurelia), uma homenagem e tanto para a coitada Carrie. No longa original, as bullies jogam tinta vermelha em referência à menstruação da garota.

SEXTA-FEIRA 13

Embora Carrie tenha aparecido como grande easter egg em Rua do Medo 1978, a homenagem real está em uma outra obra de grande repercussão e que é um clássico retumbante dos anos 80: Sexta-Feira 13.

O segundo filme da trilogia se passa em um acampamento cheio de adolescentes, com muito sexo, drogas, mortes e um assassino mascarado. Tudo aqui é igualzinho às obras antagonizadas por Jason Vorhees, um dos serial killers mais famosos de todos os tempos.

A BRUXA

Por fim, mas não menos importante, temos mais uma fonte bem interessante da qual Rua do Medo 1666, terceiro da trilogia, bebe: A Bruxa, dirigido por Robert Eggers.

Com uma atmosfera fantasmagórica, cheia de intolerância religiosa e muita terror psicológico, Rua do Medo emula muito bem tudo que foi apresentado por Eggers em seu excelente filme.

A trama pautada em preconceito e boas atuações lembra muito bem, mesmo que não tenha a mesma qualidade audiovisual de A Bruxa. Todavia, fica aqui a referência e pelo menos uma singela homenagem ao que foi feito de forma magistral por um baita elenco.

E vocês? Acharam mais easter eggs? Comentem aqui embaixo!

Confira o trailer de Rua do Medo:

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorCRÍTICA – Loki (1ª temporada, 2021, Disney+)
Próximo artigoCRÍTICA – The Legend of Zelda: Skyward Sword HD (2021, Nintendo)
Relações-públicas, gremista, nerd, escorpiano e palestrinha. Parece futebolista, pois só vive descendo a lenha. DC é melhor que Marvel, todavia, amamos as duas.