CRÍTICA – Loki (1ª temporada, 2021, Disney+)

    Loki foi um dos grandes lançamentos da Marvel em 2021, contando com Tom Hiddleston (Loki), Owen Wilson (Mobius) e Sophia Di Martino (Sylvie/Lady Loki) em seu elenco.

    A análise abaixo terá spoilers da temporada, ou seja, leia por sua conta em risco.

    SINOPSE DE LOKI

    O Deus da Trapaça consegue recuperar o Tesseract e acaba sendo pego pela AVT, uma entidade responsável pela linha sagrada do tempo.

    Agora ele deve ajudar Mobius a derrotar uma variante nada comum: Lady Loki.

    ANÁLISE

    Loki

    A primeira temporada de Loki foi uma nova empreitada da Marvel e vimos que a parceira com a Disney veio para ficar, pois as estruturas do Universo Cinematográfico Marvel estão balançando até agora com tudo que foi apresentado.

    A nova fórmula agora é engajar as séries no universo cinematográfico, uma vez que tivemos grandes acontecimentos para os filmes.

    O multiverso foi elaborado de forma caótica e curiosa, visto que um rombo foi aberto na linha do tempo. A entrada de Kang (Jonathan Majors) foi uma excelente sacada do estúdio, pois apresenta o possível sucessor de Thanos

    As atuações foram excelentes, com Hiddleston extremamente à vontade no papel. Ele domina o personagem e ainda melhora as atuações de seus parceiros. Gugu Mbatha-Raw (Ravonna Renslayer) também foi um grande destaque, pois apresentou uma misteriosa juíza que certamente será de suma importância no futuro.

    MUITAS REFERÊNCIAS E UMA CERTA FRUSTRAÇÃO

    Loki trouxe diversas referências interessantes, pois a cada episódio tínhamos algum easter eggs escondido em cena. O quinto episódio teve uma chuva deles, assim como apresentou também cenas icônicas de Richard E. Grant, que entregou uma atuação impecável em poucos minutos, por exemplo.

    Embora a segunda temporada tenha sido confirmada, ficou um ar de decepção por conta de muitos ganchos para o segundo ano. O episódio final, Por Todo o Tempo. Sempre, ficou abaixo do esperado por apenas apresentar Kang e não servir para muito mais do que isso. 

    Todavia, há muito pela frente e Loki apresentou muita qualidade, principalmente tecnicamente e com seu roteiro que teve momentos de genialidade.

    VEREDITO

    Loki - A Variante

    Loki revoluciona o mundo da televisão da Marvel, pois traz uma nova roupagem para a forma de fazer filmes da empresa. Ao apresentar um protagonista muito carismático e uma história de altos e baixos, o programa da Disney+ vai ficar na memória do público por muito tempo, sendo uma grande produção de adaptações de quadrinhos.

    Nossa nota

    4,0/5,0

    Confira nossa live sobre a temporada:

    Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

    Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

     

    Artigos relacionados

    A Casa do Dragão: Onde paramos e para onde vamos?

    Após uma 1ª temporada cheia de intrigas e reviravoltas, A Casa do Dragão, finalmente chegou com sua segunda temporada no dia 16 de junho!

    CRÍTICA: A temporada final de ‘Sweet Tooth’ é tão especial quanto a jornada de seu protagonista

    A série Sweet Tooth chegou ao fim. Mudando ligeiramente final, acompanhamos os últimos capítulos da jornada do Bico Doce e do Grandão.

    CRÍTICA: ‘The 8 Show’ é impactante e reflexivo

    'The 8 Show' é uma série original Netflix. A série adapta os webtoons Money Game e Pie Game de Bae Jin Soo.

    CRÍTICA: ‘Sugar’ é suspense noir de mais alto nível

    Sugar é a mais nova série do Apple TV+. Estrelada por Colin Farrell e grande elenco, acompanhamos a jornada do investigador John Sugar.