Início SÉRIE Artigo The Mandalorian: Como o Sabre Negro se difere de outros sabres de...

The Mandalorian: Como o Sabre Negro se difere de outros sabres de luz

Sabre Negro

Com o Sabre Negro desempenhando um papel importante em The Mandalorian, vamos analisar a história da arma e como ela se difere de outros sabres de luz.

ESSA PUBLICAÇÃO CONTÉM SPOILERS DA SÉRIE THE MANDALORIAN

O Sabre Negro fez sua estreia live-action no último episódio da 1ª temporada de The Mandalorian, em que foi empunhado por Moff Gideon. A posse da arma passou então de Gideon para Din Djarin no último episódio da segunda temporada, após Din derrotá-lo com a ajuda com cajado de Beskar.

O lado negativo, é que por causa disso, Din agora pode reclamar o trono de Mandalore, o que o torna rival de Bo-Katan Kryse e seus esforços para tomar seu lugar como a líder dos mandalorianos.

LEIA TAMBÉM:

Conheça todos os Jedi ainda vivos na época de The Mandalorian

Din, que não tem nenhum interesse em governar Mandalore, tentou dar o sabre a Bo-Katan pouco depois de derrotar Gideon, mas o legado longo e complicado impediu que ela aceitasse a arma. Agora, revelaremos a história do Sabre Negro e como ele se difere dos outros sabres da franquia.

A HISTÓRIA DO SABRE NEGRO

O Sabre Negro apareceu pela primeira vez em Star Wars: The Clone Wars na segunda temporada, em um episódio intitulado The Mandalore Plot. Desde então, foi mostrado em outras animações de Star Wars, assim como nos quadrinhos.

A arma foi concebida originalmente como uma lâmina usada por Pre Vizsla em The Clone Wars, porém mais tarde foi reimaginado como um sabre de luz com lâmina preta sob a supervisão de George Lucas. De acordo com o chefe da Lucasfilm Animation e produtor executivo de The Mandalorian, Dave Filoni, Lucas também ajudou a desenvolver a história por trás do Sabre Negro e o visualizou como uma arma efetiva contra outros sabres de luz.

Enquanto a maioria dos sabres de luz são fabricados por seus donos e aposentados quando eles morrem, o Sabre Negro é antigo. Construída há mais de 1.000 anos antes da Saga Skywalker, a arma foi empunhada por Tarre Vizsla, o primeiro Mandaloriano a se juntar a Ordem Jedi. Por isso, o Sabre Negro se tornou um conhecido símbolo de poder da cultura Mandaloriana.

É também por essa razão que a arma foi eventualmente reclamada pelos membros do Clã Vizsla, que a roubou do Templo Jedi onde foi guardada após a morte de Tarre Vizsla. Desde então, o sabre mudou de mão muitas vezes, e já pertenceu a Darth Maul após ele matar Pre Vizsla em combate.

Você também vai gostar de ler:

Todas as 30 habilidades dos Jedi e Sith no cânone

Anos mais tarde, na série animada Star Wars Rebels, Sabine Wren recuperou o Sabre Negro de Maul. Após derrotar o Imperial Viceroy Gar Saxon em um duelo; e antes de morrer, Sabine o deu a Bo-Katan, irmã de Satine e Duquesa de Mandalore na época das Guerras Clônicas.

Entretanto, após o Império Galático destruir Mandalore durante um evento conhecido como O Grande Purgo, Bo-Katan perdeu a posse da arma, que mais tarde foi parar nas mãos de Gideon.

COMO O SABRE NEGRO SE DIFERE DOS SABRES DE LUZ

Comparado aos outros sabres, o Sabre Negro tem uma lâmina mais curta e emite um som mais estridente. Ele também possui diversas características unicamente mandalorianas, incluindo uma forma de lâmina e um punho diferente.

Sua lâmina pode ser afetada pelos sentimentos do usuário. Por exemplo: ele se torna mais forte quando o usuário sente emoções mais intensas. Combinado com sua habilidade incomum de atrair a lâmina de outro sabre durante um duelo, o Sabre Negro é uma arma particularmente poderosa, especialmente nas mãos de um poderoso usuário da Força.

No entanto, diferente de um sabre comum, o Sabre Negro é tão mortal nas mãos de um Jedi ou Sith, quanto ao ser usado por um guerreiro com conhecimento limitado da Força. Essa é a razão de não-Jedi como Sabine e Bo-Katan serem capazes de usarem ele efetivamente em combate.

É o mesmo motivo pelo qual Gideon quase derrotou Din durante seu combate no episódio final da segunda temporada de The Mandalorian. Na verdade, graças a sua raiva e sua fúria, a arma foi tão destrutível nas mãos de Gideon quanto nas mãos de Maul.

Além disso, dado o fato do Sabre Negro ser um símbolo tão importante de status na cultura mandaloriana, ele tipicamente precisa ser conquistado em combate, e qualquer um que o empunhar sempre será alvo daqueles procurando uma forma de ganhar poder.

Isso o torna um item ainda mais poderoso para qualquer um empunhar do que um sabre de luz comum, o que Din sem dúvida descobrirá quando sua história continuar na 3ª temporada de The Mandalorian.

Criado por Jon Favreau, The Mandalorian é estrelado por Pedro Pascal, Gina Carano, Carl Weathers e Giancarlo Esposito. As duas primeiras temporadas da série estão disponíveis no Disney+. A 3ª temporada está confirmada para dezembro de 2021.

Em paralelo, a Disney também lançará The Book of Boba Fett no mesmo período de 2021. A série spin-off foi confirmada em um teaser ao final do último episódio da segunda temporada de The Mandalorian, e terá Temuera Morrison e Ming-Na Wen como protagonistas.

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorO Exorcista: Sequência deve ter o diretor de Halloween, David Gordon Green
Próximo artigoCRÍTICA | Jovens Bruxas: Nova Irmandade (2020, Zoe Lister-Jones)
27 anos, apaixonado por cinema, quadrinhos e games!