Blonde: A transformação de Ana de Armas em Marilyn Monroe

    Quando uma atriz espanhola nascida em Cuba com longos cabelos escuros e olhos verdes avelã apareceu ao set de Blonde, no primeiro dia de filmagens, parecendo tanto com a loira de olhos azuis Marilyn Monroe, houve suspiros audíveis. Nível de compromisso de Ana de Armas para se tornar Marilyn era semelhante a um ato de fidelidade e a equipe de cabelo e maquiagem estava ansiosa para servir ao lado dela.

    A atriz comentou:

    Essas transformações foram muito complicadas porque não precisávamos acertar apenas um look. Esta é uma história sobre 36 anos da vida de Marilyn Monroe, então passamos por todas as fases, não apenas falando sobre a cor do cabelo ou o visual, era quem era Norma Jeane, quem era Marilyn. Nós não usamos qualquer prótese. Era tudo maquiagem. Cada dia era um desafio. Cada dia era uma surpresa. E foi uma das minhas partes favoritas do dia.”

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Maquiagem de embelezamento no cinema

    A aclamada maquiadora Tina Roesler Kerwin (Agente Oculto e Top Gun: Maverick), foi encarregada de transformar Ana em Marilyn todos os dias, complementa:

    Do ponto de vista de um artista, tentamos ser fiéis ao original, tanto para Marilyn Monroe quanto para para Ana.”

    Em sua primeira reunião com o diretor Andrew Dominik, ele informou à equipe de Maquiagem e Cabelo que queria que a história fosse contada através das fotografias de pesquisa penduradas nas paredes do escritório de produção. E Kerwin relembra:

    Ele era inflexível quando dizia que não queria que simplesmente colocássemos a maquiagem de Marilyn em Ana. Ele queria que encontrássemos a Marilyn dentro de Ana; e isso se tornou nosso objetivo.”

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Ana de Armas: Conheça a atriz e seus melhores trabalhos

    A chefe do Departamento de Cabelo, Jaime Leigh McIntosh, conhecida por seu trabalho em filmes tão díspares como Pantera Negra (2018) e O Escândalo (2019), ficou encarregada de aperfeiçoar os penteados icônicos de Marilyn Monroe e explica como foi esse processo:

    Este filme exigiu muito estudo do cabelo de Marilyn Monroe. Estilizar as perucas foi um desafio porque seu penteado é uma personalidade por si só. Tentando acertar o pequenos detalhes para que ficasse parecido com o cabelo dela e não com uma peruca era de suma importância. Para isso foi preciso muita prática, planejamento e testes para que eu finalmente encontrasse Marilyn. Mas uma vez que eu coloco uma daquelas perucas loiras na Ana, bum. Isso para mim foi a chave para a transformação.”

    O exigente processo de maquiagem, não era rápido e Tina Roesler Kerwin relembra:

    Toda manhã ela pegava uma peruca e depois uma careca parcial para bloquear seu próprio cabelo para que as perucas se encaixassem corretamente. Então começamos a maquiagem dela. No total, demorava entre 2h e meia à 3 horas.”

    Sobre os produtos utilizados por Marilyn Monroe:

    Há tantas histórias sobre sua maquiagem e seus maquiadores que conseguimos encontrar todos os pequenos truques que eles usaram. Além disso, ela tinha algumas maquiagens favoritas itens que conseguimos rastrear. Além do perfume Chanel nº5 que ela usava, ela tinha algumas marcas de maquiagem favoritas. Pudemos encontrar algumas recriações legais de muitas dessas cores, principalmente com seus batons.”

    Assim como de Ana de Armas ficou emocionada durante sua primeira apresentação, o mesmo aconteceu com a equipe que a ajudou a criar o look. E de acordo com McIntosh, uma dessas emoções foi o alívio:

    A primeira vez que vi Ana totalmente como Marilyn foi incrivelmente emocionante porque foi tipo, ‘Oh, nós conseguimos!’.

    Kerwin ri lembrando-se de pedir a Ana de Armas para segurar as lágrimas por tempo suficiente para tirar uma foto.
    foto.

    Acho que houve um momento em que pensamos: ‘Oh Deus, isso é incrível, mas oh Deus, temos que fazer isso todos os dias!’.

    Claro que Tina Roesler Kerwin e Jaime Leigh McIntosh também tiveram que trabalhar sua mágica no resto do elenco e em sua equipe estavam todos igualmente empenhados em acertar os detalhes.

    Por exemplo, Bobby Cannavale, que interpreta o segundo marido de Monroe, o ex-atleta, chegou ao Departamento de Cabelo com muita ideias e uma bela cabeleira, relmbra McIntosh:

    Isso foi um prazer e nós praticamente fomos com tudo o que Bobby queria que fizéssemos. Ele estava no caminho certo e sabia como ele queria que seu personagem se parecesse e se sentisse.”

    E Adrien Brody, que interpretou seu terceiro marido, o dramaturgo, foi ainda mais longe.

    Fiquei incrivelmente grata por Adrien ter permitido nos inclinar para esse personagem com ele e ajustar a linha do cabelo, para afinar o cabelo. Acho que fez uma grande diferença.”

    Kerwin explica que Blonde não é apenas um filme sobre uma linda mulher e sua sensualidade:

    Em todo o mundo as pessoas conhecem e reconhecem Marilyn Monroe como uma superestrela e eu acredito eles ficarão fascinados com essa narrativa de sua história. É mais sombrio do que algumas histórias mas tem muita humanidade. Há um apelo universal porque você vê como ela lutou contra o altos e baixos em sua vida e lutou para descobrir quem ela era e construir sobre isso. Blonde é uma história de desafios e sucessos.”

    Jaime Leigh McIntosh conclui:

    Espero que as pessoas sintam que assistiram a algo incomum e diferente quando terminarem o filme. Porque é um confronto, porque tem alguma escuridão que talvez algumas pessoas podem se relacionar. Entendendo que pode ser tudo brilho e glamour do lado de fora, mas pode haver outras coisas acontecendo. E honestamente, espero que eles terminem o filme dizendo: ‘Como eles conseguiram que Ana de Armas se parecesse tanto com Marilyn Monroe?’.”


    Blonde chega ao catálogo da Netflix no dia 28 de setembro.

    PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Netflix: Filmes que chegarão ainda em 2022

    Curte maquiagem? Leia também:

    Maquiagem de Caracterização e seus filmes icônicos

    CRÍTICA – Glow Up (4ª temporada, 2022, Netflix)

    Conheça os maquiadores da 4ª temporada de Glow Up

    Inscreva-se no YouTube do Feededigno

    Assista às nossas análises de filmes, séries, games e livros em nosso canal no YouTubeClique aqui e inscreva-se para acompanhar todas as semanas nossos conteúdos também por lá!

    Artigos relacionados

    TBT #285 | ‘Vizinhos’ é comédia em que absurdos não param de escalar

    Os anos 2010 renderam incríveis comédias. O filme Vizinhos é a prova disso. O longa é estrelado por Seth Rogen, Rose Byrne e Zac Efron.

    TBT #284 | “Festival Sangrento” tenta emplacar horror, mas falha

    Festival Sangrento é uma curiosa crítica que acaba por abraçar o que ela parece criticar com tanto afinco. O filme falha como um horror, mas pode divertir.

    O que é o Festival de Cannes? Saiba mais sobre o evento anual de cinema e confira 4 recomendações de filmes

    Criado em 1946, o Festival de Cannes é um dos eventos de cinema mais prestigiados do mundo e acontece na cidade de Cannes, na França.

    TBT #283 | ‘Par Perfeito’ surpreende por diversão e espionagem

    Par Perfeito é uma ótima comédia. Lançado em 2010, somos lançados na história do casal Jen e Spencer, cujas vidas mudam em 24 horas.