Início LISTAS Gostou de Lupin? Confira uma lista de obras de assalto

Gostou de Lupin? Confira uma lista de obras de assalto

CRÍTICA – Lupin (Parte 1, 2021, Netflix)

Lupin é o atual sucesso do catálogo da Netflix. Com uma trama de assalto, a série é bastante divertida e você pode ler nossa crítica clicando aqui.

Se você gostou, confira agora algumas outras obras bem parecidas com o seriado estrelado por Omar Sy:

Cães de Aluguel (1992, Quentin Tarantino)

Abrindo a lista, temos Cães de Aluguel que foi dirigido pela lenda Quentin Tarantino e conta a história de ladrões que aplicam um golpe e agora desconfiam uns dos outros. 

A assinatura de Tarantino é forte aqui, com diálogos ágeis, atuações e direção incríveis, além de muita violência. Cães de Aluguel é uma das melhores obras do diretor e com certeza está nesta lista com muitos méritos como um dos melhores longas de assalto de todos os tempos.

Onze Homens e Um Segredo (2001, Steven Soderbergh)

Uma obra-prima dos filmes de assalto: Onze Homens e Um Segredo. Sendo uma das versões repaginadas do longa, o filme conta a história de Danny Ocean (George Clooney), um homem que recém saiu da cadeia e quer recuperar seu prestígio como um dos melhores e maiores assaltantes de todos os tempos. Ocean junta um grupo com dez homens, pois quer roubar três cassinos simultaneamente.

Onze Homens e Um Segredo é uma lenda no gênero de assalto, visto que acabou sendo homenageado em diversos momentos por outras obras. Com excelentes atuações e uma direção magnífica de Soderbergh, o filme continua excelente até hoje, divertindo e nos deixando boquiabertos com tamanha criatividade do roteiro.

O Plano Perfeito (2006, Spike Lee)

Estrelado por Denzel Washington, Jodie Forster e Clive Owen, o longa de Spike Lee conta a história de um grupo de assaltantes que querem roubar um grande banco. Com um esquema complexo, eles mostram muita astúcia e devem enfrentar um grande detetive (Washington).

O filme mostra diversos plot-twists e muita criatividade por parte do roteiro. Com uma direção competente de Lee, o longa tem pontos muito interessantes, assim como a série Lupin.

Truque de Mestre (2013, Louis Leterrier, Jon M. Chu, David Gould)

Um grupo de mágicos aplica diversos golpes pelo mundo. Um detetive impetuoso os persegue por causa de sua obsessão pelo caso.

Truque de Mestre subverte o gênero, pois usa de artefatos como ilusão e truques magníficos. Com um elenco estelar, formado por Woody Harrison, Mark Ruffallo e Jesse Eisenbergh, por exemplo, o filme tem muitos artifícios parecidos com a série francesa da Netflix.

Homem-Formiga (2015, Peyton Reed)

Homem-Formiga é um dos filmes de super-heróis da Fase 2 da MarvelNa trama, Scott Lang (Paul Rudd) acaba roubando o traje de Hank Pym (Michael Douglas), o ex super-herói Homem-Formiga e agora tem que ajudar o cientista a derrotar seu pupilo, Darren Cross (Corey Stoll), uma vez que ele quer utilizar o poderoso traje para o mal.

O longa do Universo Cinematográfico Marvel é bem divertido e tem um forte apelo de entretenimento, uma vez que tem uma trama mais fechada, pequena (ba dun tass). A boa atuação de Rudd e o excelente personagem Luis (Michael Peña) são os pontos altos do filme.

Em Ritmo de Fuga (2017, Edgar Wright)

Fechando a lista temos um jovem motorista de carros que ajuda um grupo de assaltantes a fazer diversos golpes. Depois de ver que as coisas se complicaram, agora ele tenta sair dessa vida e ter um romance com uma bela garçonete.

Em Ritmo de Fuga tem um elenco talentosíssimo, mas “de Chernobyl”, pois diversos atores tem problemas pessoais graves. Entretanto, o filme de Edgar Wright combina muito bem gêneros como ação e aventura, além de uma trilha sonora impecável.

Bônus:

Rick & Morty – Uma tripulação sobre o Morty do Crewcoo (4ª temporada)

Falando em homenagens à Onze Homens e Um Segredo, o episódio Uma Tripulação sobre o Morty do Crewcoo é uma sátira aos longas de assalto. 

Com o texto tirando sarro a todo o momento da falta de inventividade e absurdos dos filmes em questão, o episódio é de fazer os fãs de Rick & Morty darem muitas gargalhadas e ficarem perplexos com tamanha audácia!

A crítica ainda se estende aos nerds tóxicos e outras questões muito bem discutidas aqui. Vale muito a pena, assim como Lupin.

Faltou algum filme aqui na lista? Comentem!

Assista nossa crítica – sem spoilers – de Lupin:

PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Omar Sy: Conheça o ator e seus 10 melhores trabalhos

Curte nosso trabalho? Que tal nos ajudar a mantê-lo?

Ser um site independente no Brasil não é fácil. Nossa equipe que trabalha – de forma colaborativa e com muito amor – para trazer conteúdos para você todos os dias, será imensamente grata pela sua colaboração. Conheça mais da nossa campanha no Apoia.se e nos ajude com sua contribuição.

Artigo anteriorChris Evans negocia retorno para o Universo da Marvel
Próximo artigoCRÍTICA – Pai em Dobro (2021, Cris D’Amato)
Relações-públicas, gremista, nerd, escorpiano e palestrinha. Parece futebolista, pois só vive descendo a lenha. DC é melhor que Marvel, todavia, amamos as duas.