Início FILMES Artigo Tesseract: Entenda a confusa linha do tempo do Cubo Cósmico

Tesseract: Entenda a confusa linha do tempo do Cubo Cósmico

3572
0
Tesseract: Entenda a confusa linha do tempo Cubo Cósmico

Então… parece que a Marvel não consegue se distanciar das Joias do Infinito, né?! Capitã Marvel é o último filme a estrelar uma das Joias – nesse caso, o Tesseract – mesmo se passando cerca de 20 anos antes do fim de Vingadores: Guerra Infinita onde Thanos usou as Joias para limpar metade das vidas de toda a galáxia.

Mas antes do evento que alterou o universo, Carol Danvers precisou lutar apenas contra uma das Joias – a Joia do Espaço. Nesse momento da história (o filme se passa nos anos 90), a fonte do particular poder cósmico estava contida dentro do cubo conhecido como o Tesseract.

Mas não é surpresa que a aparição do objeto em Capitã Marvel pode ter confundido alguns fãs.

A presença do artefato no filme realmente faz sentido, ou a Marvel deu aquela ‘moscada’? Como a S.H.I.E.L.D. conseguiu o Tesseract? Como será que a Mar-Vell de Annette Bening conseguiu o Tesseract? Bem, acontece que Capitã Marvel parece ter feito um pequeno retcon – ou continuidade retroativa, que altera eventos do passado apresentando novos fatos -, mas faz sentido em uma análise final.

Vamos entender melhor a linha do tempo do Tesseract!

PRÉ-HISTÓRIA E ASGARD

A Joia do Espaço foi uma das seis Joias do Infinito criadas no início do universo, ou melhor, antes mesmo do universo sequer existir.

Eventualmente a Joia foi colocada dentro do Tesseract e escondida em Asgard, onde ela se tornou “A Joia da Sala de Tesouros de Odin.” Mas em algum momento, a poderosa Joia conseguiu chegar até a Terra, onde ela foi escondida por muitas gerações por adoradores de Odin em Tønsberg, Noruega.

CAPITÃO AMÉRICA: O PRIMEIRO VINGADOR

Em 1942, o Caveira Vermelha estava a procura do lendário artefato, e ele o encontrou em Tønsberg. Utilizando seus poderes para criar armas aprimoradas para seus agentes da HYDRA, que tinham como objetivo conquistar o mundo no ápice da Segunda Guerra Mundial.

O Caveira foi uma vítima do Tesseract quando ele tentou segurar o objeto em suas mãos durante uma batalha com o Capitão América em 1945. Aparentemente, rejeitando o vilão, o artefato cósmico teleportou o Caveira Vermelha para o outro lado da galáxia, até o planeta Vormir, onde ele se tornou o assustador guardião de outra Joia, a Joia da Alma. E ele está lá até os dias de hoje.

Enquanto isso, o Tesseract caiu no fundo do Oceano Ártico junto com o Capitão América, que então parecia ter morrido, apesar de estar em um tipo de hibernação.

Eventualmente, Howard Stark descobriu o Tesseract enquanto procurava por Steve Rogers, e ele então começou a estudar o objeto. (Esses estudos ajudaram Stark a descobrir um novo elemento que ajudaria a salvar a vida de seu filho Tony, anos depois quando o núcleo de seu peito começou a envenená-lo em Homem de Ferro 2.)

CAPITÃ MARVEL

Décadas após ser descoberto por Howard Stark, o Tesseract estava sendo usado como parte do Projeto P.E.G.A.S.U.S., um projeto ultra-secreto, um braço da S.H.I.E.L.D. e da NASA.

Comandada pela Dr. Wendy Lawson (Annette Bening), que era secretamente uma cientista Kree, conhecida como Mar-Vell, e tinha como objetivo, criar um motor de velocidade da luz que utilizaria o Tesseract como fonte de poder.

Mas Mar-Vell foi morta pela Força Estelar Kree, enquanto testava o motor, e sua co-pilota, Carol Danvers, ficou seriamente ferida… mas não antes de ganhar habilidade sobre humanas, depois do motor que tinha como fonte de energia, o Tesseract, explodir, banhando-a com sua energia.

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS:

CRÍTICA – Capitã Marvel (2019, Anna Borden e Ryan Fleck)

Capitã Marvel: Mas e esse tal gato no pôster do filme? Conheça Goose

Capitã Marvel: 5 histórias da personagem que você deve ler!

Capitã Marvel: Conheça a história de Carol Danvers

Quanto ao Tesseract, ele ficou escondido na nave de Mar-Vell, que estava na órbita da Terra, após sua morte. Durante o ponto alto de Capitã Marvel, Carol Danvers e Nick Fury encontram o objeto, e o gato alienígena Goose o engole para guardá-lo.

Na cena pós-crédito vemos Goose vomitar o Tesseract na mesa de Fury, como se o cubo cósmico não passasse de uma bola de pelos.

THOR

Parece que nos anos depois de Goose cuspir o Tesseract, a equipe de Fury continuou estudando o objeto no Projeto P.E.G.A.S.U.S. Ao fim do primeiro filme do Thor, durante as cenas pós-créditos, ele apresenta o objeto ao Dr. Selvig, pedindo sua ajuda para descobrir seus segredos.

Algumas pessoas supõe que o fato desses deuses heróis aparecendo pela Terra, parecem ter feito Fury pensar. Mas trazer o cientista para o projeto, se provou uma péssima ideia, já que Selvig estava sob controle mental de Loki.

PUBLICAÇÃO RELACIONADA | Stormbreaker: Conheça a arma de Thor em Vingadores: Guerra Infinita

VINGADORES

Em Vingadores, Thanos procurava por todas as Joias do Infinito, e ele enviou Loki até a Terra para recuperar o Tesseract, que continha dentro dele a Joia do Espaço. E assim, os Vingadores se reuniram pela primeira vez.

Usando o poder do Tesseract, Selvig abriu o portal sobre Nova Iorque, permitindo que o exército Chitauri de Loki invadisse a Terra. Mas os Vingadores conseguiram parar o ataque do asgardiano, quando a Viúva Negra usou outra Joia do Infinito – a Joia da Mente, contida dentro do cetro de Loki – para fechar o portal.

THOR: RAGNAROK e VINGADORES: GUERRA INFINITA

 

Isso nos leva até Thor: Ragnarok. Enquanto lutava contra o demônio Surtur, Loki visitou a Sala dos Tesouros de Odin, onde ele não pôde se conter e pegou o Tesseract.

Não ficou claro o que aconteceu até chegar em Vingadores: Guerra Infinita, quando o Thanos lutou contra Loki e Thor.

Loki, é claro, havia levado o Tesseract de Asgard, e enquanto ele tentou um truque para matar o Titã Louco, infelizmente, o Deus da Trapaça encontrou seu fim pelas mãos de Thanos, que teria então sua preciosa Joia do Infinito

Vingadores: Ultimato chega aos cinemas no dia 25 e promete trazer todas as respostas que os fãs tanto esperam!

Aproveite e ouça o Martelada #5 especial Capitã Marvel! Nele batemos um papo descontraído e damos nossa opinião sobre o primeiro filme solo de uma super heroína da Marvel Studios:

Martelada #5 | Capitã Marvel: Queima ou salva?

Comentários